Restaurante vegetariano fecha as portas em Curitiba depois de 26 anos
Blog Verdura sem frescura

Depois de 26 anos, restaurante Bouquet Garni fecha as portas

Fachada do Bouquet Garni, restaurante que funcionou na esquina da Rua Visconde de Nácar e Alameda Dr. Carlos de Carvalho por 26 anos. Foto: Daniel Castellano/Arquivo Gazeta do Povo
Fachada do Bouquet Garni, restaurante que funcionou na esquina da Rua Visconde de Nácar e Alameda Dr. Carlos de Carvalho por 26 anos. Foto: Daniel Castellano/Arquivo Gazeta do Povo

Abril é o mês em que começa e termina a história de um dos restaurantes vegetarianos mais conhecidos de Curitiba. O Bouquet Garni fechou as portas no dia 9 de abril, uma segunda-feira. A história do restaurante sob a administração da família Konzen começou no mesmo mês, há exatos 26 anos, quando Rafael Konzen comprou o restaurante de João Pedro Maciel.

“Não foi uma decisão fácil. Fazia um ano que estava me afastando para ter estrutura emocional para conseguir fechar esse ciclo”, contou Konzen. Foram vários os motivos para o fechamento do restaurante, explanou Konzen. A instabilidade econômica pela qual o Brasil passou nos últimos quatro anos, diminuição do movimento, alto custo de manutenção do ponto comercial e algumas questões particulares somaram para o fechamento.

O restaurante Bouquet Garni tinha um empório de produtos naturais além do buffet de pratos frios e quentes para o almoço. Foto: Daniel Castellano/Arquivo Gazeta do Povo

A notícia foi divulgada na página do Facebook do Bouquet Garni (agora tirada do ar) e em avisos colados nos vidros do ponto comercial nas esquinas da Rua Visconde de Nácar e Alameda Dr. Carlos de Carvalho. Konzen torce para que outro restaurante vegetariano abra no lugar. “Espero que alguém queira continuar com um empreendimento vegetariano”, disse.

Registro de parte do buffet do Bouquet Garni em 2013. Foto: Daniel Castellano/Arquivo Gazeta do Povo

Registro de parte do buffet do Bouquet Garni em 2013. Foto: Daniel Castellano/Arquivo Gazeta do Povo

O Bouquet Garni funcionou por 26 anos ininterruptamente, fechando apenas nos dias 25 de dezembro e 1º de janeiro. Além do buffet de almoço com dezenas de pratos quentes e frios, o restaurante mantinha um empório de produtos naturais. Até 2012 o restaurante se chamava Green Life. Entre 1977 e 1992, quando estava sob a administração de Maciel, chamava-se Verão Natural. A história foi contada por Rosy de Sá Cardoso há alguns anos no Bom Gourmet. O restaurante Verão Natural mudou de endereço na época e hoje funciona na Rua João Negrão, 140. O restaurante foi o primeiro vegetariano de Curitiba e seu fechamento foi lamentado nas redes sociais do restaurante.

8 recomendacões para você