Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Mais do que ensinar o idioma, escola bilíngue de qualidade deve trabalhar abordagem intercultural.
Mais do que ensinar o idioma, escola bilíngue de qualidade deve trabalhar abordagem intercultural.| Foto: Shutterstock
  • Por Colégio Everest
  • 24/11/2021 16:41

Estimular seu filho a falar inglês não é mais um luxo, mas sim uma necessidade básica. Hoje, o idioma com mais falantes no mundo é indispensável para o mercado de trabalho, oportunidades de estudo e até mesmo experiências de lazer e viagens.

Diante dessa demanda, o número de escolas bilíngues em Curitiba se multiplicou nos últimos anos. Mas afinal, existe diferença entre elas? Como escolher o melhor colégio com aulas em inglês para as crianças?

Saiba como funciona esse tipo de instituição de ensino e confira alguns pontos que precisam da sua atenção antes da matrícula.

Diretrizes orientam funcionamento de escolas bilíngues

O Conselho Nacional de Educação (CNE), órgão vinculado ao Ministério da Educação, possui uma série de diretrizes que orientam a organização das escolas bilíngues no Brasil. Conhecer essas orientações é o primeiro passo para entender como o colégio do seu filho funciona – e como deve funcionar.

Para começar, é importante saber que uma escola é considerada bilíngue quando oferece atividades em um segundo idioma, diferente da língua nativa dos estudantes (no caso, o português), em todas as séries que compõem a vida escolar.

De acordo com essa definição, não basta apenas oferecer aulas de inglês, mesmo que a matéria seja ensinada todos os dias, ou em uma carga horária maior que a habitual. É preciso que outras disciplinas sejam ministradas totalmente por meio da língua inglesa.

As diretrizes aprovadas pelo CNE para o ensino bilíngue no Brasil determinam que, para ser considerada bilíngue, a escola deve oferecer uma carga horária mínima de língua inglesa, que é de 30% a 50% na Educação Infantil e Ensino Fundamental, e de no mínimo 20% no Ensino Médio.

Por conta dessa organização, uma escola bilíngue deve, obrigatoriamente, adotar o regime integral ou semi-integral.

Metodologias do ensino bilíngue variam de escola para escola

Fora do escopo da legislação, cada instituição de ensino fica livre para escolher a abordagem pedagógica mais compatível com seus valores e propostas educativas.

Em Curitiba, um exemplo de ensino bilíngue de qualidade é o Colégio Everest, escola católica e internacional presente em outros 19 países além do Brasil. Por lá, os estudantes começam a ter contato com o inglês ainda na educação infantil, por volta dos 2 anos de idade.

Muitos pais se preocupam com a ideia de que o ensino de uma segunda língua, quando os filhos são tão novinhos, possa confundir a cabeça dos pequenos.

O diferencial do Everest é a adoção das chamadas metodologias ativas, em que o ritmo da criança é levado em consideração no processo de aprendizagem, transformando cada aluno em protagonista de seu próprio processo. Tudo vai acontecer no tempo do seu filho, de acordo com as necessidades dele.

Conheça a educação infantil do Colégio Everest

Por isso, não é preciso esquentar a cabeça. Toda a introdução do inglês acontece com muita paciência, amor e estratégias adequadas para cada faixa etária. O material didático utilizado é o mesmo adotado por escolas norte-americanas para alfabetizar os nativos. Essa escolha contribui para que toda a curva de aprendizado aconteça de uma maneira mais natural.

O Everest cria o ambiente propício para que os adolescentes terminem o ensino médio fluentes em inglês. Em determinados momentos da vida escolar, até 80% das aulas acontecem no segundo idioma. A partir do ensino fundamental, as crianças também passam a aprender o espanhol.

Como uma boa escola internacional, a instituição oferece todo o subsídio necessário para que seus estudantes possam participar de processos seletivos de universidades em outros países.

Para isso, proporciona a oportunidade de obtenção de dois certificados de proficiência: o de Cambridge, para a língua inglesa, e o Diploma Espanhol da Universidade de Salamanca, na Espanha.

Uma educação bilíngue significa oferecer o mundo de presente ao seu filho. Clique aqui e agende uma visita para conhecer o ensino internacional do Colégio Everest.