Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Alzimiro Thomé, presidente da Central Cresol Baser, reeleito para mais quatro anos
Alzimiro Thomé, presidente da Central Cresol Baser, reeleito para mais quatro anos| Foto: Divulgação
  • Por Cresol
  • 17/03/2021 10:26

A Cresol em seus 25 anos de história estruturou um formato de fazer acontecer, seguindo tendências de mercado, mas sem perder a essência de ser cooperativa. Sua decisão em ser grande sem se distanciar da base, de se manter próxima dos cooperados e da comunidade, aliada ao processo de profissionalização da governança, vem fazendo o sistema Cresol ser referência em crescimento e resultados.

Na sua última assembleia, que aconteceu no dia 11 de março, em formato digital, reforçou a tese de que fazer juntos da mais certo e produz resultados. Numa iniciativa inovadora, a formação do Conselho é feita de forma natural, onde todos os presidentes das cooperativas singulares filiadas à Central Cresol Baser são Conselheiros de Administração e, na assembleia da central, é eleito apenas o presidente e o vice-presidente.

“São decisões que fazem a gente se tornar cada vez mais eficientes, onde todas as cooperativas, além de ter vez e voz, estão alinhadas com os debates do Sistema”, afirmou Alzimiro Thomé, presidente reeleito para mais quatro anos.

No último ano, o Sistema Cresol celebrou 25 anos de história e comemorou o seu melhor ano, com um crescimento de 46%. Hoje, as cooperativas da Central Cresol Baser representam mais de 58% da composição da Cresol Confederação que fechou o ano de 2020 com R$ 13 bilhões em ativos.

Alzimiro Thomé, presidente da Central Cresol Baser, também destacou o momento que o Sistema vive e agradeceu o conselho de administração. “Nosso sistema cresceu muito nesses últimos anos, e isso só foi possível porque tivemos pessoas engajadas pelo mesmo propósito. Quero agradecer a cada um dos conselheiros que contribuíram muito para que nos tornássemos hoje a terceira força do cooperativismo de crédito brasileiro”, disse o presidente que também avaliou a capacidade de reinvenção do sistema perante as diversidades do atual momento. “A Cresol sempre esteve próxima do cooperado e no último ano precisou se reinventar. Achamos formas de encurtar a distância entre o nosso sócio para atendê-lo no momento em que ele mais precisou de nós. Todos os nossos conselheiros, diretores e colaboradores assumiram o mesmo compromisso e, por isso, foi possível manter o nosso propósito que é contribuir para a realização dos sonhos dos nossos cooperados”, finalizou.

Inovação Administrativa

Após o processo de organizar o sistema com cooperativas mais robustas, com as incorporações realizadas nos últimos cinco anos, a Cresol diminuiu o número de CNPJs de 81 para apenas 20 cooperativas e, a partir de agora, compõem o Conselho de Administração o presidente, vice-presidente e 20 conselheiros representantes de todas as cooperativas singulares. Com isso, o novo conselho ficou composto da seguinte forma:

Conselho de Administração Central Cresol Baser 2021-2024

Presidente: Alzimiro Thomé
Vice-Presidente: Luiz Levi Tomacheski

Conselheiros:
Cresol Costa Oeste: Adenilson Zanelatto
Cresol Rio Grande do Sul: Afranio Dalcin
Cresol Triunfo: Casemiro de Almeida
Cresol Norte Paranaense: Claudomiro Garcia
Cresol Fronteiras PR/SC/SP/ES: Claudir Sirota
Cresol Pioneira: Geraldo Maziero
Cresol Oeste Catarinense: Gilmar José Scatolin
Cresol Vale Europeu: Heber Kirchner
Cresol União dos Pinhais: Ivan Duarte
Cresol Progresso: João Batista Camilo dos Santos
Cresol Minas Gerais: João Paulo Dias da Fonseca
Cresol Horizonte: Jonas Paulo Uss
Cresol União dos Vales: José Paulo da Silva
Cresol Vale das Águas: Sergio Bukovski
Cresol Vale das Araucárias: Nilceu Evanir Kempf
Cresol Rondônia: Osvaldo Martins Gouveia
Cresol Liderança: Valdecir Parafianiuk
Cresol Goiás: Paulo Henrique de Sousa
Cresol Integração: Renato Ferreira
Cresol Tradição: Luiz Carlos Colombo