Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
A rabada é um dos principais pratos do Frères, sucesso entre o público do restaurante, que busca resgatar memória por meio dos sabores.
A rabada é um dos principais pratos do Frères, sucesso entre o público do restaurante, que busca resgatar memória por meio dos sabores.| Foto: Divulgação
  • Por Frères Gastronomia
  • 28/12/2021 09:27

Números e equações sempre fizeram parte do seu dia a dia. Desde o ensino básico até o superior, Altamar Queiroz Jr. foi, por muitos anos, professor de matemática. Apesar disso, o gosto pela gastronomia sempre esteve ali, lado a lado. Por cerca de uma década, ele - mestre em Desenvolvimento de Tecnologia – e seu irmão, Roberlei Queiroz–Doutor em Direito –, que também tem familiaridade com a cozinha, alimentaram o sonho de abrir um restaurante. E no meio de um turbilhão de desafios por conta da pandemia da covid-19, nasceu o Frères. Localizado no park gourmet do ParkShopping Barigui, o espaço tem como mote a comfort food, ou comida afetiva, que resgata a memória e história dos pratos, sendo capaz de despertar emoções por meio de aromas, formatos e sabores.

O nome do restaurante, não por coincidência, significa irmãos em francês. Embora passeie por essa cultura no cardápio, os pratos também trazem referências de diversas cozinhas, como a portuguesa, italiana, espanhola e, claro, a brasileira.

Toda a inspiração para criar o cardápio vem de receitas que a mãe e a avó da dupla faziam. Somadas a experiências no universo gastronômico e viagens que sempre proporcionam diversas descobertas. Sendo assim, aliar o sabor original das receitas com o intuito de instigar lembranças aos clientes, com uma pegada caseira e ao mesmo tempo sofisticada, é o que move o restaurante. Não à toa, uma das expressões utilizadas por Altamar para classificar seu cardápio é ‘comida de sítio’.

Picanha na chapa, outra especialidade da casa.
Picanha na chapa, outra especialidade da casa.| Crédito: Divulgação

História e tradições

Um exemplo disso é o famoso pato com laranja, uma receita que os irmãos degustavam quando eram pequenos e hoje é a estrela do cardápio. Frango caipira com polenta, coelho ao molho e camarão à grega também fazem parte do menu e são opções que carregam história e tradições culturais. Todas essas opções trazem vivências e memórias. Os pratos são feitos com uma pitada de amor e incrementados com ideias dos irmãos.

"Nós também buscamos receitas que trazem a identidade das culturas. Pesquisamos como refazer, seja uma receita mais clássica ou mais moderna, sempre tentamos reproduzir o sabor original", afirma Altamar.

E, para trazer toda a autenticidade que eles se propõem, os irmãos se preocupam até mesmo com o preparo dos pães, que são de fermentação natural e feitos diariamente no restaurante. Galinha, pato, coelho, codorna e algumas hortaliças e verduras são retirados diretamente de produtores locais, na Região Metropolitana de Curitiba. Eles estão sempre em busca dos melhores fornecedores para os insumos do restaurante. Altamar e Roberlei são casados com nutricionistas, então elas auxiliam no processo de compra, controle sanitário e análise de todos os produtos utilizados na cozinha do Frères.

Parmegiana de tilápia com massa fresca.
Parmegiana de tilápia com massa fresca.| Crédito: Divulgação

Memórias e acolhimento

O espaço aconchegante do restaurante foi pensado para oferecer a melhor experiência aos clientes. Com tons que acolhem e promovem conforto e bem-estar, a proposta do Frères tem sido aprovada pelos clientes. "Temos uma história de um cliente que entrou somente por conta da dobradinha presente no cardápio. Ele entra, faz o pedido e, ao experimentar o prato, se mostra muito emocionado. Ele havia perdido a mãe na pandemia, e reconheceu no prato o mesmo sabor da dobradinha que a mãe dele fazia”, recorda Altamar. “De certo modo, isso nos trouxe um sentimento de dever cumprido. Hoje, ele é nosso cliente, e já nos visitou outras vezes com a família para saborear nossos pratos”, acrescenta.

O restaurante é completo para todas as ocasiões e refeições. Para quem deseja um lugar mais reservado ou fazer uma confraternização, há uma sala vip gourmet, separada do salão principal. No espaço, é servido um menu-degustação. Além disso, há o café/bar com opções de folhados, sanduíches artesanais, café especiais e drinks clássicos e autorais.

Mignon grelhado au poivre.
Mignon grelhado au poivre.| Crédito: Divulgação