Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
A madeira biossintética é uma opção bastante versátil e pode ser utilizada em qualquer etapa de um projeto
A madeira biossintética é uma opção bastante versátil e pode ser utilizada em qualquer etapa de um projeto| Foto: Divulgação MadenWood
  • Por MadenWood
  • 29/01/2021 12:29

Para minimizar impactos ambientais, os projetos arquitetônicos sustentáveis têm ganhado cada vez mais espaço no mercado. As opções para preservar a natureza são muitas, como, por exemplo, aproveitar a iluminação natural de espaços, adaptar recursos naturais ao projeto, ter um sistema de coleta seletiva de lixo e a utilização de materiais ecológicos.

Projetos como esses estão sendo adotados por empreendimentos imobiliários e se popularizam entre engenheiros, arquitetos e paisagistas. Diante da urgência em preservar o meio ambiente, a busca por recursos sustentáveis cresce, sendo um dos produtos mais utilizados nesses projetos a madeira biossintética. Ricardo Oleriano, CEO da MadenWood , explica que a madeira biossintética é um compósito de 70% de madeira reciclada de serrarias e 30% polímero de alta densidade, que é um plástico mais resistente e também reciclado.

Além de agregar valor e versatilidade ao projeto, a madeira biossintética é um dos materiais mais sustentáveis para se utilizar na construção civil e oferece grande benefício estético, além de ser mais duradoura e não exigir manutenção. “O grande diferencial entre a madeira natural e a biossintética é a durabilidade, que (no caso da biossintética) pode ser superior a 50 anos e não exige nenhum tipo de tratamento”, explica Ricardo.

A madeira biossintética pode ser manuseada e trabalhada como a madeira natural, sendo utilizada em diversas construções, como escadas
A madeira biossintética pode ser manuseada e trabalhada como a madeira natural, sendo utilizada em diversas construções, como escadas| Divulgação MadenWood

O CEO da MadenWood diz, ainda, que apesar da composição entre polímero e madeira, a madeira biossintética não é plástica e há uma grande diferença entre os dois produtos. “A madeira plástica, por conter plástico virgem em sua composição, não é 100% ecológica. Além disso, tem algumas desvantagens de montagem, retenção de temperatura e a falta de aderência para cortes e demais ajustes, muito diferente da biossintética. Já a madeira biossintética pode ser manuseada e trabalhada como a madeira natural e por qualquer profissional, pois tem os mesmos aspectos de textura, cor e até odor da madeira normal”, afirma. Com uma garantia de 10 anos em seus produtos, a empresa afirma que todas as peças já são tratadas contra pragas e não deterioram.

Relação com o meio ambiente

Do ponto de vista de meio ambiente, a utilização da madeira biossintética é ainda mais positiva. De acordo com Ricardo, buscar matéria-prima em árvores de reflorestamento é uma alternativa que evita diversos danos à natureza. Mas a MadenWood vai além e opta pela utilização de madeiras que já foram extraídas, fazendo o reuso desse material para seu processo produtivo. Para a gerente, evitar o corte de árvores contribui para a manutenção do ecossistema como um todo.

Com variadas possibilidades de instalação, a MadenWood oferece diferentes tipos de tábuas, vigas, forros e revestimentos
Com variadas possibilidades de instalação, a MadenWood oferece diferentes tipos de tábuas, vigas, forros e revestimentos| Divulgação MadenWood

A madeira biossintética é uma opção bastante versátil e pode ser utilizada em qualquer etapa do projeto. Para quem busca opções variadas sem abrir mão do cuidado com o meio ambiente, a MadenWood oferece diferentes tipos de tábuas, vigas, forros e revestimentos, com possibilidades variadas de instalação, o que facilita na hora da escolha de peças para qualquer ambiente. Além disso, optar por esse tipo de madeira evita gastos futuros com manutenção, o que eleva o custo benefício.

Para Ricardo, mais do que uma alternativa para um projeto, a madeira biossintética oferece um novo tipo de consumo, que se alia à qualidade de vida e pretende criar um mercado mais sustentável para as próximas gerações. Para ele, “ou buscamos sustentabilidade agora ou não teremos mais o que preservar no futuro”.

Apesar da composição entre polímero e madeira, a madeira biossintética não é plástica, podendo ser utilizada de diversas maneiras
Apesar da composição entre polímero e madeira, a madeira biossintética não é plástica, podendo ser utilizada de diversas maneiras| Divulgação MadenWood

“O destaque da MadenWood é contar com matéria-prima 100% de reuso, ou seja, sustentável. É uma ótima opção de madeira ecológica no mercado. Temos um laboratório bem equipado e que é uma referência no país. Realizamos todos os testes para garantir o melhor produto em todos os lotes que produzimos. Aliamos tecnologia e preservação do meio ambiente, mantendo a fidelidade de um produto natural”, reitera o CEO.

A linha de produtos em madeira biossintética oferecida pela MadenWood tem produção 100% brasileira e é feita por profissionais especializados, que garantem a qualidade das peças e a reprodução ideal da madeira natural.