• 08/04/2020 11:19
Economia

Meirelles defende “imprimir dinheiro” e nega risco de inflação

  • 08/04/2020 11:19
  • PorGazeta do Povo
    henrique-meirelles
    Henrique Meirelles, ex-presidente do Banco Central| Foto: Marcos Correa

    Henrique Meirelles defende que o governo federal "imprima dinheiro" em meio à pandemia do novo coronavírus em razão da forte retração da economia. Em entrevista à BBC, o presidente do Banco Central na crise financeira de 2008 negou risco de inflação com a medida. "O Banco Central tem grande espaço de expandir a base monetária, ou seja, imprimir dinheiro, na linguagem mais popular, e, com isso, recompor a economia. Não há risco nenhum de inflação nessa situação", disse, ao defender a emissão de moeda para o pagamento do auxílio emergencial de R$ 600. Meirelles estima que o PIB do Brasil sofra queda superior a 5% em 2020.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.