i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Startups

Loggi atinge US$ 1 bilhão em valor de mercado e vira oitavo unicórnio brasileiro

  • PorGazeta do Povo
  • 05/06/2019 11:59
entregador da empresa Loggi
Entregador da empresa Loggi. Startup é o novo unicórnio brasileiro.| Foto: Reprodução/YouTube

Um aporte de US$ 150 milhões, feito pelo SoftBank, Microsoft, GGV, Fifth Wall e Vel Partners, acaba de transformar a startup de logística brasileira Loggi no oitavo unicórnio brasileiro. A empresa, fundada há seis anos pelo francês Fabien Mendez, hoje CEO da startup, e pelo brasileiro Arthur Debert foi avaliada em US$ 1 bilhão, segundo comunicado da Loggi divulgado nesta quarta-feira (5).

A Loggi se apresenta hoje como uma empresa de entregas, que conecta empresas, consumidores e entregadores (motofretistas), mas tem planos para ir além disso. Segundo entrevista de Mendez à Bloomberg, a Loggi usará o aporte para formar uma equipe de mais de mil engenheiros e levar o serviço, hoje presente em 36 cidades, para todo o Brasil (ou 95% do território, pelo menos). Com isso, a empresa passaria dos atuais 600 para 1,5 mil funcionários. A empresa já tinha recebido um aporte do Vision Fund, também do SoftBank, no ano passado.

Os planos da Loggi levariam o número de entregas diárias saltar de 100 mil para 5 milhões em até cinco anos – meta já divulgada pela empresa em outras ocasiões anteriores. Segundo a Bloomberg, a empresa está criando uma rede de centros de distribuição em todo o país, com pequenos depósitos nos bairros.

“Tornar-se um unicórnio nunca foi um objetivo em si, mas é um marcador de que estamos no caminho certo”, afirmou o CEO da Loggi, “nosso objetivo é entregar qualquer coisa para qualquer um. Até o fim de 2020 queremos conectar todas as cidades brasileiras. A ideia é oferecer entrega no dia seguinte a todos os brasileiros”.

Com a Loggi, o Brasil "gerou" oito unicórnios desde 2018. Os outros sete são 99, iFood, Movile, Nubank, Gympass, Stone, Arco Educação.

1 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 1 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • L

    Luis Franzon

    ± 0 minutos

    motoboy virou "motofretista" agora??? ***...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso