Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Caro usuário, por favor clique aqui e refaça seu login para aproveitar uma navegação ainda melhor em nosso portal. FECHAR
PUBLICIDADE

fintechs

As quatro fintechs brasileiras mais promissoras, segundo consultoria americana

Segundo a CB Insights, entre as fintechs que devem “mudar a face dos serviços financeiros” nos próximos anos, há quatro brasileiras

  • Carlos Eduardo Dias Ferreira, especial para a Gazeta do Povo
Nubank é uma das quatro fintechs brasileiras mais promissoras | NubankDivulgação
Nubank é uma das quatro fintechs brasileiras mais promissoras NubankDivulgação
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

A empresa de consultoria CB Insights revelou recentemente sua já tradicional lista com fintechs mais quentes da atualidade. Entre as 250 startups financeiras elencadas estão quatro brasileiras: Creditas, Easynvest, GuiaBolso e Nubank.

Siga @gpnovaeco no Twitter 

LEIA MAIS notícias de negócios e tecnologia

De acordo com a CB Insights, as companhias selecionadas têm potencial para “mudar a face dos serviços financeiros” por meio de soluções tecnológicas inovadoras em áreas como recursos humanos, investimentos, mercado imobiliário, seguros e concessão de crédito, entre outras. As 250 fintechs levantaram um total de US$ 14 bilhões em 2016 por meio de 240 acordos – com 23 delas avaliadas em US$ 1 bilhão ou mais. 

“A indústria de serviços financeiros verá mais mudanças nos próximos 10 anos do que nos últmo 100”, afirmou o CEO e cofundador da CB Insights, Anand Sanwal, ao revelar a lista na última edição da conferência The Future of Fintech. “Essa transformação tem sido conduzida por um grupo de pequenas empresas emergentes (...) e aquelas listadas na Fintech 250 são as mais promissoras entre elas”, disse Sanwal, elencando diferenciais capazes de “mudar permanentemente a forma como nós lidamos com dinheiro e fazemos negócios”.

O processo de escolha das fintechs pela CB Insights tem pouca intervenção humana. Para a seleção das 250 startups, a consultora utilizou dados e indicativos estatísticos providos por uma tecnologia de aprendizagem de máquina. Desenvolvida em parceria com a Fundação Nacional de Ciência dos EUA, a ferramenta leva em consideração fatores como menções em notícias e na internet, qualidade dos investidores, período transcorrido desde o último aporte, total levantado etc. 

Conheça as quatro brasileiras que integram a lista:

Nubank

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/06/30/Economia/Imagens/Cortadas/Nubank_app e cartao-ID000002-1200x800@GP-Web.png
NubankDivulgação

Nubank foi escolhido por sua proposta de simplificação dos processos de concessão de crédito. “A Nubank trabalhar para redefinir o padrão dos serviços financeiros no Brasil, oferecendo cartão de crédito sem taxas que é controlado apenas por um aplicativo móvel”, descreve a CB Insights. Há cerca de três anos no mercado, a startup mantém uma plataforma majoritariamente digital, possibilitando reduções de custos ao consumidor. O Nubank soma até o momento um total de US$ 180 milhões em aportes. 

Creditas

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/06/30/Economia/Imagens/Cortadas/Creditas-ID000002-1200x800@GP-Web.png
CreditasDivulgação

Com foco em modalidades de empréstimos segurados, a Creditas ganhou destaque pela utilização de tecnologias e análises de dados capazes de “reinventar” a concessão de créditos do gênero – com juros mais baixos do que a média do mercado e prazos de pagamento que chegam a 20 anos. “A Creditas concede empréstimos aos clientes tanto por meio de investidores quanto de instituições financeiras, em parcerias de benefício mútuo que promovem eficiência para toda a indústria”, descreve a CB Insights. A Creditas já levantou um total em fundos de US$ 26,8 milhões. 

GuiaBolso

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/06/30/Economia/Imagens/Cortadas/Guia do Bolso-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg
GuiaBolsoDivulgação

GuiaBolso é uma plataforma de gerenciamento financeiro que tem como proposta automatizar o controle de despesas para os consumidores, oferecendo as melhores escolhas entre uma lista de empresas parceiras. “Ao utilizar uma tecnologia que é exclusiva do Brasil, a companhia tem experimentado um crescimento explosivo em número de usuários e também tem recebido atenção extensiva da mídia, por conta do seu aplicativo para iPhone e Android.” O GuiaBolso acumula até o momento um total investido de US$ 24,3 milhões. 

Easynvest 

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/06/30/Economia/Imagens/Cortadas/Easynvest-ID000002-1200x800@GP-Web.png
EasynvestDivulgação

A corretora de valores independente Easynvest oferece várias opções de investimentos entre Renda Fixa e Variável, tendo sido pioneira no Brasil em disponibilizar esse tipo de serviço para pessoa física. Por meio da plataforma digital é possível realizar serviços de compra e venda de ações em ambiente online. O valor total de aportes da Easynvest não foi divulgado.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Economia

PUBLICIDADE