Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Boeing 787 da Norwegian
Boeing 787 da Norwegian| Foto: Divulgação/Norwegian

As operações de companhias aéreas de baixo custo em voos internacionais no Brasil estão contribuindo para reduzir os preços das passagens.

Um levantamento feito pelo Kayak, uma ferramenta de planejamento de viagens, mostra que, com a entrada da chilena Sky Airline nas rotas entre Rio de Janeiro, São Paulo e Santiago do Chile e a norueguesa Norwegian Air entre Rio de Janeiro e Londres contribuíram para reduzir em até 23% o preço médio das passagens aéreas nestas rotas.

Rota Rio de Janeiro – Santiago

Pré-Sky AirlinePós-Sky AirlineVariação
R$ 1.772 R$ 1.454 - 17%

Rota São Paulo – Santiago

Pré-Sky Airline Pós-Sky Airline Variação
R$ 2.245 R$ 1.859 - 17%

Rota Rio de Janeiro - Londres

Pré-NorwegianPós-Norwegian Variação
R$ 5.990 R$ 4.611 - 23%

“Os preços podem ter diminuído tanto pela oferta de passagens baratas das low costs como por uma revisão de estratégia de companhias tradicionais, que podem estar baixando seus preços de base e oferecendo voos com menos serviços para continuarem competitivas”, afirma Eduardo Fleury, Líder de Operações do Kayak no Brasil.

“De qualquer forma, é importante que o viajante saiba que está pagando mais barato por um produto mais simples e que se quiser todos os serviços de bordo inclusos os preços sobem”, completa.

No último mês começaram a operar outras duas companhias de baixo custo: a chilena JetSmart, que vai voar de Salvador, Foz do Iguaçu e São Paulo para Santiago, e a argentina Flybondi, que está voando do Rio de Janeiro para Buenos Aires. As rotas também podem apresentar queda em seus preços médios ao longo dos próximos meses.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]