i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Para futuros servidores

Governo vai enviar reforma administrativa na quinta-feira, diz Bolsonaro

  • 01/09/2020 09:46
  • Atualizado em 01/09/2020 às 17:26
Governo vai enviar reforma administrativa na quinta-feira, diz Bolsonaro
| Foto: Isac Nobrega/PR

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) anunciou nesta terça-feira (1º) que o governo vai enviar uma proposta de reforma administrativa para o Congresso na quinta-feira (3). De acordo com o presidente, a medida valerá apenas para os futuros servidores, que ainda prestarão concursos públicos, e não vai afetar os atuais funcionários públicos.

O anúncio foi feito nesta terça-feira (1º), no Palácio do Alvorada, após reunião da cúpula do governo com líderes da base governista. Na ocasião, Bolsonaro também anunciou a prorrogação do auxílio emergencial, que terá mais quatro parcelas de R$ 300.

Em agosto, o então secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia, Paulo Uebel, deixou o governo justamente pela morosidade do Planalto em enviar a proposta ao Congresso. O texto ficou pronto na Economia em novembro do ano passado, mas foi engavetado por decisão do presidente, que esperava o melhor "timing político".

Reforma administrativa é olhar para o futuro, diz Guedes

O ministro da Economia, Paulo Guedes, destacou que o anúncio do envio da reforma administrativa é um bom indicativo do governo, pois sinaliza o olhar para o futuro e retomada da agenda de reformas. Ele também frisou que, assim como ressaltado antes por Bolsonaro, a proposta que será encaminhada não atinge os direitos dos servidores públicos atuais, "mas redefine toda a trajetória do serviço público para o futuro".

Guedes deu poucas pistas do que haverá na proposta, além de primar por um serviço público de qualidade e meritocracia. O ministro citou que haverá "concursos exigentes" e "promoções por mérito".

"É importante porque estamos não só com os olhos na população brasileira a curto prazo [em referência à prorrogação do auxílio emergencial], mas toda a classe política pensando no futuro do país e implementando as reformas", afirmou.

Em comissão na Câmara, também na manhã desta terça-feira (1ª), Guedes retomou o assunto. O ministro ressaltou que o anúncio do envio da proposta é importante sinalização de retomada da agenda de reformas. "Estamos sinalizando para o futuro, com a retomada das reformas. A reforma administrativa é importante. E como o presidente deixou claro desde o início, ela não atinge os direitos dos servidores públicos atuais, mas redefine toda a trajetória do serviço público para o futuro, um serviço de qualidade, com meritocracia", disse Guedes.

Alinhamento com as lideranças

Líder do governo na Câmara, o deputado Ricardo Barros (PP-PR), destacou a amplitude da nova proposta. "A reforma administrativa que vai chegar para ser apreciada no Congresso só para os futuros servidores públicos, mas com uma mudança muito profunda, que vai permitir meritocracia no serviço público, o que é fundamental", afirmou.

Ele ainda destacou que tanto esta medida quanto a prorrogação do auxílio emergencial no valor de R$ 300 são recados do governo em favor da responsabilidade fiscal, rigor nas contas públicas e compromisso com o teto de gastos. “Essa é a nova maneira de fazer articulação política: vamos acordar com os senhores líderes primeiro, e anunciar depois”, afirmou.

A retomada da agenda de reformas foi comemorada pelo líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE). Para ele, o anúncio da prorrogação do auxílio emergencial encerra o período de emergência que o país enfrentou por causa da pandemia e abre espaço para as novas reformas.

"O Brasil cria condições, com a retomada da agenda de reformas, de ter um forte crescimento no ano que vem", disse.

16 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 16 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • R

    Rogério

    ± 20 horas

    Enquanto os políticos mamarem nas tetas do paquiderme, a Sociedade que os escolheu para representá-la nunca deixará de sustentá-los... Certamente que muitos nem o texto entenderão... Eis o milagre de fé!!!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    Salvador

    ± 21 horas

    Reforma pars quem ENTRAR no serviço público?? NÃO é reforma! É manter tudo que está aí é fingir que fez algo! Vergonha, como sempre, deste Bozo sindicalista.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • F

    Fernando Fernandes

    ± 21 horas

    Só não vai mexer com os militares, assim como foi na reforma da previdência. Adivinhem por quê?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    MIRIAM CRISTINA

    ± 22 horas

    Não se aposentou? Está na ativa? A reforma tinha que vir para cima de quem está trabalhando ainda no serviço público, vamos bancar esse povo sem lastro financeiro por mais 30, 40, 50 anos. Sei que se fizer para os atuais também, a reforma não passa! Afinal não sei porque politico morre de medo de servidor público, eles tem uma força maior que os outros 190 milhões de brasileiros, não entendo! Essa reforma tinha que ter vindo há 30 anos atrás e quase todas as mazelas do brasil já estariam sepultadas... privilégio é pior que corrupção!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • F

      Fernando Fernandes

      ± 21 horas

      Deveria ter estudado quando era mais nova, Miriam... quanto ódio!!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • G

      Gisa

      ± 22 horas

      Solte a sua metralhadora contra os funcionários públicos que realmente têm altos salários e privilégios, como a casta de juízes e promotores, deputados e senadores, que jamais terão os benefícios cassados ou diminuídos.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Alcir Carlos Sereni

    ± 22 horas

    Item número um da proposta: expressamente proibido o professor universitário incentivar o aluno a estudar bastante para passar em concurso público.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    Regina Célia Baldin

    ± 23 horas

    Vamos ver o resultado de quase dois anos de ineficiência...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • Z

    Zyss

    ± 23 horas

    Espero que coloquem mecanismos para demissão rápida de servidor ineficiente e não produtivo.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • F

    Fábio

    ± 23 horas

    Abono permanência tem q acabar...O sujeito não domina o meio digital, não sabe usar plataformas de trabalho remoto e o governo paga plus p o imprestável ficar criticando o próprio governo.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • Z

    Zyss

    ± 23 horas

    Já vai começar mal esse reforma. Acabou de falar que nenhum servidor atual será atingido. Mamada goes on.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    AS

    ± 23 horas

    Considerando que a reforma vai vir da família rachadinha, é possível que venha proposta com fim da exigência de concurso e quebra da estabilidade.... Uma vergonha.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • L

      Lucas Lemos

      ± 23 horas

      Esse comentário foi removido por não estar de acordo com os Termos de Uso.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    JOSÉ IVALDO

    ± 23 horas

    Esse comentário foi removido por não estar de acordo com os Termos de Uso.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • S

      Somente Verdades

      ± 21 horas

      OI ? A reforma tem justamente o objetivo contrário ...

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • O

    Osvaldo

    ± 24 horas

    Já estava na hora apesar do covid 19 !!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]