i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Redes sociais

Com críticas à agenda esquerdista, Weintraub promete livro didático na pré-escola e “Enem sem risco”

  • PorGazeta do Povo
  • 26/05/2020 20:36
O ministro da Educação Abraham Weintraub.
O ministro da Educação, Abraham Weintraub| Foto: Walterson Rosa/MEC

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, afirmou que os alunos da pré-escola da rede pública de ensino irão utilizar livros didáticos para dar os primeiros passos no processo de alfabetização a partir de 2022.

Segundo ele, a prática já é adotada na rede privada e agora também será disponibilizada no ensino público. A informação foi divulgada em uma live com o deputado federal Diego Garcia (PODE-PR) na noite desta terça-feira (26).

De acordo com o ministro, essa é uma das ações do MEC para melhorar a alfabetização dos alunos brasileiros, os quais figuram nas últimas posições em avaliações internacionais.

Os materiais serão adaptados para a faixa etária desses alunos e são, sobretudo, fundamentados na nova Política Nacional de Alfabetização (PNA), lançada pela Secretaria de Alfabetização, capitaneada por Carlos Nadalim. O documento estabelece cinco principais pilares que devem nortear todas as ações da pasta voltadas à alfabetização. São eles: consciência fonêmica, instrução fônica sistemática, fluência e leitura oral, desenvolvimento de vocabulário, produção escrita e a estratégia de compreensão de textos.

Weintraub atribuiu o fraco desempenho da educação brasileira à agenda esquerdista implantada nos governos anteriores. Ele resumiu essa agenda aos métodos não científicos, à ênfase em educadores como Paulo Freire, à doutrinação nas escolas e às tentativas de implantação da ideologia de gênero nas instituições de ensino.

Tempo de aprender e escolas cívico-militares

O ministro e o deputado reforçaram ainda a importância da família no aprendizado das crianças. Sobre esse tema, Weintraub destacou que o governo lançou no ano passado o programa “Tempo de Aprender", para dar ênfase à literacia familiar. Segundo ele, os conteúdos do programa já tiveram 1,8 milhão de acessos.

Quando perguntado pelo deputado sobre as escolas cívico-militares, Weintraub reforçou que adesão dos estados é voluntária, mas que gostaria que pelo menos 10% de todas as escolas públicas brasileiras pudessem migrar para o novo formato.

“Enem sem risco”

Sobre o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), o ministro afirmou que o MEC vai adotar uma série de ações para evitar riscos aos candidatos que foram fazer a prova em razão do coronavírus. A data, porém, ainda não está definida, já que o exame foi adiado em razão da pandemia. Weintraub reafirmou que os inscritos poderão opinar sobre a nova data das provas em junho.

Segundo ele, algumas medidas adotadas serão ampliar o número de salas, para que haja menos alunos em cada uma delas, contratar mais fiscais de prova e  disponibilização de álcool em gel para candidatos e aplicadores.

2 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 2 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • J

    Josphin

    ± 0 minutos

    Xexeu bimbim, tú é um xexeu bimbim mesmo.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • X

      Xexéu Bimbim

      ± 2 horas

      Ministo Abraham, o centrão já pediu sua cabeça.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      Fim dos comentários.