233416

Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Esportes
  3. Coritiba
  4. Wilson completa 200 jogos pelo Coritiba; lembre as 10 maiores ‘mitadas’ do goleiro

personagem

Wilson completa 200 jogos pelo Coritiba; lembre as 10 maiores ‘mitadas’ do goleiro

  • Gazeta do Povo
 | Albari Rosa/Gazeta do Povo
Albari Rosa/Gazeta do Povo
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Ídolo da torcida do Coritiba, Wilson coleciona mitadas com a camisa alviverde. Desde 2015 no Alviverde, ele soma nove gols com a camisa do time e está prestes a chegar à marca de 200 jogos pelo clube. Decisivo para a classificação do time à final da Taça Barcímio Sicupira, o primeiro turno do Campeonato Paranaense, o jogador de 35 anos é visto como uma oásis pelos torcedores em um momento delicado na vida coxa-branca.

Confira o top 10 dos melhores jogos de Wilson no Coritiba:

17/9/2015 - Flamengo 0 x 2 Coritiba – Brasileiro

O time carioca vinha embalado e mandou o jogo no Mané Garrincha, com quase 68 mil pessoas, recorde de público da competição. Lutando contra o rebaixamento, o Coxa abriu 2 a 0 no primeiro tempo. E quando exigido, Wilson mostrou segurança.

6/12/2015 – Coritiba 0 x 0 Vasco – Brasileiro

/ra/pequena/Pub/GP/p5/2019/02/21/Esportes/Imagens/Vivo/coxa 11 albari rosa-klrC-ID000002-1024x341@GP-Web.jpg

Jogo tenso da última rodada valendo a permanência na Série A para Coritiba ou Vasco. Dia de muita chuva no Couto Pereira. Mas mesmo com toda a pressão, Wilson mostrou frieza para não ser vazado até o final da partida.

25/2/2016 – Coritiba 3 x 3 Rio Branco – Paranaense

/ra/pequena/Pub/GP/p5/2019/02/21/Esportes/Imagens/Vivo/Coritiba x Rio Branco - HH (14)-10557-klrC-U20701167162jpG-1024x341@GP-Web.JPG

Noite de homenagem aos 50 anos de clube do ídolo Dirceu Krüger. Wilson falhou no primeiro gol do Rio Branco e o Coxa perdia até os últimos minutos. Até que, na cobrança de escanteio, aos 50 minutos, o goleiro foi ao ataque e empatou o jogo ao desviar a bola alçada na área.

25/5/2016 Coritiba 1 x 1 São Paulo – Brasileiro

Wilson fechou o gol. Em chutes de fora da área, cabeçada à queima roupa e com o atacante cara a cara com o goleiro. Um jogo para mostrar todos os recursos e o reflexo apurado o coxa-branca, que saiu do jogo como o melhor em campo.

2/7/2016 – Fluminense 0 x 0 Coritiba – Brasileiro

Wilson garantiu o empate sem gols contra o Tricolor carioca. Contou também com a ajuda da trave e fez um verdadeiro milagre ao espalmar o chute de primeira do meia Dudu.

28/9/2016 – Belgrano 1 x 2 Coritiba (3 x 4 nos pênaltis)

/ra/pequena/Pub/GP/p5/2019/02/21/Esportes/Imagens/Vivo/wilson_belgrano.jpg

Oitavas de final Copa Sul-Americana: Wilson foi o herói do Coxa na Copa Sul-Americana de 2016. O Alviverde havia sido derrotado pelo Belgrano, da Argentina, em casa. Mas devolveu o placar na casa do adversário. E nos pênaltis, Wilson brilhou no triunfo por 4 a 3. O goleiro já havia barrado a cobrança de Luna quando foi para a marca e anotou o seu. Na sequência, Gastón Suárez bateu e o coxa-branca defendeu outra vez, garantindo a classificação para as quartas de final.

3/8/2017 – São Paulo 1 x 2 Coritiba

Lutando contra a zona do rebaixamento, o Coxa vinha de quatro derrotas seguidas quando enfrentou o São Paulo no Morumbi. Mas graças às defesas de Wilson o Alviverde venceu o time paulista. No final do jogo, o então técnico Marcelo Oliveira disse que o goleiro deveria ser convocado para a seleção brasileira como prêmio pelas atuações decisivas.

29/10/2017 – Sport 3 x 4 Coritiba

/ra/pequena/Pub/GP/p5/2019/02/21/Esportes/Imagens/Vivo/wilson_defende-kkOI-U203661886142g2F-1024x682@GP-Web.jpg

Em um dos jogos mais emocionantes do Brasileiro de 2017, Wilson marcou mais uma vez seu nome com a camisa do Coritiba. O arqueiro defendeu não apenas um, mas dois pênaltis cobrados por Diego Souza na vitória alviverde por 4 a 3. Na oportunidade, o resultado mantinha a equipe com esperanças de seguir na elite.

Foz do Iguaçu 1 x 1 Coritiba. (2 x 4 nos pênaltis)

O Coxa não foi bem no Estadual, mas com grandes atuações de Wilson o Alviverde chegou na final do torneio regional. Na semifinal da Taça Caio Júnior, o primeiro turno do Paranaense, o goleiro fechou o gol no tempo normal e nas penalidades para classificar o Coxa.

FC Cascavel 0 x 0 Coritiba (5 x 3 nos pênaltis)

Em fraca atuação do Coxa, o goleiro defendeu um pênalti no tempo normal, já no segundo tempo. Na decisão por pênaltis, brilhou a estrela: defendeu uma cobrança e fez um de pênalti.

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O jornalismo da Gazeta depende do seu apoio.    

Por apenas R$ 0,99 no 1º mês você tem
  • Acesso ilimitado
  • Notificações das principais notícias
  • Newsletter com os fatos e análises
  • O melhor time de colunistas do Brasil
  • Vídeos, infográficos e podcasts.
Já é assinante? Clique aqui.
>