Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Equipe que trabalhou na transmissão via Youtube do primeiro Atletiba decisivo neste domingo. | Jonathan Campos /Gazeta do Povo
Equipe que trabalhou na transmissão via Youtube do primeiro Atletiba decisivo neste domingo.| Foto: Jonathan Campos /Gazeta do Povo

A transmissão pelo Youtube da vitória por 3 a 0 do Coritiba sobre o Atlético na primeira partida da final do Campeonato Paranaense, na Arena da Baixada, neste domingo (3), agradou as duas torcidas. Tanto a conta oficial do Furacão, quanto a do Coxa teve em média aproximadamente 50 mil pessoas acompanhando a transmissão durante o jogo. Ou seja, nos 90 minutos de bola rolando, foram aproximadamente 100 mil visualização.

- Leia mais - Torcedor do Coritiba é baleado em terminal de ônibus

“O Atlético não está pensando no Paranaense”, dispara Autuori após derrota

Leia a matéria completa

A partida na Arena foi a primeira transmissão de uma decisão profissional no futebol brasileiro - os dois clubes já haviam entrado para história como a primeira partida oficial transmitida no canal da internet no primeiro confronto do Estadual, em março.

Já no Facebook, os números ficaram entre 11 e 13 mil no final da partida, com mais de 7 mil compartilhamentos em cada página da dupla Atletiba. Na página do Atlético, a transmissão rendeu 48,1 mil comentários. Já na do Coritiba foram 48,6 mil comentários.

A cobertura do clássico começou às 15h20 e aconteceu normalmente até instantes antes da bola rolar. A transmissão esteve fora do ar nos sete primeiros minutos da partida, mas depois a conexão foi reestabelecida e não teve mais problemas.

Com a mão na taça, Pachequinho se garante como técnico do Coritiba no Brasileirão

Leia a matéria completa

O primeiro Atletiba transmitido pelo Youtube aconteceu dia 1º de março, quando o Rubro-Negro venceu o Alviverde por 2 a 0, no jogo válido pela quinta rodada da primeira fase do Paranaense, adiada porque a Federação Paranaense de Futebol (FPF) impediu a transmissão via Youtube na data original, dia 19 de fevevereiro. Na ocasião, a FPF alegou que os profissionais de Atlético e Coritiba não poderiam trabalhar na transmissão porque não estavam credenciados para a partida. Diante da decisão, as cúpulas rubro-negra e alviverde optaram por não jogar a partida, o que adiou o confronto.

Quando o primeiro Atletiba com transmissão foi jogado, Atlético e Coritiba tiveram juntos no Youtube pico de quase 130 mil visualizações. No próximo domingo (7), na finalíssima que vai definir o campeão estadual de 2017, a dupla Atletiba volta a fazer transmissão conjunta às 16h no Couto Pereira.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]