i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Auxílio às startups

Cubo Itaú e BID Lab lançam guia virtual gratuito para startups sobreviverem à crise

  • PorPatrícia Basilio, especial para o GazzConecta
  • 05/06/2020 09:00
Cubo Itaú e BID Lab lançam guia virtual gratuito para startups sobreviverem à crise
| Foto: Bigstock

Como obter financiamento, priorizar o fluxo de caixa, continuar vendendo e digitalizar minhas contas diante da crise decorrente do novo coronavírus? Essas e diversas outras questões passaram a ser enviadas diariamente por empreendedores angustiados com o cenário econômico global ao BID Lab (Laboratório de Inovação do Banco Interamericano de Desenvolvimento). E para responder às perguntas — muitas delas parecidas entre si, o banco decidiu criar um guia virtual gratuito com informações e lives, em parceria com o Cubo Itaú, maior hub de empreendedorismo da América Latina, o Survival Kit (Kit de Sobrevivência).

Lançado na semana passada, o site possui detalhes sobre apoio financeiro às startups, gestão de pessoas, legislação e impostos, trabalho remoto, saúde mental, transformação digital, perspectivas econômicas, notícias sobre a Covid-19, informações sobre hubs e agenda de eventos.

“Nossa parceria com o Cubo tinha como ideia internacionalizar o hub, mas com a Covid-19 tivemos que mudar os planos. Fizemos, então, do limão uma limonada. Precisamos democratizar o que for preciso para manter as empresas vivas”, afirmou Anita Fiori, lead investment officer do BID Lab.

Segundo Anita, que atualmente vive em Washington (EUA), o guia em breve deve ganhar versão espanhol e, posteriormente, em inglês, para poder ser acessado por empreendedores estrangeiros — o que também permite divulgar o Cubo internacionalmente.

“O projeto está saindo da América Latina. Os empreendedores precisam não só de dinheiro, como de equilíbrio emocional, plano de contingência e uma série de outras orientações”, acrescenta.

A parceria do Cubo com o BID Lab foi firmada em agosto do ano passado, com a proposta de intensificar a agenda de atividades internacionais do hub e aproximar as startups do setor público. Um representante do banco trabalha especificamente para o projeto e voltará a atuar próximo aos empreendedores, no prédio do Cubo, em São Paulo,  quando a quarentena acabar.

Guia reúne universo de inovação

Na avaliação de Renata Favale Zanuto, co-head do Cubo, o guia criado em parceria com o BID Lab pode reunir em um único lugar newsletters e lives do hub, além de informações sobre outros espaços de empreendedorismo, como o Google for Startups, por exemplo.

O Survival Kit é uma maneira agnóstica não só de falar sobre o Cubo, mas também sobre o ecossistema de inovação como um todo. Há empresas que estão pedindo para colocar conteúdo próprio no guia. E quanto mais dinâmico ele for, melhor”, explicou.

Além do Survival Kit, o Cubo disponibiliza também a lista “Essa Startup Resolve”, com soluções oferecidas por startups residentes que podem ajudar grandes empresas a resolver problemas ligados à crise do novo coronavírus. Há tecnologias de dez segmentos diferentes, como logística, direito trabalhista, educação digital, saúde e trabalho remoto.

“Quando a gente estava no prédio, recebia as grandes empresas e ouvia as necessidades delas. Com o modelo digital, decidimos que o Cubo vai até as empresas”, concluiu Renata.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.