Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Vouchers digitais garantem faturamento durante a pandemia
| Foto: Unsplash

As vendas antecipadas usando métodos de pagamentos digitais são a principal alternativa dos empresários para manter o fluxo de caixa, mesmo neste período em que parte dos estabelecimentos está fechada e as vendas, quase paradas. Através de vouchers os clientes compram viagens, produtos, serviços ou até mesmo cotas em restaurantes antecipadamente, para usar em um momento de retomada dos serviços. A alternativa ajuda principalmente donos de estabelecimentos, que podem ter um respiro neste momento que o lucro diminui, mas as despesas continuam as mesmas. Já para os clientes, a vantagem mora na aquisição de bens e serviços com valores reduzidos.

Um exemplo desta nova forma de fazer o dinheiro circular, sem que haja contato entre as partes interessadas é o sistema de vouchers Seja Bom. Para ajudar bares e restaurantes durante o período de crise, o programa reuniu 35 restaurantes de Curitiba e já arrecadou mais de R$ 77 mil reais em 37 dias.

A iniciativa é promovida pela multiplataforma de gastronomia Bom Gourmet, em parceria com o Clube Gazeta do Povo, Ebanx e CandyShop. O cliente pode antecipar o pagamento de cotas nos estabelecimentos parceiros com valores de R$ 40, R$ 70 e R$ 100. Alguns restaurantes oferecem ainda mais 20% do valor do voucher para consumo. A carta de restaurantes vai de gastronomia mexicana, italiana, espanhola, até bares de cervejas artesanais.

Raphael Zanette, sócio do Grupo Vino, tem quatro de seus restaurantes na capital paranaense participando da campanha. Com as casas operando somente delivery desde o dia 18 de março, a rede teve uma redução drástica no faturamento. “Achei a iniciativa legal a ideia é boa e estamos fazendo um caixa em um momento bem difícil que as despesas continuam chegando.” afirma Zanette.

De viagem à vale presente 

Já a Azul linhas aéreas está oferecendo a opção Bilhete Viagem, que permite a compra antecipada de um pacote de viagem, válido até 30 de abril de 2021. Os valores partem de R$ 1,5 mil e o cliente pode escolher entre opções em lugares quentes (litorâneos) ou frios, no sul do país. Entre os destinos disponíveis estão Maceió, Porto Seguro, Porto de Galinhas, Natal, Fortaleza, Salvador, João Pessoa,  Gramado, Curitiba e Foz do Iguaçu.

Em nota, a companhia informou que em sua visão o retorno dos voos domésticos será realizado antes que as demandas internacionais e o objetivo da iniciativa é fomentar o turismo nacional e sua economia. O sistema Bilhete Viagem será uma oferta definitiva aos clientes da companhia, que estuda também lançar novas opções de vouchers de resorts e ecoturismo.

No comércio de produtos, destacam-se iniciativas semelhantes. Para manter as lojas de shoppings ainda em funcionamento a plataforma Ciclo do Bem reúne vale presentes de até R$ 100, de lojas de todo o país. Se o cliente opta por pagar através da plataforma Ame, recebe de volta 20% do seu dinheiro para realizar outras compras. O sistema foi desenvolvido para o Dia das Mães e está disponível até 31 de maio para compras de vale presentes.

A tecnologia está disponível no Amazonas, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Rio de Janeiro. No Paraná o sistema funciona nos shoppings Curitiba, Estação, Catuaí Londrina e Maringá. A plataforma foi desenvolvida em parceria com a brMalls, administradora de shoppings, e a plataforma de gestão de pagamentos Ame.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]