Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Faturamento das PMEs com vendas online no Paraná cresceu 18% no 1º trimestre de 2022
Faturamento das PMEs com vendas online no Paraná cresceu 18% no 1º trimestre de 2022| Foto: Unsplash, rupixen.com/Reprodução

Um levantamento da plataforma de e-commerce Nuvemshop revela que as pequenas e médias empresas do Paraná apresentaram uma alta no faturamento com vendas online no primeiro trimestre de 2022. De acordo com o relatório, as PMEs do estado faturaram 18% a mais em comparação com o mesmo período do ano passado.

O resultado coloca o Paraná em 6º lugar no ranking nacional do e-commerce, com mais de R$ 27,3 milhões de vendas online nos primeiros três meses deste ano. O levantamento foi realizado com os empreendedores do estado dentro da base de mais de 90 mil lojistas cadastrados na plataforma da Nuvemshop.

“Mesmo com a volta do varejo presencial, ainda observamos o crescimento do e-commerce no Brasil e no estado do Paraná. Embora as previsões para o setor tenham sido mais tímidas para este ano, indicando certa estabilização, os pequenos e médios empreendedores do estado continuam apostando no ambiente digital” afirma em nota Luiz Natal, gerente de e-commerce e desenvolvimento de plataforma da Nuvemshop.  

O volume de pedidos também apresentou alta, atingindo mais de 103,5 mil no mesmo período (nos primeiros três meses de 2021, foram 89,4 mil). Já o ticket médio nas lojas online do estado foi de R$ 263,73, um aumento de 2% em relação ao primeiro trimestre de 2021 (R$ 257,51).

Entre as formas de pagamento, a pesquisa mostra que o PIX tem avançado no estado. A ferramenta, que representava apenas 0,3% dos pedidos pagos no ano passado, foi o meio de pagamento escolhido para 13,2% dos pedidos em lojas online no Paraná no primeiro trimestre de 2022, ficando à frente do boleto, que representou 5,4%. O meio de pagamento mais escolhido foi o cartão de crédito, que correspondeu a 52,6% dos pedidos pagos nos três primeiros meses do ano.

Entre os segmentos que mais faturaram nesse período no estado estão: Moda (R$ 9,9 milhões); Casa & Jardim (R$ 1,8 milhão); Saúde & Beleza (R$ 1,3 milhão); Joias (R$ 1,1 milhão) e Eletrônicos (R$ 1 milhão).

Faturamento das PMEs em todo o país  

Segundo o levantamento nacional da Nuvemshop junto à sua base, as lojas online brasileiras faturaram mais de R$573,2 milhões no primeiro trimestre, valor 23% superior ao mesmo trimestre de 2021. O volume de pedidos online também cresceu 14%, chegando a mais de 2,4 milhões. O ticket médio nacional foi de R$ 236,92, valor 9% superior ao mesmo período do ano passado.

No cenário nacional, os segmentos que mais faturaram no primeiro trimestre do ano, entre as PMEs, estão: Moda (R$ 213,8 milhões); Acessórios (R$ 87,3 milhões); Saúde & Beleza (R$ 36,4 milhões);  Casa & Jardim (R$ 21,3 milhões) e Arte (R$ 16,6 milhões).

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]