Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
O sistema desenvolvido pela Tecnofit proporciona uma gestão completa para academias.
O sistema desenvolvido pela Tecnofit proporciona uma gestão completa para academias.| Foto: Divulgação

A startup curitibana Tecnofit nasceu para facilitar a gestão de academias e acabar de vez com os cadernos de anotações e fichas de papel. O sistema desenvolvido por Anderson Cichon, diretor de tecnologia da Tecnofit, melhora o faturamento de academias e espaços esportivos em até 30%.

O software começou a ser projetado ainda em 2006, quando o dono da academia em que Anderson treinava propôs uma troca: se ele desenvolvesse o sistema para organizar o calendário de aulas e fichas dos alunos, não precisaria mais pagar as mensalidades do treino.

Só em 2016 a startup foi fundada oficialmente com a fusão entre Anderson e o investidor e atual CEO da startup Antonio Maganhotte, um dos fundadores do Ebanx, depois de dois anos de aperfeiçoamento do sistema. A equipe saltou de dois para 130 funcionários com faturamento de R$ 1 milhão por mês.

O software oferece uma panorama completo de academias, estúdios de pilates, crossfit e outros esportes, desde o controle do aluno que vai fazer uma aula experimental até venda de planos, avaliação física e orientação para os colaboradores, delegando tarefas individuais.

Os softwares custam para as academias entre zero – no caso do aplicativo para o personal trainer – até pacotes de R$ 899 por mês. O valor varia de acordo com o número de alunos.

No produto gratuito voltado para personal trainer, o Tecnofit Personal, o profissional pode organizar seus ganhos, sua agenda e aulas dos alunos. Segundo Antonio, um dos objetivos da startup é levar educação aos clientes. “Queremos entregar mais gestão e educação para o público, assim a gente torna esse mercado mais saudável e ajuda os preparadores a fazer uma gestão profissional da carreira” disse o CEO.

Quanto maior o aporte, mais clientes

Quando foi comercializada, a partir de 2006, a plataforma tinha 35 clientes em Curitiba. A startup recebeu um aporte de R$ 2,4 milhões no final de 2018. O investimento veio do fundo de investimento Honey Island Capital e de um grupo de investidores anjo.

No mesmo ano, a startup foi acelerada pelo programa de Scale-Up da Endeavor. Hoje, a Tecnofit conta com 3,5 mil clientes espalhados pelo país.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]