Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Fabricante brasileira de motos elétricas recebe aporte para abrir fábrica em Manaus.
Fabricante brasileira de motos elétricas recebe aporte para abrir fábrica em Manaus.| Foto: Divulgação

A Creditas confirmou nesta segunda-feira (24) o investimento de R$ 95 milhões na Voltz, startup fabricante de motos elétricas. Conhecida informalmente como “Tesla brasileira”, a Voltz terá a Creditas como sócia relevante, mas não majoritária.

A montadora concentra agora o maior investimento já feito pela Creditas desde a sua fundação, em 2012. O motivo é um só: seguir as principais tendências do setor automotivo, no Brasil e no mundo. Uma dessas tendências é justamente o transporte limpo, ou seja, com reduzido impacto ambiental.

A partir de agora, a Creditas passa a ofertar modelos de financiamento também para as motos elétricas da Voltz.

"O futuro da mobilidade está em transportes mais inteligentes, conectados e, obviamente — seguindo a tendência mundial —, que não liberem poluentes. O consumidor de hoje exige a experiência completa, e a Voltz está empenhada em entregar. Acreditamos que a empresa está abrindo o caminho para o futuro das duas rodas no Brasil", comenta Sérgio Furio, fundador e CEO da Creditas.

O olhar para a Voltz ainda reflete o interesse da Creditas em se desvincular da imagem de empresa focada apenas em oferta de crédito, mas também de prestação de serviços ao cliente.

O desejo em estar mais próximo dos consumidores e gerar uma jornada de interação contínua foi antecipado por Fábio Zveibil, vice-presidente de desenvolvimento de negócios da Creditas, em entrevista ao GazzConecta. "O objetivo aqui não é efetuar uma transação, mas sim estar próximo do cliente o tempo todo", contou.

Fábrica em Manaus

Com o capital, a Voltz poderá abrir uma nova fábrica em Manaus ainda neste ano, além de ampliar o número de lojas/showrooms e criar um projeto piloto para uma rede de recarga de baterias instalada nos postos Ipiranga.

“O investimento na Voltz é nossa maior aposta até o momento e confirma nosso convencimento de que a inovação em serviços financeiros precisa estar intimamente ligada com a inovação tecnológica e a migração de motores de combustão para elétricos”, concluiu Furio.

Nova parceria

Menos de duas semanas após anunciar a entrada no segmento automotivo com a criação de um produto voltado ao financiamento, compra e venda de veículos, a Creditas deu mais um passo mirando sua nova estratégia focada em "casa, carro e salário": a fintech anunciou uma parceria com a startup Credere, de análise de crédito para compra de automóveis.

O negócio faz parte do esforço da fintech unicórnio em se tornar líder consolidada no setor de crédito no país, especialmente no setor automotivo.

Com a nova aliança, lojistas e compradores de veículos inseridos na Credere poderão usar da plataforma da Creditas para agilizar o processo de contratação de crédito para seus clientes e, em contrapartida, a fintech também poderá integrar os produtos financeiros da Creditas em seu ambiente virtual.

“Nosso objetivo é tornar a compra e venda financiada tão simples quanto comprar ou vender via cartão de crédito. Por isso, um dos passos é plugar nossa solução com os principais bancos e produtos financeiros do mercado, como os da Creditas”, afirma Orlando Seabra, CEO da Credere, em comunicado à imprensa.

2 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]