Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Em 2019, a incorporadora curitibana Weefor surpreendeu o mercado ao lançar concurso público de projeto para empreendimento residencial privado. Agora a incorporadora lança o MUDA WF no Água Verde.
Em 2019, a incorporadora curitibana Weefor surpreendeu o mercado ao lançar concurso público de projeto para empreendimento residencial privado. Agora a incorporadora lança o MUDA WF no Água Verde.| Foto: Weefor

Até 2023 o bairro Água Verde, em Curitiba, irá ganhar um novo edifício residencial. É o empreendimento imobiliário MUDA WF, na Rua Pará, 900, que em 2019 foi objeto de concurso público de projeto. Uma iniciativa inédita para o mercado curitibano que agora foi reconhecida com o prêmio Iconic Awards 2021, do respeitado Conselho Alemão de Design, na categoria Conceito de Planejamento Urbano. O projeto arquitetônico do edifício é assinado pelo escritório paulistano Nachtergaele Navarro Arquitetos Associados, vencedor do concurso de 2019.

Participaram do júri internacional da premiação Susanne Branherm (Alemanha), Asif Khan (Inglaterra), Michel Casertano (Alemanha), Silvia Olp (Alemanha), Werner Sobek (Alemanha), Linda Stannierder (Alemanha) e Song Zhaoqing (China). A entrega oficial do prêmio será realizada dia 11 de outubro no Museu de Arte Moderna de Munique, na Alemanha.

Siga a HAUS no Instagram

Perspectiva mostra como será área interna de apartamento do MUDA WF.
Perspectiva mostra como será área interna de apartamento do MUDA WF.| Weefor

“O MUDA WF é resultado de um projeto inclusivo feito por pessoas para pessoas. Um empreendimento que integra o viver, o conviver, o trabalhar e o relaxar, baseado em um amplo e verdadeiro conceito de comunidade. Criamos processos inovadores, abrimos as portas para os arquitetos, projetistas e para os moradores do Água Verde", detalha Maria Eugenia Fornea, diretora da Weefor.

O edifício terá oito andares e 52 unidades com oito tipos de plantas que variam de 53,37 m² a 112,76 m². As opções incluem apartamentos com um, dois ou três dormitórios, todos com uma suíte, além de coberturas duplex. E outro ponto positivo: o empreendimento está localizado próximo à shoppings, transporte público, clubes, praças, hipermercados, farmácias, escolas, hospitais e comércio no geral.

Edifício ficará pronto até 2023 na Rua Pará, número 900, no Água Verde.
Edifício ficará pronto até 2023 na Rua Pará, número 900, no Água Verde.| Weefor

As unidades do MUDA WF contam com sacada com churrasqueira e hortas autônomas, além de infraestrutura para ar-condicionado e uma vaga de garagem.

Para o paisagismo do empreendimento, com destaque para o jardim que envolve o prédio, o arquiteto Felipe Ferreira escolheu a vertente “naturalista”, composta somente por espécies nativas pertencentes à Floresta Ombrófila Mista, entre elas diversas em risco de extinção, promovendo a regeneração da vegetação local com diretrizes de plantio saudável.

Paisagismo do edifício será formado por espécies nativas.
Paisagismo do edifício será formado por espécies nativas.| Weefor

Abordando a tendência global do home office, que ganhou muita força durante a pandemia e veio para ficar no mercado corporativo, o MUDA WF contará com um coworking. O espaço vai ocupar uma área reservada no térreo do condomínio, cercado de plantas que podem trazer um sentimento de proximidade com a natureza. Além disso, o espaço será todo em vidro, o que dará a impressão de amplitude e conforto para quem irá trabalhar por lá.

O acesso ao coworking será independente, separado da entrada de moradores, o que traz ainda mais segurança tanto para quem visita o local, quanto para quem reside no empreendimento. O espaço será todo em vidro, garantindo a permeabilidade visual”, detalha a diretora da Weefor.

Entrada do coworking será independente.
Entrada do coworking será independente.| Weefor

Além de todas essas vantagens, o MUDA WF terá ainda várias novidades tecnológicas, começando pela garagem, implantada no subsolo, que vai oferecer pontos para a instalação de carregadores para carros elétricos.

No terraço, o morador encontrará diversas áreas comuns. Quem gosta de conviver em espaços de uso coletivo poderá aproveitar, por exemplo, a lavanderia coletiva, que será integrada com a brinquedoteca; e uma área focada em entretenimento com salão de festas e espaço gourmet.

Lavanderia compartilhada é um dos espaços comunitários.
Lavanderia compartilhada é um dos espaços comunitários. | Weefor

“Todos esses espaços serão instalados no terraço, com a melhor vista do empreendimento. Um dos pilares da Weefor é a democratização da arquitetura e democratizar a arquitetura também é democratizar o uso dos espaços. Ambientes integrados e compartilhados que têm por objetivo mudar também a forma como nos relacionamos”, comenta Maria Eugenia.

Mais informações aqui.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]