i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Arquitetura

Volumetria, materiais puros e estar no terraço são destaques em projeto de casa em condomínio

  • PorSharon Abdalla
  • 01/12/2020 09:56
Volumetria, materiais puros e estar no terraço são destaques em projeto de casa em condomínio
| Foto: Celso Pilati

O conhecimento prévio do terreno pelo Studio MMA fez do aproveitamento do lote e da implantação dos pavimentos um dos destaques do projeto de uma casa localizada em um condomínio fechado em Curitiba, que tem na fachada outro de seus pontos focais.

Siga a HAUS no Instagram

Nela, os quatro pavimentos da residência de 625 m² são camuflados pela grande empena cega em concreto e pela quina em vidro (para entrada de luz natural pelo pé-direito duplo) que delimitam a área construída e tem no pórtico em aço cortén o terceiro dos materiais a que compõem.

Concreto, vidro e aço cortén: os três elementos puros que compõem a fachada da residência.
Concreto, vidro e aço cortén: os três elementos puros que compõem a fachada da residência. | Celso Pilati

"Esse condomínio foi uma incorporação do escritório, o que facilitou a implantação do projeto, que tem uma volumetria bem básica, baseada nestes três elementos. Virada para a parte interna do condomínio, ela garante privacidade aos ambientes sociais e íntimos da residência", explica o arquiteto Maurício Melara, responsável pelo projeto.

Estes, por sua vez, são todos abertos para a lateral da casa, onde está localizada a área de lazer e o jardim, que aposta em um paisagismo vertical para amenizar a altura dos muros de arrimo necessários devido à inclinada topografia do terreno.

Aberturas dos ambientes íntimos são voltados para a área de lazer da casa.
Aberturas dos ambientes íntimos são voltados para a área de lazer da casa.| Celso Pilati

Integração

Nos ambientes sociais, localizados no piso térreo, integração é a palavra de ordem. A área gourmet, por exemplo, pode ser aberta por meio de uma porta de correr. A vista para a piscina, foco principal do espaço destinado ao lazer do casal e de seus dois filhos, é comum a todos os ambientes, que ainda contam com o mesmo padrão de piso interna e externamente, o que contribui para minimizar ainda mais a percepção de transição entre dentro e fora. "O que muda é apenas a textura: antiderrapante para a área externa e acetinado na interna", acrescenta o arquiteto.

Mesmo padrão de piso e portas com grandes aberturas contribuem para a integração dos ambientes sociais.
Mesmo padrão de piso e portas com grandes aberturas contribuem para a integração dos ambientes sociais.| Celso Pilati

Materiais puros, como concreto e madeira, completam os acabamentos internos e conversam com uma decoração que privilegia móveis de design soltos e mobiliário fixo pela Florense Carlos de Carvalho.

O piso superior comporta a suíte master, com face envidraçada e vista para a área de lazer, duas suítes para os filhos, uma suíte de hóspedes e um estar íntimo com apoio de copa, localizado próximo ao vazio do pé-direito duplo.

Decoração combina móveis soltos de design e mobiliário fixo.
Decoração combina móveis soltos de design e mobiliário fixo.| Celso Pilati

No subsolo, uma garagem com capacidade para cinco carros divide espaço com uma sala de jogos, depósito, suíte de serviço e área técnica, que também aparece no terraço. Antes destinado apenas à instalação de painéis solares e demais estruturas necessárias ao funcionamento da casa, o espaço irá receber um estar a céu aberto.

"Sempre houve indecisão por parte dos clientes sobre aproveitar ou não a cobertura com um uso, por questões de orçamento e de utilização propriamente dita. Quando ele foi concretado, teve-se a noção da vista espetacular que se tem dele. Então, alteramos o projeto, fizemos uma abertura e uma escada elétrica de acesso (que se abre e fecha por uma clarabóia) e, agora, estamos trabalhando na humanização deste espaço", finaliza Melara.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.