i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Transforme seu ventilador em um “ar-condicionado” e dê adeus ao calor

  • PorHAUS*
  • 18/12/2018 12:30
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução| Foto:

Com a chegada do verão, o ar-condicionado volta a reinar como um aliado para se enfrentar a alta das temperaturas. Para quem não pode (ou não quer) investir no aparelho, uma solução é fazer do tradicional ventilador um “ar-condicionado” barato e irreverente.

Quem dá a dica é o DDelectroTech.com, canal de projetos eletroeletrônicos de DIY (Do It Yourself). Em um tutorial que já conta com mais de dois milhões de visualizações, eles ensinam como transformar o faparelho com materiais simples e reaproveitados e reduzir a temperatura do ambiente em até 6°C.

Passo a passo

O primeiro passo é cortar seis garrafas pet de dois litros na linha acima do rótulo, formando cones. Com a ajuda de um compasso ou de outro objeto circular, desenhe um círculo (com diâmetro um pouco menor do que o da grade do ventilador) em uma cartolina grossa ou papelão. Dentro dele, faça outros seis círculos com diâmetro igual ao da base do cone. Depois, recorte todos os círculos.

Transforme seu ventilador em um “ar-condicionado” e dê adeus ao calor

Encaixe os cones nos círculos vazados da cartolina e prenda-os com fita adesiva e cola quente. Faça dois furos próximos em quatro lados da base e passe lacres plásticos por eles. Coloque esta base circular sobre a grade do ventilador e prenda as duas partes fechando os lacres. Para um melhor acabamento, corte o excesso do plástico.

Por quê funciona?

A redução da temperatura proporcionada pela instalação dos cones plásticos à frente do ventilador tem base científica. Ela decorre do fenômeno físico conhecido como Efeito Joule-Thomson, como explica o doutor em Física Dinis Gomes Traghetta, professor da Universidade Positivo (UP). “Quando um gás é comprimido e, depois, expandido, ele esfria”, acrescenta.

É isso o que ocorre no ventilador adaptado. Quando em funcionamento, a hélice empurra o ar para dentro da garrafa pet e o comprime. Ao sair pelo gargalo, o ar se expande novamente, saindo mais frio do ventilador.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

“Este resfriamento não acontece com todos os gases. Quando comprimidos e expandidos o oxigênio e o nitrogênio esfriam, enquanto o hidrogênio esquenta. Como o ar é formado por 79% de nitrogênio, 20% de oxigênio e apenas 1% hidrogênio, o aquecimento deste é insignificante perto do resfriamento dos demais”, completa Traghetta.

LEIA TAMBÉM: Ar-condicionado portátil funciona com água e cabe na mochila

O professor lembra, no entanto, que é difícil precisar em que medida a adaptação do ventilador pode contribuir para o resfriamento do ambiente. Isso porque, ao sair do cone plástico, o ar volta a expandir e a trocar calor com o ar quente do espaço. Além disso, questões como o volume de ar, o tempo e a quantidade de ventiladores que estarão ligados no mesmo ambiente também podem interferir no desempenho de ventilador adaptado.

“Não dá para afirmar em que medida [o ventilador adaptado] dará conta de resfriar o ambiente. Mas o princípio por trás dele é real”, completa o professor.

Confira o vídeo que viralizou

LEIA TAMBÉM

* Publicado originalmente em dez/2017. 
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.