Decoração acessível é destaque nos ambientes da mostra Morar Mais por Menos

Mostra volta a Curitiba com ambientes montados no Shopping Crystal

Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação

por Eloá Cruz, especial para Haus

04/11/2019

compartilhe

Com a proposta de apresentar projetos de arquitetura e design de interiores com qualidade, mas sem preços exorbitantes, a mostra Morar Mais por Menos Curitiba abriu as portas de sua edição 2019 no último dia 1º de novembro no piso G1 do Shopping Crystal. Nele, o público pode visitar cerca de 40 ambientes que representam espaços residenciais e corporativos. Nessa edição, mais de 100 profissionais, entre arquitetos, designers, paisagistas e fornecedores colaboram para a criação dos espaços.

“Esta é uma mostra muito [interessante] em seus princípios, com propostas [de espaços] mais reais, acessíveis e que atingem a grande maioria do mercado”, destaca Milena Schulmeister, sócia do estúdio Konzept Construções e curadora desta edição da mostra, que aponta o ineditismo da proposta como justificativa da escolha do shopping para abriga-la.

A “Morar Mais por Menos” acontece também em outras capitais do Brasil. Em Curitiba, a última edição foi realizada em 2012 e focou mais em propostas de sustentabilidade. Sete anos mais tarde, o projeto volta à capital paranaense com outra linha: abraçando ideias originais, inovadoras, criativas e reais.

“No passado, a pauta da sustentabilidade era muito forte, uma vez que a construção civil ainda não havia investido tanto nas soluções relacionadas a ela. Hoje, [ela está incorporada ao setor], o que nos faz não focar exclusivamente em um, mas destacar todos os conceitos da mostra de uma só vez”, comenta Milena.

Para receber e degustar

Muitos dos espaços desta edição da “Morar Mais por Menos” são funcionais, como conta a curadora. Entre eles estão, por exemplo, o brechó Cacarecos, a Soma Galeria de arte e o café, que será operacionalizado pela Go Coffee.

HAUS também está presente na mostra no jardim assinado pelo paisagista Wolfgang Schlogel, localizado na varanda no shopping, área anexa à praça de alimentação. A visitação dele e dos outros dois espaços localizados no mall, meeting point e mais social (em prol da Casa São Roque), é gratuita.

Os visitantes podem conferir a mostra até o próximo dia 8 de dezembro, das 10 às 22 horas (de 3ª-feira a sábado). Aos domingos e feriados, o horário é diferenciado, das 14 às 20 horas. Os ingressos tem preços variados conforme o dia da semana: R$ 20 terça-feira; R$ 25 quarta, quinta e sexta; e R$ 35 sábados, domingos e feriados. Assinantes do Clube Gazeta têm 30% de desconto. Os ingressos são adquiridos diretamente na bilheteria do evento, ou antecipadamente no site Sympla. Confira o que a mostra oferece neste ano:

Varanda – Wolfgang Schlogel

Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação

O paisagista Wolfgang Schlogel assina a varanda HAUS na Morar Mais por Menos. Localizado anexo à praça de alimentação do shopping, o espaço é aberto para todos os visitantes do mall e tem entrada gratuita, o que favorece o contato com o verde das diferentes espécies de bromélias que compõe a ambientação. Para trazer conforto ao espaço, o profissional optou por um tapete para a forração do piso, estofados, poltronas e almofadas, todos próprios par auso em áreas externas. A paleta neutra com pontos de cor compõe com a vegetação e dá um toque veranil à varanda.

Bilheteria – por Studio Schulmeister

Bilheteria, espaço da mostra de decoração Morar mais por menos 2019. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

A bilheteria assinada pela decoradora Simone Schulmeister é o primeiro ambiente que os visitantes da mostra vão encontrar. Ele remete com saudosismo aos espaços ao ar livre, como parques e praças. Parte dessa lembrança é destacada num painel feito em cimento, onde estão fixados informações a respeito de toda a mostra. O balcão de apoio é feito de compessado e foi criado especialmente para o ambiente.

Jardim – por Wolfgang Schlogel

Jardim, espaço da mostra de decoração Morar mais por menos 2019. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O espaço fica localizado no subsolo do Shopping Crystal, o que faz do jardim um desafio, pois há pouca iluminação natural. A inspiração do paisagista Wolfgang Schlogel está na metodologia norte-americana Placmaking – criada na década de 1980 e estimula a interação e vivência das pessoas nos espaços públicos. O profissional criou morros cobertos com musgo natural, desidratado e tingido – numa alusão a Serra do Mar.

Garagem – por Garage Plan

Garagem, espaço da mostra de decoração Morar mais por menos 2019. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

Com 53 m², a garagem de alto desempenho pretende atender as necessidades do mundo moderno. Nos últimos anos, os especialistas em estacionamentos e garagens vêm valorizando o espaço, fazendo que o ambiente seja visualmente agradável. Os arquitetos desse projeto apostaram na pintura de piso em poliuretano e bate pneu fosforescente.

Boas Vindas – por Daniele Ducate 

Espaço Boas Vindas, assinado por Daniele Ducate. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O espaço Boas Vindas, assinado pela designer de interiores Daniele Ducate, tem a proposta de de uma varanda aconchegante, com vegetação – criando assim um  ambiente de relaxamento e bem-estar. As samambaias e arranjos naturais deixam o ambiente confortável, principalmente com a iluminação aconchegante.

Hall – Mônica Becker e Marilucci B. Brambilla

Hall, um dos espaços da mostra Morar mais por menos 2019. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

As arquitetas transformaram o espaço de 11 m² num ambiente confortável, apostando na brasilidade e em elementos amigos do meio ambiente. Como é um espaço de passagem, a disposição dos móveis do hall foram concentrados numa parede, deixando a circulação livre. A iluminação foi bem planejada e dá destaque aos quadros da artista curitibana Sila Lima.

Lavabo – por Rafaela Vessoni, Caroline Passos e Luciana Wosch

Lavabo, da mostra Morar mais por menos 2019. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O pequeno lavabo de 6,5 m² teve decoração inspirada na diversidade do Brasil, com vegetação e decoração inspirada na biodiversidade da flora brasileira. Como o lavabo é um ambiente de passagem, a decoração é marcada por uma mistura de cores, texturas e plantas. As profissionais optaram pelo uso de piso vinílico e iluminação LED.

Living Refúgio – por Ediane Resende, Camila Rocha e Ana Paula Fuzeto

Living Refúgio com grafite assinado pelo ilustrador Gusta. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

Com 62 m², o Living Refúgio é um dos espaços da mostra com a proposta de trazer bem-estar. O grande destaque no ambiente está na parede grafitada, assinada pelo ilustrador Gusta, que faz uma homenagem à Curitiba e às paisagens como Pico Paraná e Marumbi.

Living – Felipe Trisotto

Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

A mescla de materiais e padronagens foi a premissa do projeto do espaço de 29 m², que apresenta uma abordagem diferenciada em relação ao mobiliário e revestimentos. Nele, as peças de uso externo foram incorporadas à ambientação interna e o revestimento vinílico, usualmente aplicado no piso, dá acabamento às paredes.

Estar Cozinha Gourmet – Fernando Schwertner

Cozinha Gourmet tem como diferencial a automação de iluminação, som e imagem. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

Com ambiente inspirado no industrial design, a cozinha gourmet assinada pelo arquiteto Fernando Schwertner tem como diferencial a automação de iluminação, som e imagem. No mobiliário, a Poltrona Galhos é destaque – desenvolvida pelo designer Guilherme Meireles, exposta recentemente na Bienal de Curitiba 2019.

Adega – por Anna Karolinna Venturi

Adega é proposta da arquiteta Anna Karolina Venturi para o Morar mais por menos 2019. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

A proposta da arquiteta Anna Karolinna Venturi para a Adega da mostra foi de fugir da tradicional decoração do espaço, criando um ambiente leve e suave na composição de cores rosadas e terrosas. A luminária em neon, aplicada em uma das paredes do ambiente, deixa o espaço mais aconchegante.

Sala de descompressão – por Louise Pimenta, Vanessa Mayer, Patricia Zat, Rosanges Pimenta e Jacqueline Stegmayer

Espaço corporativo para relaxar e melhorar a disposição. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O ambiente tem como conceito oferecer a funcionários um espaço corporativo para relaxar, quebrar a rotina e melhorar a disposição – melhorando assim o rendimento dos colaboradores. Nesse projeto, o colorido das almofadas, deck e piscina de bolinhas deixam o ambiente extrovertido. Há também um canto mais intimista, com cores mais sóbrias e nicho para leitura.

Banheiro – por Ana Júlia Madalozo

Banheiro projetado para a mostra Morar mais por menos 2019. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O banheiro projetado pela arquiteta Ana Júlia Madalozo traz cores suaves. O azul turquesa com o branco nas paredes, remete a uma decoração ligada ao Mediterrâneo. As plantinhas embaixo da bancada em mármore da pia reafirmam a proposta de um espaço relaxante e agradável.

Clínica – por Tiago Alves e Carla Fernanda Armstrong

Projeto de clínica da mostra usa tinta criada espacialmente para ambiente hospitalar. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

A Clínica de 28,6 m² foi projetada com infraestrutura, ergonomia, funcionalidade e praticidade. Os arquitetos pensaram em cada detalhe, como na tinta utilizada da Sherwin Williams, feita especialmente para área hospitalar. Pensando na praticidade, os arquitetos focaram na organização, deixando espaço para embutir luvas, toucas e máscaras.

Estúdio do Ciclista – por Studio 1946

Estúdio do ciclista com com mobiliário assinado pelo arquiteto e urbanista Jaime Lerner. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

Os elementos brasileiros e curitibanos deste ambiente de 35 m² valoriza a praticidade para o dia-a-dia do ciclista, com funcionalidade e estética. O mobiliário é assinado pelo arquiteto e urbanista Jaime Lerner e móvel em compensado naval assinado pelo Studio 1946. A brasilidade é destaque com o uso de cobogós, que divide o ambiente e traz funcionalidade.

Bar e bistrô – Givago Ferentz

Bar e Bistrô assinado pelo arquiteto Givago Ferentz. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

A agitação urbana serviu de inspiração para o projeto do Bar Bistrô assinado pelo arquiteto Givago Ferentz. Com 96 m² de área, o espaço funcional destaca a arte urbana e o verde do paisagismo, tendo como ponto focal os lustres feitos a partir de cones de trânsito, que trazem um tom despojado ao ambiente.

Atelier – por Diana Wilbert

Atelier assinado pela arquiteta Diana Wilbert. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O atelier de 10m²  que leva o nome da arquiteta foi inspirado num espaço de experiências sensoriais, com aquarelas botânicas na decoração das paredes, aromas, sons e cores que trazem a sensação de bem-estar e aconchego. As plantas suspensas no teto faz uma alusão a um jardim, e traz a natureza para o espaço fechado.

Banheiro Funcional Unissex – por Studio Schulmeister

Projeto do banheiro para pessoas com deficiência é assinado pela arquiteta Simone Schulmeister. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O banheiro funcional unissex e para pessoas com deficiência (PCD), foi criado pela arquiteta Simone Schulmeister com a proposta de criar um espaço agradável e com interação. Quem visitar o espaço pode deixar recados e desenhos numa parede revestida com boiseries, um tipo de moldura francesa de parede.

Go Coffee – por André Henning Ferreira

Projeto de cafeteria Go Coffee, para a mostrar Morar mais por menos 2019. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O arquiteto criou num espaço de 24 m² um café no estilo To Go – em que se compra a bebida durante a rotina agitada, sem precisar parar para sentar numa mesa e fazer uma pausa mais longa. O espaço também tem interação do usuário, que pode deixar assinaturas e recados nos pilares.

Apartamento do artista – por Nonnie Fenianos Kotowey, Jaqueline Siebert, Daniele Branco, Bruna Justi e Andressa Ferreira

Apartamento do artista para a mostra Morar mais por menos 2019. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

Com 35 m², o projeto mostra um apartamento com sala, cozinha, quarto, home office e atelier de trabalho – que conta com 13 diferentes padrões de cores e formas. Durante a mostra, o ambiente vai exibir telas de diferentes artistas renomados de Curitiba.O mobiliário planejado foi executado pela Marcenaria Cortare, que usou padrões de MDF da Eucatex.

Banheiro do artista – por Nonnie Fenianos Kotowey, Jaqueline Siebert, Daniele Branco, Bruna Justi e Andressa Ferreira

Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

Seguindo a linha da decoração do apartamento, o banheiro do artista é sóbrio, de poucas cores, mas bem aconchegante. Os diferentes materiais e texturas, com jardim vertical, revestimento em estilo “enferrujado” e um grande espelho que toma conta de toda a extensão do banheiro auxiliam na proposta de acolhimento.

Ofurô – por Gabriela Campos

Ambiente com ofurô da mostra Morar mais por menos 2019. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

A arquiteta Gabriela Campos criou o ambiente pensando em aproximar o momento de relaxamento com a natureza. Foi instalada uma parede verde no espaço e, junto com o revestimento do ofurô em madeira plástica ébano, proporciona acolhimento e sensação de bem-estar a quem visita o espaço.

Suíte Master – por Diego Miranda e Zeh Pantarolli

Suíte master é projeto do Estúdio Pantarolli Miranda. Foto: Daniel Sorrentino /Divulgação.

A sobreposição de chapas de MDF que fazem as vezes do forro de gesso é um dos destaques da suíte, que trabalha diferentes texturas e cores sóbrias. A paleta prioriza tons de verde, que fazem referência à brasilidade e estão presente em diferentes itens de design.

Closet – por Laryssa Rocha e Cléo Moura

Closet assinado por Larissa Rocha e Cléo Moura. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

Assinado por Laryssa Rocha e Cléo Moura, o closet traz o uso despojado dos nichos de metal e, ao mesmo tempo, faz um resgate ao clássico com o uso do carpete vermelho – numa ligação com o estilo inglês, da realeza. Na proposta, sapatos, vestidos e acessórios ficam à vista, criando nichos funcionais.

Banheiro – por Débora Guimarães e Suellen Kempinski

Banheiro tem espaço para maquiagem com espelho de iluminação embutida. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O banheiro projetado pelas designers de interiores Débora Guimarães e Suellen Kempinski é um convite para um dia de cuidados pessoais. A bancada conta com espaço para maquiagem, espelho com iluminação embutida e uma poltrona robusta e confortável. O ambiente também oferece um canto relaxante, onde uma banheira foi instalada ao lado de um jardim vertical.

Quarto do bebê – por Mariane Machado e Adriana Assunção

Quarto do bebê para a mostra Morar mais por menos 2019. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

Funcionalidade e conforto são os dois pilares do projeto Quarto do bebê. As arquitetas que assinam o espaço usaram todo o conhecimento delas como mães para fazer com que o ambiente foi o reaproveitado conforme o crescimento da criança. O layout foi pensado para facilitar a rotina, com área para dormir, amamentar e trocar fraldas.

Quarto da filha – por Nonnie Fenianos Kotowey, Audra Martins e Carla Grande

Quarto da filha oferece à criança um espaço cheio de brincadeiras. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O projeto das arquitetas oferece à criança um ambiente cheio de possibilidade de brincadeiras. O guarda-roupa tem nichos que possibilitem com que a criança possa subir. O quarto também tem esconderijo, cama elástica, argolas e trapézios – todas as possibilidades para fazer do ambiente um dormitório ou parque de diversões.

Quarto do filho – por Aline Scisleski e Juliana Santana

Quarto do filho, assinado por Aline Scisleski e Juliana Santana. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O Quarto do filho, de 10,5 m² é um espaço que pretende incentivar a criança a interagir com o ambiente e desenvolver habilidades motoras. O mobiliário foge dos padrões atuais, e traz como diferencial o uso de estruturas metálicas e painel artístico. A estante do quarto foi projetada para guardar objetos e também playground.

Demi Suíte – por Tuisa Ratochinski e Manoela Kamada

Demi suíte aposta na versatilidade. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O ambiente, com inspiração na natureza, tem como diferencial a escolha de materiais como o microcimento, que gera menos resíduos na obra e pouco uso de cerâmica. Além disso, os 8 m² aposta na versatilidade. O banco, por exemplo, pode ser usado para guardar objetos e servir de apoio de materiais.

Escritório Sensações – por Gioiella Rosa

Escritório sensações, por Gioiella Rosa. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

As diferentes texturas do ambiente, que vai desde a parede geométrica, ao mobiliário planejado em madeira MDF, luminária e pelos tecidos que revestem as poltronas, criam uma série de sensações a quem visita o ambiente.

Estar entre amigos – por Mayara Camargo, Jhonathan Cordeiro e Francieli Cabral

O ambiente Estar entre amigos usa mobiliário modular, que pode se adaptar a diferentes usos. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

Com 28 m², o espaço Estar entre amigos é composto por mobiliários modulares, que podem se adaptar a diferentes usos e dimensões. O móvel foi projetado com compensado de madeira e o piso do ambiente é feito de material reciclado, o RubberKap – composto por 100% de borracha expandida.

Apartamento do solteiro – por Letícia Kaniak Kunow

Apartamento do solteiro tem projeto assinado pela arquiteta Letícia Kaniak Kunow. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

Com base de concreto, o projeto Apartamento do solteiro traz uma coleção de objetos afetivos do acervo familiar, com peças de design brasileiro e uma moto no meio do ambiente. Toda a decoração conta com mobiliário solto, sempre pronto para acompanhar mudanças na vida do usuário.

Apartamento dos avós – por Ana Johns

Apartamento dos avós traz conforto para todas as idades. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

A arquiteta responsável pela criação do Apartamento dos avós criou um ambiente inspirado na relação familiar. O ambiente traz conforto e atende aos avós de todas as idades. Como segurança, um desenho feito com revestimento faz alusão a um tapete – evitando assim o uso de tapetes soltos. O ambiente também é bem iluminado e com bom espaço de circulação.

Apartamento sustentável – por Stephanie Farias

Apartamento sustentável, da mostra Morar mais por menos 2019. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

Com estilo industrial, o apartamento sustentável valoriza o uso de materiais de baixo custo, como o revestimento cimentício e estruturas em aço e vidro canelado. Com 29 m², o apartamento projetado pela arquiteta Stephanie Farias usa como solução um painel com estrutura de aço e vidro, que possibilita girar a TV tanto para sala quanto para o quarto.

Hortinha em casa – por Lenira Condessa

Hortinha em casa conta com irrigação automatizada e iluminação especial para as plantas. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O espaço é confortável e acolhedor e também pode ser usado como canto de leitura ou trabalhos manuais. A horta tem sistema de irrigação automatizado e aproveita a água da chuva. A iluminação é especial, feita especialmente para os cuidados das plantas. No mobiliário, peças e artigos de demolição.

Apartamento da empreendedora – por Mônica Becker e Mariluci Brambilla

Apartamento da empreendedora usa MDF em tons claros e deixa a decoração leve. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O ambiente foi inspirado na mulher empreendedora jovem, que privilegia momentos em família ou com amigos e seus pets. Com 26 m², o projeto usa MDF em tons claros e amadeirados nos detalhes, deixando a decoração leve. A cozinha é compacta e tem os principais utensílios para preparar refeições rápidas.

Spa – por Gabriela Campos

Spa foi projetado para ser um espaço reservado de descanso em família. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O ambiente assinado pela arquiteta Gabriela Campos foi projetado para ser uma área de convívio em família. O pergolado é feito de madeira ecológica e de fácil manutenção, com durabilidade de 50 anos. A iluminação planejada e o pequeno jardim deixam o espaço confortável e relaxante.

Quarto da digital influencer – por Ludmila Ronchi e Larissa Verde

Quarto da digital influencer, da mostra Morar mais por menos 2019. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

O quarto da digital influencer, assinado pelas arquitetas Ludmila Ronchi e Larissa Verde, traz uma paleta de cores viva e decoração despojada. O destaque fica para a arte na parede e nas diferentes texturas. A base é o rosa e os detalhes são feitos em preto e cinza grafite.

Brechó – por Cacarecos

Brechó Fermin usou caixotes que servem de vitrine, bancos e mesas. Foto: Daniel Sorrentino/Divulgação.

As arquitetas Fernanda Linero, Maria Fernanda Hayashi e Nagila Hachmann, em parceria com a atriz e empresária Larissa Marques, criaram um espaço conceituado do Brechó Fermin. Na decoração, caixotes modulares servem de bancos, vitrine, mesa e uma série de aplicações para o espaço.

LEIA TAMBÉM

A história da sala de estar em 500 anos: qual seu estilo favorito?

Seis quartos com a decoração certa para uma boa noite de sono

O ABC dos organizadores mostra como escolher os acessórios certos para acabar com a bagunça

15 ideias para usar o peg board, novo queridinho da organização

5 dicas essenciais para planejar e organizar cozinhas pequenas

 

Receba nossas notícias por e-mail

Inscreva-se em nossas newsletters e leia em
seu e-mail os conteúdos de que você mais
gosta. É fácil e grátis.

Quero receber

8 recomendações para você