Novo restaurante de Curitiba tem paredes de esferas iluminadas e interação com o verde

Localizado onde antes funcionava Vin Bistrô, K.sa tem decoração baseada em lembranças de viagem e objetos de design

Fotos: Rodrigo Torrezan

por Luciane Belin*

12/04/2019

compartilhe

Um pouco de história, uma dose de design e, como tempero, um espaço amplificado pela transparência das paredes de vidro. O projeto do novo restaurante K.sa, localizado onde antes se encontrava o Vin Bistrô, próximo à Praça da Espanha, em Curitiba, tem como destaque a amplitude do espaço criada pela integração entre os diferentes ambientes, que chama a atenção de quem passa na rua mesmo antes de entrar no local.

Essa era a intenção das arquitetas Camila Accioly e Marcela Nicz Abage, que assinaram a obra. Para isso, fizeram algumas transformações na estrutura da casa. “A maior mudança foi feita logo na entrada, que antes era uma escada estreita, a porta era bem no meio e tinha um pátio que não era aproveitado. Essa parte foi demolida e fizemos uma escada nova”, adianta Camila.

>>>> Vacas que invadiram supermercado indicam problema de urbanismo em Hong Kong

Essa alteração trouxe uma nova perspectiva tanto para quem está dentro do restaurante, quanto para quem está fora, ampliando o espaço e proporcionando mais interação, segundo a arquiteta. Para atender aos pedidos da cliente, a chef Claudia Krauspenhar, e tornar o restaurante um ambiente acolhedor e com jeito de casa, a área de espera ganhou um sofá de veludo e uma estante, decorada com itens trazidos de casa pela própria cliente, entre lembranças de viagem e objetos de design.

Parte importante na casa, a parreira que cobre a varanda dá um ar de frescor ao espaço e o verde das folhas que se mescla às demais folhagens incorporadas no projeto e ao próprio verde da rua Fernando Simas, que é bastante arborizada naquela região.

>>>> Opinião: muita coisa bonita e satisfatória cabe na vida nas Vilas

A paleta de cores escolhida para o salão aliada ao novo projeto luminotécnico criam um ambiente acolhedor, mas ousado e estético. Luminárias douradas redondas dispostas na parede e teto do pé direito duplo fazem referência às borbulhas na taça de Champagne, uma bebida apreciada pela chef.

“Quisemos usar as luminárias redondas e douradas com iluminação indireta de um jeito diferente, fizemos uma composição para ter um apelo escultural, com peças de quatro diâmetros diferentes”, explica.

Veja mais fotos:

 

SERVIÇO:

Rua Fernando Simas, 260, Batel, com jantar de terça a sábado, das 19h às 23h, e almoço aos sábados e domingos, das 12h às 15h.

*Especial para HAUS.

LEIA TAMBÉM:

Receba nossas notícias por e-mail

Inscreva-se em nossas newsletters e leia em
seu e-mail os conteúdos de que você mais
gosta. É fácil e grátis.

Quero receber

8 recomendações para você