Galeria de Curitiba terá 20 obras exclusivas do artista chinês Ai Weiwei à venda

Entre as peças à venda, uma escultura em ferro da mais antiga e ameaçada árvore ainda em pé no sul da Bahia, com mais de 1,2 mil anos

Foto: Divulgação/Carol Quintanilha

por Luan Galani

07/05/2019

compartilhe

As tradicionais galerias de arte curitibanas Simões de Assis e SIM trazem a partir do dia 14 de maio a primeira exposição individual em uma galeria do artista chinês Ai Weiwei, um dos mais relevantes na cena da arte contemporânea mundial.

Ao todo, serão 20 obras à venda. Mesmo a pedido da reportagem, os valores das peças não foram divulgadas. As obras que estão disponíveis para compra representam parte do processo da grande produção do artista chinês em exposição no Museu Oscar Niemeyer. Elas também têm curadoria de Marcello Dantas.

Foto: Divulgação/Carol Quintanilha

Entre as peças à venda, uma escultura em ferro da mais antiga e ameaçada árvore ainda em pé no sul da Bahia, com mais de 1,2 mil anos; a Fairytale Chair, o capacete de operário em mármore, vasos de porcelana e bambu, e esculturas cerâmicas que representam a fruta-do-Conde, o dendê e o abacaxi.

Foto: Divulgação/Carol Quintanilha

A mostra só foi possível graças à parceria com outras galerias nacionais e internacionais, como Lisson Gallery, Galleria Continua e Arte Edições Galeria.

Interessados podem visitar a galeria na Al. Presidente Taunay, 130A, até dia 29 de junho, de segunda à sexta-feira, das 10h às 19h, e sábado, das 10h às 15h. Mais informações, (41) 3322-1818.

Foto: Divulgação/Carol Quintanilha

LEIA TAMBÉM:

Antiga fábrica da Ambev abandona projeto de uso cultural para virar complexo administrativo das polícias

 

Receba nossas notícias por e-mail

Inscreva-se em nossas newsletters e leia em
seu e-mail os conteúdos de que você mais
gosta. É fácil e grátis.

Quero receber

8 recomendações para você