PUBLICIDADE

Novo empreendimento em Balneário Camboriú tem a “cara” de Dubai; veja o vídeo

Marina Home Resort, empreendimento gigantesco da Taroii Investment Group, aguarda aprovação da Câmara de Vereadores para sair do papel

Imagens: Taroii Investment Group/Reprodução

por Luan Galani

15/04/2018

Balneário Camboriú está prestes a discutir mais um empreendimento imobiliário que vai dar o que falar. Com um projeto conceitual digno de Dubai, o Marina Home Resort, da Taroii Investment Group, em parceria com o grupo gaúcho Flamarpar, aguarda aprovação da Câmara de Vereadores da cidade para sair do papel, como confirma o ex-secretário de planejamento urbano, Edson Kratz, que até terça-feira (10) estava à frente da pasta e agora assume o comando da BC Investimentos, uma empresa de fomento municipal. O empreendimento precisa de autorização especial por estar em área de preservação permanente e à margem de rio.

O projeto já tem sinal verde do Conselho da Cidade desde 2014 e passou por audiência pública em 2015. Em 2016 foi encaminhado para a Câmara, ainda de acordo com Kratz. “O governo municipal é a favor do empreendimento por entender que trará renda adicional e oportunidades, aumentará a qualidade de vida e colocará a cidade em um patamar ainda maior de referência”, esclarece. “Para isso, todas as medidas preventivas precisam ser atendidas. De nada adiante trazer mais dano ambiental. Com a experiência da construtora e incorporadora, tenho certeza de que eles saberão atender ao grau de exigência”, alerta.

LEIA MAIS SOBRE BALNEÁRIO CAMBORIÚ

>>> Temporal faz prédio mais alto do Brasil balançar ‘como um navio’

>>> Fadiga nas escoras foi causa de queda da laje do prédio mais alto do país

O site da incorporadora de luxo informa que o empreendimento foi desenvolvido para ficar de frente para a BR-101 e o Rio Camboriú, e conta com marina para 150 vagas molhadas e estacionamento para 350 vagas secas, além de shopping náutico, área de eventos, duas torres residenciais, outras duas torres corporativas, hotelaria internacional e parque ambiental aberto ao público.

Procurado diversas vezes pela reportagem, o empresário paranaense José Carlos Trossini, que está à frente da Taroii, apenas confirmou a existência do projeto conceitual do Marina Home Resort, mas não quis dar maiores detalhes antes da aprovação pela Câmara de Vereadores.

Em entrevista de 2016 ao Diário Catarinense, o empresário conta que o projeto “está à margem da BR-101, de frente para o Rio Camboriú e ao lado do novo centro de convenções, num local estratégico. A gente aposta muito nesse novo crescimento de Balneário Camboriú no lado Sul da cidade, do outro lado do rio. Ainda não escolhemos o operador para o shopping. A gente vai ter uma bandeira internacional para o hotel. Várias se interessaram em vir. Estamos trazendo uma marca internacional que vai assinar esse empreendimento. É o primeiro projeto do mundo que eles assinam fora da sede deles, reconhecendo o valor do nosso. Vamos criar uma área junto ao empreendimento que é uma reserva ambiental com um parque aberto a visitações, com trabalho ambiental e social”.

Imagens: Taroii Investment Group/Reprodução

Segundo o ex-secretário de planejamento urbano de Balneário Camboriú, se aprovado na Câmara de Vereadores, o projeto terá que esperar mais alguns meses até conseguir todas as licenças necessárias para iniciar as obras. O escritório de arquitetura e design que assina o empreendimento ainda não foi revelado.

LEIA TAMBÉM

Com investimento de R$ 100 milhões, Balneário Camboriú vai triplicar o tamanho da praia

 

PUBLICIDADE