0

Painéis fotovoltaicos passam a ser exigidos por lei em novas residências nos Estados Unidos

Califórnia é o primeiro estado norte-americano a tornar mandatória a utilização do recursos de energia solar

Foto: Creative Commons

por HAUS*

06/01/2019

compartilhe

A partir de 2020, todas as casas construídas nas cidades do estado norte-americano da Califórnia deverão ter prevista no projeto a utilização de painéis fotovoltaicos. A novidade foi aprovada pela Comissão de Padrões de Construção da Califórnia e agora é lei no estado.

Primeira do tipo nos Estados Unidos, a nova regra inclui um incentivo para que os proprietários de residências instalem uma bateria de alta capacidade conectada ao sistema elétrico. A iniciativa espera ajudar a cumprir a meta de reduzir as emissões de gases de efeito estufa, ao passo que também garante que toda a eletricidade das residências seja oriunda de fontes renováveis.

>>>> Restaurante se torna autossuficiente em energia ao transformar estacionamento em usina solar

Foto: Pexels.com

Casas unifamiliares e edifícios multifamiliares de até três andares devem obedecer o novo padrão de energia solar. O estado prevê que as instalações obrigatórias de painéis solares podem acrescentar cerca de US$ 10 mil no custo inicial de uma casa – um custo que as autoridades dizem que vai se equilibrar ao longo do tempo com contas de eletricidade mais baixas.

A Comissão de Energia da Califórnia endossou pela primeira vez a regra do painel solar em maio, como parte do Green Building Standards Code da Califórnia. Na semana passada, a Comissão de Padrões de Construção aprovou a exigência com uma votação unânime.

Os proprietários terão a opção de comprar os painéis, arrendá-los ou estabelecer um contrato de compra de energia com a empresa responsável pela construção da casa.

Foto: Creative Commons

*Com informações ArchDaily.

LEIA TAMBÉM

8 recomendações para você