Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Cena do filme ‘A Lista de Schindler’ | Reprodução
Cena do filme ‘A Lista de Schindler’| Foto: Reprodução

O regime que perseguiu e provocou a morte de milhões de pessoas e causou a guerra de maiores proporções vista no mundo já foi tema de vários filmes. Alguns dos melhores deles são os que conseguem contar com sensibilidade e fidelidade nem só grandes momentos do período mas também histórias de pessoas comuns que sofreram com os horrores resultantes da ditadura de Hitler. Em tempos em que o nazismo volta a ser debatido com intensidade, vale conferir como o cinema aborda e já abordou o tema.

Essa lista traz filmes que souberam mostrar histórias do horror e da crueldade do nazismo:

 

O Grande Ditador 

Ano: 1940 

Diretor: Charles Chaplin 

Qual é a história do filme: Chaplin escreveu, dirigiu, produziu e atuou nessa visionária sátira da Alemanha nazista, que na época ainda não estava em guerra contra os Estados Unidos. Ele interpreta dois personagens: o ditador da Tomania, Adenoid Hynkel e um barbeiro judeu perseguido pelo regime. 

Por que é importante assistir: As críticas de Chaplin ao nazismo e ao fascismo, e a seus principais representantes, Hitler e Mussolini, é mais do que evidente. No entanto, Chaplin declarou anos depois, em sua autobiografia, que não teria feito o filme se soubesse dos horrores que o nazismo cometeria nos campos de concentração. Foi indicado a cinco Oscars. 

 

A Vida É Bela 

Ano: 1997 

Diretor: Roberto Benigni 

Qual é a história do filme: Guido, um judeu italiano e dono de uma livraria, usa o humor e a criatividade para proteger seu filho dos terríveis traumas de estar em um campo de concentração. 

Por que é importante assistir: A comédia dramática italiana dirigida e estrelada por Roberto Benigni é um dos mais aclamados filmes sobre o Holocausto, sucesso de crítica e bilheteria e ganhador de prêmios em Cannes e de três Oscars. Seu mérito foi conseguir balancear drama e comédia ao lidar com um tema tão trágico. 

 

A Lista de Schindler 

Ano: 1993 

Diretor: Steven Spielberg 

Qual é a história do filme: Liam Neeson interpreta Oskar Schindler, um empresário alemão de pouco sucesso que consegue, através de suas fábricas, salvar as vidas de mais de mil judeus. A história se passa em Cracóvia, na Polônia ocupada pelos nazistas durante a Segunda Guerra. 

Por que é importante assistir: O filme foi um marco na carreira de Spielberg, antes conhecido por suas super produções comerciais que levaram milhões aos cinemas nos anos 1980. Levou sete Oscars e uma série de outros prêmios. A sensibilidade com que filmou essa história real traz um retrato preciso da crueldade e da dimensão das perseguições dos nazistas aos judeus. 

 

O Pianista 

Ano: 2002 

Diretor: Roman Polanski 

Qual é a história do filme: Mostra a vida em Varsóvia durante a ocupação nazista na Polônia sob a perspectiva do músico judeu polonês Wladyslaw Szpilman, que tem a vida transformada num verdadeiro inferno após a chegada dos alemães à cidade, em 1939 — fato que marcou o início da 2ª Guerra. Ele passa a viver no gueto, é levado a um campo de concentração e ainda acompanha a completa e impiedosa destruição de sua cidade e seu povo pelo exército nazista. 

Por que é importante assistir: O retrato da impiedosidade do exército nazista e de como as vidas em uma cidade ocupada são impactadas é tocante. O filme levou a Palma de Ouro em Cannes em 2002 e três Oscars no ano seguinte. O roteiro é adaptado das memórias do próprio pianista, vivido por Adrien Brody, que também levou a estatueta de Melhor Ator. 

 

A Queda! As Últimas Horas de Hitler 

Ano: 2004 

Diretor: Oliver Hirschbiegel 

Qual é a história do filme: Mostra os últimos momentos de Hitler e seus auxiliares mais próximos no seu bunker em Berlim. O filme também abre espaço para mostrar curtas cenas de guerra e a miséria da população alemã numa guerra já próxima ao fim. 

Por que é importante assistir: A curta estadia que Hirschbiegel proporciona à audiência no esconderijo de Hitler deixa claro o perfil explosivo, autoritário e muitas vezes errático do ditador, que provocou uma das piores tragédias da história. A espantosa atuação de Bruno Ganz pode ser comprovada na cena da ira de Hitler frente a um grupo de militares que o informavam sobre mais uma derrota — a cena rendeu material a um dos memes mais populares da internet. O filme foi indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro. 

 

Adeus, Meninos 

Ano: 1987 

Diretor: Louis Malle 

Qual é a história do filme: O filme é baseado numa dolorosa memória de Malle que, enquanto estudante em um internato, testemunhou uma batida da Gestapo em que um professor e três alunos judeus foram presos e deportados para Auschwitz. A história é vista pela perspectiva de duas crianças. 

Por que é importante assistir: A França lida até hoje com traumas e contradições resultantes da ocupação nazista. Muitos franceses colaboraram, inclusive, com o regime de Hitler durante esse período. O mérito do diretor, que levou o Leão de Ouro em Veneza, é de contar uma pequena parte dessa história sem clichês ou sentimentalismo, o que torna a obra uma das mais relevantes já filmadas sobre o período. 

 

Ida 

Ano: 2013 

Diretor: Pawel Pawlikowski 

Qual é a história do filme: Nos anos 1960, uma jovem freira descobre, através da sua única parente viva, que é filha de um casal judeu que foi morto durante a ocupação alemã na Polônia. 

Por que é importante assistir: Considerado uma obra-prima do cinema polonês e vencedor do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro, o trabalho de Pawlikowski mostra com sensibilidade o profundo impacto que o nazismo deixou nos poloneses, e inclusive consequências como perseguições que o stalinismo continuou cometendo no país. 

 

O Leitor 

Ano: 2008 

Diretor: Stephen Daldry 

Qual é a história do filme: Advogado reencontra, décadas depois, mulher com quem teve um caso enquanto ela se defende de acusações de crimes de guerra cometidos em um campo de concentração. Mesmo tendo informações cruciais para o processo, ele decide se calar. 

Por que é importante assistir: A produção estrelada por Ralph Fiennes e Kate Winslet — que levou o Oscar de Melhor Atriz pelo trabalho — foi aclamada pela crítica e tem o Holocausto como pano de fundo para trazer questões ainda maiores sobre o comportamento do ser humano. O julgamento da personagem de Winslet dá detalhes de como cidadãos comuns da Alemanha acabaram envolvidos em terríveis crimes de guerra. 

 

O Menino do Pijama Listrado 

Ano: 2008 

Diretor: Mark Herman 

Qual é a história do filme: O pai de Bruno, de oito anos, é um oficial nazista responsável por um campo de concentração. O garoto acaba fazendo amizade com um menino preso do outro lado da cerca. O uniforme listrado dos prisioneiros o faz pensar que eles vestem pijamas. 

Por que é importante assistir: Baseado em livro homônimo do irlandês John Boyne, o filme teve grande apelo popular e dá uma boa visão de como era a vida num campo de concentração — sob as perspectivas tanto dos prisioneiros como dos nazistas. 

 

Operação Valquíria 

Ano: 2008 

Diretor: Bryan Singer 

Qual é a história do filme: Tom Cruise interpreta o coronel Claus von Stauffenberg, militar alemão que liderou uma tentativa de assassinar Adolf Hitler em um atentado com bomba 

Por que é importante assistir: A conspiração de 20 de julho de 1944 já foi tema de dezenas de filmes, mas essa é a produção mais famosa. Rodado em parte em cenários históricos, o trabalho mostra com fidelidade como funcionavam os bastidores das cúpulas militar e nazista da Alemanha durante a Segunda Guerra, bem como a forma com que o trator nazista lidava com conspiradores. 

 

Bastardos Inglórios 

Ano: 2009 

Diretor: Quentin Tarantino 

Qual é a história do filme: A história se passa na França ocupada pela Alemanha durante a Segunda Guerra. Shosanna (Mélanie Laurent), uma jovem judia que teve a família morta pelos alemães, e o tenente americano Aldo Raine (Brad Pitt) e seu grupo têm o mesmo objetivo: provocar um atentado para matar Hitler e outros líderes nazistas. 

Por que é importante assistir: A atuação do austríaco Christoph Waltz (que levou Oscar de Melhor Ator Coadjuvante e prêmio de Melhor Ator em Cannes) como o sádico coronel nazista Hans Landa deixa no espectador uma dúvida perturbadora: o quanto ali é caricatura e o quanto é fiel à forma cruel com que os nazistas perseguiram os judeus? 

Quase não há filmes sobre a Coreia do Norte. Abundam documentários, mas há problemas na captação de imagens, já que é...

Publicado por Ideias em Segunda, 16 de outubro de 2017

Nesta lista, elaborada com a ajuda de especialistas em cinema, elencamos filmes que mostram facetas obscuras da ditadura...

Publicado por Ideias em Segunda, 9 de outubro de 2017

"Ele não sabia que estava salvando as pessoas do genocídio", disse Edna Friedberg, uma historiadora do Museu em Memória...

Publicado por Ideias em Sexta, 20 de outubro de 2017
26 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]