Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
O rei da Suazilândia, o monarca absoluto Mswati III, posa com a presidente de Taiwan, Tsai Ing-wen, depois de conceder a ela a Ordem do Elefante durante sua visita ao Reino da Suazilândia em uma cerimônia oficial em 18 de abril de 2018 no Palácio Lozitha, Manzini | MONGI ZULU/AFP
O rei da Suazilândia, o monarca absoluto Mswati III, posa com a presidente de Taiwan, Tsai Ing-wen, depois de conceder a ela a Ordem do Elefante durante sua visita ao Reino da Suazilândia em uma cerimônia oficial em 18 de abril de 2018 no Palácio Lozitha, Manzini| Foto: MONGI ZULU/AFP

O rei Mswati 3º da Suazilândia anunciou nesta quinta-feira (19), no 50º aniversário da independência de seu país, que a nação reverteu seu nome para o que usava antes da colonização britânica: Reino de eSwatini, ou "terra dos suázis".

Mswati 3º, o último monarca absolutista da África, já usara "Reino de eSwatini" em discursos e diz que "Suazilândia" costuma ser confundida com "Suíça" (em inglês, "Swaziland" e "Switzerland", respectivamente).

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]