O presidente dos EUA, Donald Trump, e o vice-presidente Mike Pence, em foto de 22 de abril de 2020
O presidente dos EUA, Donald Trump, e o vice-presidente Mike Pence, em foto de 22 de abril de 2020| Foto: MANDEL NGAN / AFP

Após a invasão de manifestantes no Capitólio dos Estados Unidos que suspendeu a sessão de contagem de votos dos estados para a oficialização do novo presidente americano, Donald Trump pediu aos seus apoiadores que se acalmassem e colaborassem com as autoridades.

"Estou pedindo a todos no Capitólio dos EUA que permaneçam em paz. Sem violência! Lembre-se, NÓS somos o Partido da Lei e da Ordem - respeite a Lei e nossos grandes homens e mulheres em Azul. Obrigado!", afirmou o presidente americano em seu Twitter.

Também o vice-presidente Mike Pence, que presidia sessão conjunta até ela ser interrompida, pediu por paz: "A violência e a destruição que estão ocorrendo no Capitólio dos EUA devem parar e isso deve parar agora. Todos os envolvidos devem respeitar os policiais e deixar o prédio imediatamente.", disse.

Após o pronunciamento de Joe Biden, o presidente Donald Trump gravou um vídeo em sua conta pessoal do Twitter pedindo que as pessoas fossem embora do Capitólio e se acalmassem. Entretanto, Trump voltou a alegar que houve fraude na eleição presidencial.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]