i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Editorial

O alto custo das escolas fechadas

  • PorGazeta do Povo
  • 31/10/2020 21:41
O alto custo das escolas fechadas
| Foto: Arquivo AEN

A pandemia de Covid-19 ainda está longe de terminar, mas suas vítimas já se contam aos milhões. Há, em primeiro lugar, os mortos e suas famílias, bem como aqueles sobreviventes que carregarão alguma sequela da doença – cujos efeitos a medicina ainda não conhece por completo. Há também as vítimas do caos econômico causado pelas restrições aos negócios: os que perderam seus empregos ou cujas empresas faliram. E, especialmente no caso brasileiro, os milhões de estudantes que, na maioria do país, continuam sem aulas ou tendo de lidar com todos os transtornos do chamado “novo normal”, como as aulas a distância.

O ensino remoto adotado às pressas escancarou a desigualdade entre os estudantes brasileiros, prejudicando especialmente os mais pobres e os alunos da rede pública. Falta acesso a equipamentos – seja para gravar ou para assistir às aulas – e a internet é precária; muitos professores, apesar da enorme boa vontade, foram pegos de surpresa e estavam despreparados para as novas dinâmicas de ensino. A Pnad Covid, pesquisa do IBGE que mede os efeitos da pandemia na sociedade, incluindo mercado de trabalho e hábitos de comportamento, tem encontrado, semanalmente, pouco mais de 6 milhões de estudantes (o que corresponde a quase 15% do total) sem nenhuma atividade escolar. Como resultado, primeiro vem o desestímulo e, depois, a evasão – principalmente no ensino médio, onde o caos econômico também cobra seu preço, com jovens se juntando aos pais desempregados ou subempregados na busca pelo sustento da família.

Um caso especial é o da educação infantil, onde a questão das “aulas remotas” é secundária ou inexistente, dada a natureza da atividade. Creches fechadas afetam os pais que não têm com quem deixar os filhos pequenos e, por isso, perdem oportunidades profissionais. A participação das mulheres no mercado de trabalho caiu ao menor nível desde 1990, queda puxada pela saída de mães com crianças mais novas.

A sociedade precisa despertar para a necessidade de um pacto amplo pelo bem das crianças e adolescentes afetados pelas escolas fechadas

Alguns dos estragos causados pela pandemia, felizmente, podem ser rapidamente revertidos. Mas definitivamente este não é o caso das escolas fechadas. Seus efeitos não desaparecerão assim que houver a reabertura; eles se perpetuarão no tempo. O aluno que desistiu do ensino médio talvez não tenha mais estímulo para voltar; a mãe que ficou fora do mercado de trabalho terá dificuldades muito maiores para encontrar um novo emprego. E mesmo quem continua matriculado sofrerá com um déficit cognitivo cuja reversão é muito lenta e trabalhosa.

Apesar disso tudo, por mais evidentes que sejam os efeitos catastróficos da suspensão das aulas presenciais, elas ficaram entre as últimas atividades a retornar no Brasil – em muitos estados e cidades, continuam proibidas, mesmo na forma adaptada às necessidades de distanciamento social ainda exigidas para evitar o contágio. Pode-se dizer que o ensino é a única das atividades essenciais a seguir fortemente restrita no país, e isso apesar da literatura médica suficiente para mostrar que os efeitos da Covid-19 em crianças são, em média, mais amenos, além de sua menor capacidade de transmissão. Manter escolas fechadas é decisão que está na contramão das recomendações de vários organismos internacionais, como a Unesco, a Unicef e até mesmo a OMS, e da prática de vários outros países muito atingidos pela pandemia, onde as escolas reabriram ao mesmo tempo que negócios e outros estabelecimentos.

Por isso, é preciso saudar as iniciativas de estados e municípios que estão, aos poucos, reabrindo suas escolas, tanto na rede pública quanto na particular, seguindo todos os protocolos nacionais e internacionais para tornar a atividade mais segura. É o único modo de romper o ciclo de descaso descrito pelo colunista Fernando Schüler, semanas atrás, quando lembrou que, para todos os envolvidos, a culpa sempre é dos demais. São gestores que, muitas vezes, precisam vencer fortes resistências corporativistas, que chegam a extremos como o de um sindicato de Porto Alegre, que espalhou outdoors pela cidade insinuando que os alunos “carregariam a culpa pelo resto da vida” caso as escolas reabrissem e, depois disso, familiares ou colegas se contaminassem e falecessem.

A sociedade precisa despertar para a necessidade de um pacto amplo pelo bem das crianças e adolescentes afetados pelas escolas fechadas. Todo o empenho que os brasileiros colocaram ao longo de todos esses meses para diminuir a curva de contágio precisa, agora, ser aplicado em prol dos estudantes e suas famílias. O exemplo de outras nações mostra que o Brasil já demorou demais para reagir neste sentido, mas o momento atual oferece uma janela de oportunidade. Este fim de 2020, em que muitas localidades vivem um arrefecimento do número de novos casos, é o momento de consolidar comportamentos seguros na volta às aulas para que o ensino em 2021 não seja tão prejudicado como foi neste ano.

Que continuem as aulas remotas para quem puder e assim o desejar, e que se dê mais prioridade no acesso ao ensino presencial para grupos mais vulneráveis – como os mais pobres e os alunos com dificuldade de aprendizado, para os quais o ensino remoto não funciona bem. Enquanto isso, que a sociedade como um todo permaneça atenta – a “segunda onda” verificada em alguns países europeus serve de alerta para o que deve ser feito no Brasil – e que o país consiga resolver uma de suas maiores falhas no combate ao coronavírus, que é o número insuficiente de testes. Por mais que sindicatos de professores insistam em retornar apenas quando houver vacina, este é um marco ainda incerto, e não há motivo para continuar punindo crianças, adolescentes e jovens, retirando-lhes possibilidades e prejudicando seu futuro.

20 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 20 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • M

    Momento Fletor

    ± 4 dias

    Comparar a volta às aulas ou a continuidade das mesmas nos países desenvolvidos mundo afora com as nossas escolas sem alunos é o mesmo q comparar alhos com bugalhos: responda-me Sr. Editor, quais escolas das redes públicas tem infraestrutura para atender os protocolos exigidos para a Covid-19? Lá fora eles tem!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • F

    F.Neto

    ± 4 dias

    Em que país desenvolvido do mundo as escolas permanecerão fechadas até a vacina?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Adriano

    ± 4 dias

    Muitos prefeitos optaram por terminar o ano com escolas municipais fechadas por falta de dinheiro para readequar as salas de aula para os protocolos sanitários exigidos pela Covid. O governo do Estado também. Daí tiveram que proibir as particulares para evitar críticas da sociedade e se esconderam atrás da pandemia para evitar enfrentar a situação.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    carlos

    ± 4 dias

    Termos colocado um delinquente irresponsável mal intencionado e ignorante na presidência da República cobrará seu enorme custo.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • M

      Meg Litton

      ± 4 dias

      Deixe de cretinice: não acha outro para "Cristo"???

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    André

    ± 4 dias

    Minha sugestão é que agora que é época de renovação de matrículas nas escolas particulares todos os pais façam matrículas na escola pública e vamos botar o judiciário para trabalhar e garantir as vagas. Vamos ver como os sábios gestores do lockdown irão reagir com o colapso do sistema.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    PAULO

    ± 4 dias

    ESSA SITUAÇÃO MERECE UMA INVESTIGAÇÃO MUITO MAIS PROFUNDA !! QUEM TEM INTERESSE EM QUE AS ESCOLAS FIQUEM PERMANENTEMENTE FECHADAS ? QUEM TEM INTERESSE QUE A NOSSA JUVENTUDE SEJA FACILMENTE MANOBRADA ? QUANTOS JOVENS VÃO DESISTIR DE ESTUDAR ? ALGUNS PAISES INTERROMPERAM AS AULAS POR UM PERIODO E AGORA RETORNARAM..INFELIZMENTE O INTERESSE POLITICO É GRANDE PARA ALGUNS QUANTO PIOR MELHOR !!PORQUE A PREOCUPAÇÃO EM TER ESCOLAS DE QUALIDADE MESMO QUE SEJAM MILITARES? O JORNALISMO TEM QUE INVESTIGAR E MUITO BEM QUAIS OS INTERESSES ?? NA CHINA BERÇO DO COVID AS AULAS RETORNARAM COM PROTOCOLO DE SEGURANÇA!!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    elisangela alves laranjeira

    ± 4 dias

    está livre de metas a alcançar; a maioria das escolas do interior não tem estrutura física minimamente capaz de permitir um processo educacional ( sem laboratórios de ciências, sem espaço para o uso pedagógico com uso da tecnologia no dia dia escolar, sem cozinhas e refeitórios, etc. ); uma educação centrada no professor e não na estrutura. Por favor, Gazeta, faça cobertura jornalística mais profissional sobre a educação no Paraná. Venha conhecer o chão da educação do PR, aí vão perceber que o problema não está unicamente no professor, que profissionalmente cumpre o que o gestor propõe, mas está principalmente no governo do PR, que dá de ombros para as pobres escolas paranaenses. Obrigado

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • H

      humanitatis

      ± 4 dias

      Muito bem ! Falou a verdade! Um jornal de categoria (ou com editorialistas inteligentes, não facciosos, sem ideologia tacanha) nunca precisaria ser corrigido, questionado talvez, mas não corrigido !

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    elisangela alves laranjeira

    ± 4 dias

    Pena que o histórico jornalístico da Gazeta sobre qualidade educacional no Paraná não se coaduna com essa preocupação com defasagem educacional, com a importância da educação qualitativa diante das desigualdades sociais. Temos uma realidade em que temos diretores que estão há décadas ocupando o cargo; prorrogações de mandatos por parte do governador; Núcleos Regionais de Educação lotados de professores apadrinhados por deputados, recebendo salários de docentes e executado função de de profissionais de Ensino Médio (um horror de dinheiro indo para o ralo); cada escola um feudo, onde a pressão externa é diretamente proporcional ao lado político do diretor, ou seja, sendo submisso ao governo ..

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • H

      humanitatis

      ± 4 dias

      Plinio: Não só professores meu caro, a maioria dos aspones não são professores

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • P

      Plinio

      ± 4 dias

      Isso se repete no país inteiro.Professores apadrinhados lotados em comissaoes que levam a NENHUM RESULTADO mas ganham jetons e regalias de folgas até a aposentadoria. Quanto mais PADRINHOS mais são encostados para o NADA.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    Roger Marquardt

    ± 4 dias

    Quando vai abrir as escolas em Curitiba?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • H

    humanitatis

    ± 4 dias

    Quanto custa uma vida GAZETA DO POVO??? Se é para falar em custos, quanto custa uma internação de um só paciente por Covid-19??? A ignorância também tem alto custo é o que estamos vendo neste jornal faccioso ! Em países sérios as escolas não reabriram e se voltaram estão fechando novamente. Pergunta para os sábios editores deste periódico: Quais e Quantas Escolas públicas do Paraná tem a mínima condição sanitária para reabrir ??? Aguardo respostas e editoriais de gente grande !!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    RENATO VOLPI JUNIOR

    ± 4 dias

    Tem muito interesse econômico por trás do lockdown das escolas em Curitiba. Os políticos estão fazendo corpo mole propositadamente.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • A

      ANA CAROLINA CARIUS

      ± 4 dias

      Não só em Curitiba.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    RPM

    ± 4 dias

    Os professores que a grande maioria é de esquerda, não querem a volta as aulas presenciais. Como toda ESQUERDALHA não quer trabalhar.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • M

      Meg Litton

      ± 4 dias

      humanitatis: lamento, mas você acha o restante da humanidade cegos??? "Somente por sua ideologia" já demonstra em que tipo de "balaio de gatos" se encontra...

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • H

      humanitatis

      ± 4 dias

      Pensamento ridículo, vc não conhece a categoria dos professores, aliás nunca participou de uma escola pública. Seu comentário execrando profissionais somente por sua ideologia denota pouca cultura e preconceito. Típico de quem não lê.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • F

    F.Neto

    ± 4 dias

    Observem os países mais desenvolvidos. FECHEM OS BARES, ABRAM AS ESCOLAS. Se não reabrirmos agora, as crianças perderão mais ano. E não há como recuperar um ano perdido na infância.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]