i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Coronavírus

“Não aguentamos até agosto”, diz associação de escolas infantis, que prevê fechamento em massa

  • 15/05/2020 18:04
Newton Andrade e esposa Simone: reabertura gradual em espaços amplos.
Newton Andrade e esposa Simone: reabertura gradual em espaços amplos.| Foto: Rosana Felix/Gazeta do Povo

A Associação das Escolas Particulares de Educação Infantil (Assepei), que no fim de abril apresentou à Câmara Municipal de Curitiba a proposta de reabertura gradual das atividades, alerta para o risco eminente de fechamento de dezenas de estabelecimentos, que pode atingir até 80% das suas associadas. Desde a suspensão do atendimento presencial no fim de março, como precaução à disseminação do coronavírus, a inadimplência gira em torno de 25%. Uma possível reabertura somente em agosto não é viável financeiramente, alerta a entidade.

“A data de agosto não é viável. Não temos condições de admitir isso, financeiramente não conseguimos esperar. Estamos falando de um período de fechamento em abril, maio, junho, julho. São 120 dias”, afirmou o presidente da Assepei, Newton Andrade da Silva Junior. Ele lamenta a demora para as conversas com o governo do Paraná e a prefeitura de Curitiba avançarem. “A gente gostaria de expor nossa situação e discutir um cronograma. Porque essa incerteza é o mais complicado, não dá para fazer planejamento algum. Mas é essa a grande dificuldade: chegar para os agentes públicos e mostrar o que estamos propondo. Não estamos cobrando nada deles, não estamos sendo irresponsáveis”, afirmou.

Segundo dados da Secretaria Estadual da Educação (Seed), cerca de 7 mil estudantes já foram transferidos da rede particular para a rede estadual no Paraná. A Secretaria Municipal de Educação (SME) informou que não há números referentes a transferências.

Nos dois casos, as redes públicas dizem que garantem matrícula aos interessados, mas a rede particular tem um papel grande na educação infantil: segundo a Sinopse da Educação Básica de 2019, Curitiba tem 66,9 mil crianças nessa etapa, sendo que 33 mil estão em estabelecimentos privados; desses, 16,3 mil em creches (0 a 3 anos) e outros 16,7 mil em pré-escolas (4 e 5 anos). “Se chegar a uma situação mais severa, como vai absorver isso? A rede particular tem um papel muito importante, é importante valorizar”, disse Andrade.

Cartilha

Na quinta-feira, a Assepei enviou ao presidente da Câmara Municipal, Sabino Picolo (DEM), uma cartilha com orientações sobre a Covid-19 e novas práticas para atendimento em escolas. O material foi feito em parceria com duas clínicas, uma de saúde ocupacional e outra de saúde infantil. “Não estamos falando de simplesmente reabrir. Queremos oferecer o serviço a quem necessita, as famílias que precisam trabalhar e estão tendo que recorrer a avós para cuidarem. Tenho pais que deixaram de pagar a escola porque precisaram contratar uma babá para ficar em casa, não tiveram outro jeito”, relatou Andrade. Ele, que é proprietário de uma escola no Cajuru, diz que vê situações que podem ser ainda mais prejudiciais à criança, como cuidadoras que ficam com várias crianças da vizinhança.

Ele defende a reabertura gradual até para ajuste das atividades escolares. “Precisamos entender quais dinâmicas serão necessárias. A gente não consegue atender como era antigamente, vou ter que manter distanciamento. Há escolas que já estão providenciando higienização das escolas; tapetes para limpeza de sapatos em três etapas; até cabines de limpeza”, observa. Ele diz que uma escola que normalmente atendia 50 alunos pode voltar a atender de 15 a 20. “Tenho casos de pais que dizem que não vão mandar para a escola, que entendem a importância de manter a escola viva, vão manter o pagamento de mensalidade, mas não preveem retornar tão cedo”, acrescenta.

A orientação da Secretaria Nacional do Consumidor e do Ministério Público do Paraná (MP-PR) é para que eventuais descontos de mensalidade sejam negociados caso a caso. O MP destaca que a criança não pode ser prejudicada. A matrícula é obrigatória a partir dos 4 anos.

Babás x desemprego

“Várias amigas professoras estão cuidando de crianças. Os pais não têm com quem deixar”, disse V.G., 22 anos, estudante do último ano de Pedagogia. Ela era estagiária em uma grande escola de Curitiba, mas perdeu o emprego nesta semana, depois de ter o salário reduzido em 50% em abril. “A escola está mantendo os professores regentes, que fazem as atividades para as crianças e dispensando as estagiárias, com promessa de chamar de novo, mas a gente não fica com muita esperança”, relatou à Gazeta do Povo.

V.G. também ofertou serviços de babá na sua página pessoal e em um grupo no Facebook na quarta-feira (13), e três pessoas interessadas negociavam com ela.

12 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 12 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • N

    Neto

    ± 16 horas

    Agradeço a Deus todo dia por essa pandemia não vitimar crianças, ao contrário da Gripe Espanhola, senão o pânico seria muito maior.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • N

      Neto

      ± 16 horas

      Quem tem filho sabe que a questão é complicada. Quem não tem não faz idéia. Há sim gente voltando a trabalhar deixando a criança com babá ou avó, muito pior. Por outro lado há gente, como eu, que ficará meses em home office e prefere que a escola só volte em agosto e enquanto isso as crianças ficam em home School.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      1 Respostas
      • N

        Neto

        ± 16 horas

        E há gente que viu tanta notícia de pânico que não vai mandar a criança para a escola até ter uma vacina.

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

    • A

      ANDRE.

      ± 17 horas

      Países Europeus com tamanho, população e assistência à saúde semelhantes (ou até piores) que o Parana, retornam às aulas após 50 dias de isolamento. Há locais em que a educação vem em prioridade. A voracidade dos nossos políticos em manter gerações sub educadas e massas controláveis está por trás deste atraso no retorno às aulas.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • M

        MORALES

        ± 22 horas

        De acordo com a UNICEF, publicado nesta semana, o número de crianças que morrerão por causa da quarentena está estimado em 1,2 milhão. Sem contar os pobres e miseráveis. A classe média dominante, dentro da sua bolha, ignora os estragos e mortes que essa quarentena já está causando aos 105milhões de brasileiros que vivem com menos de 15 reais por dia (IBGE). Países onde a população tem mais instrução e é menos polarizada, parece tratar do assunto usando a cabeça e não o reto. Sorte deles.

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        2 Respostas
        • V

          Vinicius

          ± 20 horas

          Que bobagem, quem é classe média? O autônomo que está sem renda? Sempre tentam jogar a culpa no pagador de impostos.

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

        • M

          Maquiavel

          ± 21 horas

          Uuuuiiii...

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

      • A

        ALLAN

        ± 1 dias

        Por mim é pela saúde das crianças, suspenderia este ano letivo, faz de volta ano que vem.

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        2 Respostas
        • A

          ALLAN

          ± 16 horas

          Estou falando dos filhos de classe média. Pais que pagam escolas particulares, que estão tendo um sistema on line que é uma porcaria. Em relação as crianças das classes mais baixas, o Estado tem que atender com assistencialismo e a sociedade com caridade;

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

        • M

          MORALES

          ± 22 horas

          Quais crianças? Haverá bem mais crianças morrendo por causa da quarentena do que por conta do vírus. Quem diz isso é a UNICEF. Olha lá sabichão!

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

      • S

        Spartacus

        ± 2 dias

        O Brasil está indo para a Lara do lixo. Ainda bem que Bolsonaro está jogando todo o ônus para governadores e prefeitos nefelibatas e irresponsáveis como o Dória e o prefeito bom câncer no cérebro, que depois vão de pires na mão atrás do nosso Presidente mendigando ajuda

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        1 Respostas
        • V

          Vinicius

          ± 1 dias

          Não irão mendigar. O Congresso Nacionall já aprovou e garantiu que a União indenize Estados e Municípios de toda perda de arrecadação durante a pandemia. Podem decretar e manter o isolamento com lockdown à vontade sem perder nada.

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

      Fim dos comentários.