i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
CPF na Nota

Nota Paraná vai dar prêmios mensais de R$ 1 milhão. Só concorre quem autorizar

  • PorKatia Brembatti
  • 14/02/2020 10:10
Nota Paraná vai dar prêmios mensais de R$ 1 milhão. Só concorre quem autorizar
| Foto:

A partir de março, o prêmio máximo do sorteio do programa Nota Paraná passa a ser, todos os meses, de R$ 1 milhão (atualmente, varia entre R$ 50 mil e R$ 200 mil, e apenas uma vez teve uma edição especial de R$ 1 milhão).

RECEBA notícias do Paraná por WhatsApp

Contudo, para concorrer é necessário – além de colocar o CPF em notas fiscais e se cadastrar no programa, pelo site – autorizar a participação no sorteio. No momento do cadastro, há um quadrinho em que o inscrito precisa clicar para liberar a geração de bilhetes.

Muitas pessoas deixam de fazer isso. Dos 2,9 milhões de cadastrados no programa, apenas R$ 1,8 milhão clicaram no botão. Sendo assim, mais de 1 milhão de inscritos no programa, para receber parte do ICMS recolhido, podem receber créditos das notas fiscais, mas não estão estão participando do sorteio.

O Nota Paraná já informou, no passado, que não pode incluir a participação automática dos inscritos. Por motivos religiosos ou até por desejarem a exposição pública (os ganhadores têm os nomes divulgados), muitos cadastrados optam por não concorrer aos prêmios. Como a Gazeta do Povo já noticiou, houve quem acionasse a Justiça para processar o governo – no caso, de São Paulo – por ter sido sorteado sem o consentimento.

Quem já autorizou a participação quando fez ou atualizou o cadastro, não precisa fazer qualquer alteração para concorrer o prêmio mensal de R$ 1 milhão (e aos demais sorteios de valores menores). Para concorrer, a autorização precisa ser feita até 20 de fevereiro.

Novo valor

O primeiro ganhador do prêmio milionário fez compras em novembro (há uma lapso de tempo entre a inclusão do CPF e a realização do sorteio). Apesar da bolada maior para o prêmio principal, vai ficar mais difícil ser sorteado, principalmente para os valores mais baixos. Confira aqui.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.