• Carregando...
Museus de Curitiba
| Foto: Divulgação

Você já viu o filme Uma Noite no Museu? Nele, um segurança noturno do Museu de História Natural de Nova York descobre um mundo fantástico quando peças do museu ganham vida à noite. Mesmo sem o elemento ficcional, é possível encontrar um universo fascinante em diversos museus de Curitiba. História, arte, cultura e natureza se revelam em diversos acervos pela cidade.

Além disso, alguns museus de Curitiba ficam próximos a parques e outros locais interessantes da cidade. Portanto, passear por eles é uma oportunidade de absorver novos conhecimentos e aproveitar um programa diferente.

Tem para todo gosto

Pelo que você se interessa? Segunda Guerra Mundial? Museu do Expedicionário! Civilizações Antigas? Museu Egípcio Rosa Cruz! Povos originários? Museu da Arte Indígena! E a lista é muito maior…

A capital paranaense é casa de museus das mais diversas temáticas e uma das opções, com certeza, vai conquistar sua atenção. As opções se dividem em museus públicos, privados e até mesmo comunitários – como o Museu da Periferia, uma iniciativa de moradores periféricos para contar suas histórias.

Um exercício de cidadania

Criar e manter um museu é coisa séria. Não por menos, a visitação desses espaços é estimulada como exercício cultural e de cidadania. A professora do curso de Museologia da Unespar, Katiucya Perigo, aponta que “o museu só é ativado a partir do momento em que o público o frequenta.”

“É o público que, quando adentra no museu e se depara com uma exposição, começa a fazer conjecturas, faz relações com sua memória afetiva, com a sua bagagem de conhecimentos. E, então, passa a dar sentido para aquilo que está exposto. Assim, se o público não frequenta o museu, esse espaço não tem razão de existir”, acrescenta a professora. Ela relembra ainda o episódio do incêndio do Museu Nacional, em 2018. Um público visitante ativo pressiona autoridades a investirem na preservação de museus e, por isso, visitá-los se torna um exercício cidadão. “Acredito que o público possa exercer uma pressão sobre as autoridades, que ele possa dar publicidade aos problemas”, pontua.

Compilamos uma lista de museus que a capital paranaense oferece para visitação. A intenção é trazer sugestões de lugares mais e menos conhecidos da capital, para um passeio fora da rotina. Confira!

Museus sobre ciências naturais

Nosso país tem uma flora e fauna exuberantes que não são cobertas em sua totalidade por nenhum museu. Por isso, a melhor forma de explorar nossa natureza em Curitiba é mergulhar em vários museus que se dedicam ao tema!

Museu de Ciências Naturais da UFPR

| José Fernando Ogura. Flickr: Flávio Arns

Mantido pela UFPR, o museu completa 30 anos em 2024. O local tem como vocação expor a ciência para a sociedade de maneira científica e didática, além de aproximar a Universidade da população.
Os visitantes podem observar coleções de itens biológicos como crânios, esqueletos, fósseis, mas também animais vivos. O local passou, recentemente, por uma reforma e já está pronto para receber visitas.

O museu fica na Avenida Coronel Francisco Heráclito dos Santos, 100, dentro do Centro Politécnico da UFPR. Funciona de segunda a sexta-feira das 9h às 12h e de 13h30 a 17h30, exceto feriados. O local pode ser visitado gratuitamente sem agendamento, exceto no caso de visitas guiadas ou em grupo.

Site: mcn.ufpr.br

Museu Planeta Água

| Alex Trinks

Mantido pela Sanepar, o museu tem como vocação falar sobre a importância de preservarmos os recursos hídricos. O local foi inaugurado em 2022 e possui um acervo interativo que provoca reflexões sobre o tema.

O museu atende mediante agendamento, de terça a sábado, das 10h às 17h. O local fica na Av. Victor Ferreira do Amaral, 1760, Tarumã.

Site: museuplanetaagua.org.br

Museu de História Natural Capão da Imbuia

| Hully Paiva/SMCS

O local administrado pela prefeitura reúne um acervo de coleções científicas vastas, como insetos, peixes, ectoparasitas, mamíferos, répteis, anfíbios, e invertebrados. Ele é reconhecido nacionalmente pela qualidade de seu trabalho na área da pesquisa zoológica, abrangendo diferentes grupos de animais.

As visitas ocorrem de terça a domingo, das 9h às 16h45 na R. Prof. Benedito Conceição, Capão da Imbuia.

Site: www.curitiba.pr.gov.br/conteudo/museu-de-historia-natural-do-capao-da-imbuia-bosque-municipal-capao-da-imbuia/332

Museus Históricos

A história do Brasil é muito rica, em especial ao se levar em conta os diversos fluxos migratórios do país, a herança dos povos originários e a participação do Brasil em momentos relevantes da história global, como a Segunda Guerra Mundial. Confira alguns museus com temática histórica na capital paranaense!

Museu Paranaense - MUPA

| Divulgação

O museu se dedica a diversas áreas da história, cultura, geografia e natureza paranaense. Pesquisas em arqueologia, antropologia e história são conduzidas a partir do rico acervo preservado pela instituição, que é mantida pelo governo estadual. O acervo conta com itens de povos originários, medalhas e moedas antigas, fósseis, objetos ligados aos movimentos migratórios do Paraná e mais. Além disso, a parte externa do museu abriga espécies nativas em um jardim.

Dica: aproveite a feirinha do Largo da Ordem e faça uma visita ao museu, que abre aos domingos!

O museu abre de terça a domingo, das 10h às 17h30, e fica localizado na Rua Kellers, 289, Alto São Francisco.

Site: https://www.museuparanaense.pr.gov.br

Museu do Holocausto

| Leticia Akemi/Arquivo/Gazeta do Povo

É o primeiro museu brasileiro sobre o holocausto. A partir de objetos, documentos, vídeos e mais, o acervo conta a história de um dos maiores genocídios testemunhados pela humanidade. As visitas devem ser agendadas pelo site do museu.

R. Cel. Agostinho Macedo, 248, Bom Retiro. Entrada franca.
Site: museudoholocausto.org.br

Museu do Expedicionário

| Kraw Penas/Secc

Os moradores de Curitiba costumam passar na frente de uma praça na qual há um avião, um tanque e um torpedo. Essa combinação de elementos curiosa chama a atenção. Contudo, muitos curitibanos nunca visitaram o museu ao qual os itens pertencem. O local tem valor histórico e educativo sobre a participação do Brasil na Segunda Guerra Mundial e, por isso, é uma parada obrigatória para quem se interessa pelo tema.

De terça a domingo, das 9h às 12h e das 13h30 às 17h, na R. Comendador Macedo, 655, Alto da XV. Entrada franca.

Museus de arte

O museu de arte mais famoso de Curitiba é, sem dúvida, o Museu Oscar Niemeyer. Cartão postal da cidade, essa é uma parada obrigatória para quem aprecia arte em seus variados formatos. Contudo, a cidade tem diversos museus com acervos intrigantes e únicos. Que tal conhecê-los?

Museu Casa Alfredo Andersen

| Divulgação

O museu preserva cerca de 400 obras do norueguês radicado no Paraná, Alfredo Andersen, na casa em que ele viveu e trabalhou. A instituição tem caráter biográfico e o acervo conta a história e obra de Andersen através de objetos artísticos e históricos.

A visitação acontece de terça a domingo, das 10h às 17h, na R. Mateus Leme, 336 - São Francisco. Entrada franca.

Site: https://www.mcaa.pr.gov.br

Museu Guido Viaro

| Divulgação

O espaço se dedica ao acervo e criação do artista ítalo-brasileiro Guido Viaro. Anteriormente, o acervo de Viaro estava exposto em um museu público, mantido pela Prefeitura de Curitiba. Contudo, o museu anterior foi fechado e, desde 2009, a família do artista decidiu expor as obras em um espaço particular. A estrutura possui um anexo onde são realizadas exposições temporárias e também uma sala dedicada ao escritor curitibano Dalton Trevisan.

O museu funciona de terça à sábado das 14h às 18h na Rua XV de Novembro, 1348, Centro. Entrada franca.

Site: museuguidoviaro.com.br

Museu de Arte da UFPR - MusA

| Divulgação

O local mantido no prédio histórico da Universidade Federal do Paraná (UFPR) tem obras de vários tipos de expressão artística. Pinturas, esculturas, obras em papel, instalações, videoarte, vitrais e murais compõem um acervo de artistas, principalmente, do Paraná.

De segunda a sexta, das 9h às 12h e das 13h às 18h, na R. XV de Novembro, 695. Entrada franca.

Site: www.musa.ufpr.br

Museu da Arte Indígena

Museus de Curitiba: Museu da Arte Indígena
| Divulgação

Inaugurado em 2016, o museu reúne 21 anos de trabalho da pesquisadora e empresária Julianna Podolan Martins. Em excursões a locais de diversas etnias, Julianna juntou um acervo de peças de arte dos povos originários brasileiros, que pode ser contemplado no museu.

De segunda à sexta das 10h às 17h30, na Av. Água Verde, 1413- Água Verde. Entrada: R$12 (meia-entrada) e R$24 (inteira).
Site: maimuseu.com.br

Museus Diferentes

Você é fã de assuntos mórbidos? Ou foge deles e prefere falar sobre a vida? Curitiba tem dois museus completamente opostos que trazem propostas fora do comum. Além disso, a cidade tem um memorial dedicado à segurança no trânsito, um espaço único no país.

Museu da Vida

| Divulgação

Inaugurado em Curitiba em 2014, a instituição busca ser um espaço de construção de saberes para todas as idades. O espaço é mantido pela Pastoral da Criança e também guarda a memória de sua fundadora, a paranaense Zilda Arns. Fica na Rua Jacarezinho, 1691, no bairro Mercês.

Site: www.pastoraldacrianca.org.br/museudavida/

Memorial da Segurança no Transporte

| Divulgação

Espaço único no Brasil, o memorial une história e tecnologia para oferecer aos visitantes experiências que prometem mudar atitudes no trânsito. Entre as principais atrações do local estão o simulador de capotamento, o simulador de “crash-test”, um “bafômetro” e até um ônibus biarticulado suspenso– um símbolo curitibano.

O memorial funciona de quarta a sábado, das 9h às 17h, mediante agendamento, na Rua Eduardo Sprada, 6447. Entrada franca.

Site: memorialdaseguranca.com.br

Museu Paranaense de Ciências Forenses

| Divulgação

Este museu é para os fãs de séries sobre crimes. Dedicado principalmente a estudantes e profissionais de áreas afins às ciências forenses, o local possui um acervo amplo de itens como cadáveres mumificados, caveiras e materiais relacionados ou resultantes de crimes. Com caráter didático, esse local também pode ser visitado pelo público em geral na última segunda-feira de cada mês, das 9h às 16h, sem a necessidade de agendamento, na Rua Paulo Turkiewicz, 150, Tarumã

Dica: para quem curte esse tipo de passeio, é possível também visitar o Antigo Necrotério, na Av. Visconde de Guarapuava, 2652, Centro. Toda última quinta do mês é realizada uma visita noturna ao local. Neste caso, a inscrição é feita por formulário liberado pelo instagram @museuforense, na segunda-feira anterior à visita, às 14h.

Confira um mapa interativo com os museus disponíveis em cada bairro de Curitiba!

0 COMENTÁRIO(S)
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]