Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado

- Número de assassinatos caiu 6,5% no Brasil em 2021 na comparação com o ano anterior

*) O Brasil registrou, ao longo de 2021, 47.503 assassinatos, o que representa uma média de 130 a cada dia. São 22,3 Mortes Violentas Intencionais (MVI) para cada grupo de 100 mil habitantes. Esse número apresenta uma redução de 6,5% na taxa de MVI em relação a 2020.

É, também, o menor índice desde 2011, quando começou a série histórica. Para se ter uma ideia: em 2017, o ano em que os casos bateram recorde, houve 64.078 mortes violentas intencionais, o que equivale a 175 assassinatos por dia.

Todos esses dados constam do Anuário Brasileiro da Segurança Pública, divulgado nesta semana. Será que dá pra “comemorar”?

Queda no número de assassinatos no Brasil

Ao mesmo tempo em que há dados positivos, é preciso ressaltar, segundo o Fórum Brasileiro da Segurança Pública, que o Brasil, que tem uma população que equivale a 2,7% dos habitantes do planeta, respondeu por cerca de 20,5% dos homicídios conhecidos que foram cometidos no mundo em 2020.

Este episódio do podcast 15 Minutos analisa a redução no número de homicídios de 2020 para 2021 e fala sobre outros aspectos deste documento. O convidado é o David Marques, coordenador de projetos do Fórum Brasileiro de Segurança Pública. O Fórum é o responsável pela publicação do Anuário.

***
O podcast 15 minutos é um espaço para discussão de assuntos importantes, sempre com análise e a participação da equipe de jornalistas da Gazeta do Povo. De segunda a sexta, de forma leve e dinâmica, com a duração que cabe na correria do seu dia. Apresentação é do jornalista Márcio Miranda.

***
Ficha técnica: ‘15 minutos’, podcast de notícias da Gazeta do Povo #Apresentação e roteiro: Márcio Miranda; direção de conteúdo: Rodrigo Fernandes; equipe de produção: Maria Eduarda Scroccaro montagem: Leonardo Bechtloff; estratégia de distribuição: Marcus Ayres.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]