• 23/09/2020 17:53
Meio ambiente

No Acre, Mourão diz que divulgação de queimadas está superdimensionada

  • 23/09/2020 17:53
    • Estadão Conteúdo
    Hamilton Mourão
    O Vice-Presidente da República, Hamilton Mourão coordena a 2ª Reunião do Conselho Nacional da Amazônia Legal (CNAL).| Foto: Romério Cunha/VPR

    O vice-presidente Hamilton Mourão, que cumpre agenda no Acre nesta quarta-feira (23), disse que o país precisa regulamentar o quanto antes a exploração de minério em terras indígenas e que a divulgação das queimadas em território brasileiro, principalmente no Pantanal e na Amazônia, está sendo superdimensionada. Segundo o Mourão, que também é presidente do Conselho da Amazônia, o governo Bolsonaro já enviou ao Congresso Nacional projeto de lei que regulamenta essa exploração, assim como outros governos anteriores. A pauta, contudo, não avançou como se esperava. Mourão visita o Acre um dia depois de o presidente Jair Bolsonaro (sem partido)) afirmar em discurso na Assembleia Geral da ONU que é também dos índios e caboclos a culpa pelos incêndios florestais registrados na região amazônica. Questionado, o vice-presidente preferiu não entrar no mérito do discurso. "Não compete a mim prestar esclarecimentos sobre as palavras do presidente Bolsonaro. [...] O tempo todo nós temos colocado o seguinte: o problema existe e nós temos de combatê-lo, mas existe não na dimensão que se passa", avaliou.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    Máximo 700 caracteres [0]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.