• 25/06/2020 09:30
Pedido de suspensão

Nomeação de Weintraub não pode ser barrada, diz Conselho de Ética do Banco Mundial

  • 25/06/2020 09:30
  • PorGazeta do Povo
    O ministro da Educação Abraham Weintraub.
    O ex-ministro da Educação Abraham Weintraub.| Foto: Carolina Antunes / PR

    O Conselho de Ética do Banco Mundial informou que não pode influenciar na nomeação do ex-ministro da Educação Abraham Weintraub para o cargo de diretor-executivo. A resposta ocorre após um pedido apresentado pela associação de funcionários para suspender a nomeação ao mencionar declarações de Weintraub contra a China e o STF. Segundo o conselho, o código de conduta só é aplicado para funcionários já empossados. Na carta, diz a Folha, o presidente do conselho, Guenther Schoenleitner, ressalta que “nem a administração nem o Comitê de Ética do Conselho influenciam a nomeação ou eleição de um DE [diretor executivo]”. O governo brasileiro tem maioria no consórcio formado por Colômbia, Equador, Haiti, Panamá, Suriname, República Dominicana, Filipinas e Trinidad e Tobago.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.