Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A CPI da Covid ouve nesta quinta-feira (23) o empresário Danilo Berndt Trento, a fim de esclarecer qual é o envolvimento dele com a Precisa Medicamentos, empresa que intermediou a venda para o governo federal da vacina indiana Covaxin – negociação investigada pela CPI por suposta corrupção. Trento é suspeito de ser sócio oculto da Precisa. Mas ele era apresentado como diretor institucional.

Segundo informações apresentadas à comissão, Trento viajou à Índia no ano passado, junto com Francisco Maximiano, dono da Precisa, para negociar a compra de testes de Covid-19 e de vacinas Covaxin com o laboratório indiano Bharat Biotech.

O requerimento para Trento depor foi feito pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP). Na justificativa, o senador afirma que uma empresa da qual Trento é sócio, a Primarcial Holding e Participações, fica no mesmo endereço da Primares Holding e Participações, cujo sócio é Maximiano.

Existe ainda a suspeita de que Trento seja o elo da Precisa com políticos e autoridades.

Na quarta-feira (22), Trento conseguiu um habeas corpus do Supremo Tribunal Federal (STF) que garante a ele o direito de permanecer em silêncio durante a sessão.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]