i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Abaixo-assinado

Colegas da Lava Jato saem em defesa de Deltan às vésperas de julgamento no CNMP

  • Brasília
  • 13/08/2020 17:28
Deltan Dallagnol pode ser afastado da coordenação da força-tarefa da Lava Jato no Paraná.
Deltan Dallagnol pode ser afastado da coordenação da força-tarefa da Lava Jato no Paraná.| Foto: Marcelo Andrade/Arquivo Gazeta do Povo

Às vésperas do julgamento no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), que pode terminar com o afastamento do procurador da República Deltan Dallagnol da coordenação da Lava Jato, um grupo de 25 procuradores da República que integram ou já integraram a força-tarefa no Paraná e na Procuradoria Regional da República da 4.ª Região saiu em defesa do colega nesta quinta-feira (13). Os procuradores assinaram um abaixo-assinado em que manifestam preocupação com o julgamento.

O CNMP deve julgar na próxima terça-feira (18) dois procedimentos administrativos disciplinares contra Deltan, apresentados pelos senadores Renan Calheiros (MDB-AL) e Kátia Abreu (Progressistas-TO). O pedido de Kátia Abreu pede que o procurador seja afastado da força-tarefa. A senadora argumenta que a manutenção de Deltan no comando da força-tarefa coloca em risco trabalhos da operação. Já o pedido de Renan Calheiros acusa Deltan de quebra de decoro ao fazer campanha contra o senador na disputa pela presidência do Senado, em 2019.

“Vem tomando corpo forte movimento de reação aos avanços contra a corrupção visando a impedir ou macular investigações”, dizem os procuradores signatários do abaixo-assinado. Eles argumentam que as representações em julgamento no CNMP abordam questões já arquivadas pela Corregedoria Nacional do Ministério Público Federal.

“Ninguém deve ser punido pelo regular exercício das suas funções ou pelo legítimo exercício do direito à livre manifestação e expressão. Uma nação se constrói pela diferença de ideias, e a omissão não contribui para a democracia. No julgamento que se aproxima, Deltan Dallagnol poderá ser afastado da força-tarefa por se dedicar há anos ao combate à corrupção nos altos escalões da República e por expressar de forma firme suas ideias”, diz o grupo de procuradores.

Para o grupo, o julgamento na semana que vem colocará à prova as garantias conferidas aos membros do Ministério Público para que possam desempenhar sua função com isenção. “O debate subjacente ao julgamento não é, na verdade, sobre o procurador Deltan Dallagnol, mas sobre o futuro da Lava Jato, da causa anticorrupção e das garantias constitucionais da independência funcional e da inamovibilidade de membros do Ministério Público. O que está em jogo é a capacidade institucional de proteger promotores e procuradores que trabalham contra a grande corrupção estabelecida em diversas esferas de governo no Brasil”, diz o documento.

Os procuradores defendem a atuação de Deltan como coordenador da Lava Jato. “Ele sempre externou compromisso com a lei e a ética em seu procedimento e atuação pública”, dizem os colegas do chefe da força-tarefa.

“Caso o CNMP decida, com base nas representações em julgamento no dia 18 de agosto, pela remoção de ofício de Deltan Dallagnol, serão abalados o direito constitucional à livre manifestação e expressão, bem como as garantias da independência funcional e da inamovibilidade, que, diga-se, existem para a defesa da sociedade”, alegam os procuradores. Segundo o grupo, sem esses pilares, “as condições para a continuidade dos trabalhos na força-tarefa com independência será inviabilizada”.

O documento é assinado pelos procuradores Adriano Augusto Silvestrin Guedes, Alexandre Jabur, Ana Luísa Chiodelli Von Mengden, Andrey Borges de Mendonça, Antônio Augusto Teixeira Diniz, Antônio Carlos Welter, Athayde Ribeiro Costa, Carlos Augusto da Silva Cazarré, Diogo Castor de Mattos, Douglas Fischer, Felipe D´Elia Camargo, Isabel Cristina Groba Vieira, Januário Paludo, Jerusa Burman Viecili, Joel Bogo, Juliana de Azevedo Santa Rosa Câmara, Júlio Carlos Motta Noronha, Laura Tessler, Luciana de Miguel Cardoso Bogo, Luiz Felipe Hoffmann Sanzi, Marcelo Ribeiro Oliveira, Maria Emília Corrêa da Costa Dick, Orlando Martello Junior, Paulo Roberto Galvão e Roberson Henrique Pozzobon.

8 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 8 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • L

    L.@.R.@

    ± 1 horas

    Moral invertida.... prende o que trabalha e solta o bandido corrupto.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • F

      Fernando Fernandes

      ± 2 horas

      Não é fácil ser honrado num país de corruptos!!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • U

        Udo Hansen

        ± 3 horas

        O Brasil precisa quebrar a orquestra que está sendo montada para defender criminosos, políticos ou não.

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        • U

          Udo Hansen

          ± 3 horas

          O Brasil precisa quebrar a orquestra que está sendo montada para defender criminosos, políticos ou não.

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

          • A

            Antonio Cousseau

            ± 3 horas

            OS DOIS PODERES (CONGRESSO E STF) QUE DEVERIAM APOIAR A LAVA JATO, NÃO ESTÃO CONTAMINADOS PELA CORRUPÇÃO?

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

            • S

              sandra regina

              ± 4 horas

              Começaram bem. Hoje Lavajatismo virou um câncer!

              Denunciar abuso

              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

              Qual é o problema nesse comentário?

              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

              Confira os Termos de Uso

              • J

                JOSIL

                ± 4 horas

                Ser condenado por combater a corrupção e falar a verdade, sobre o mal caráter de corruptos só pode acontecer no país da piada pronta! PATÉTICO!

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

                Fim dos comentários.