i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Além do FGTS

Dinheiro do PIS/Pasep pode ser sacado a partir de agosto: quem tem direito

  • PorFernanda Trisotto e Giulia Fontes
  • Brasília e Curitiba
  • 24/07/2019 21:06
Pessoa conta notas de reais
Banco do Brasil será o responsável pela liberação de recursos do Pasep. Já o PIS será pago pela Caixa.| Foto: Gilson_Abreu/ANPR

Além da liberação de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), o governo Jair Bolsonaro (PSL) autorizou, nesta quarta-feira (24), saques de contas do PIS/Pasep, um fundo que recebeu depósitos em nome de cada trabalhador entre 1971 e 1988. As retiradas poderão ser feitas a partir do dia 19 de agosto e por prazo indeterminado.

A medida afeta quem trabalhou e efetuou recolhimentos ao fundo até outubro de 1988. De acordo com o governo federal, ainda restam R$ 22,8 bilhões em contas individuais a serem resgatados. O saque do PIS/Pasep poderá beneficiar um grupo de 11,7 milhões de trabalhadores que ainda têm valores em conta.

Os dependentes ou sucessores do titular da conta que seja falecido também poderão fazer o saque. Para isso, terão de apresentar a certidão de dependente do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Deverão ainda apresentar apresentar uma declaração de consenso entre as partes e informar não haver outros herdeiros conhecidos.

ANÁLISE: Saque do FGTS no aniversário será pouco vantajoso para a maioria

A expectativa, nesse caso, é de que R$ 2 bilhões sejam injetados na economia ainda em 2019. Quem ficará responsável pela liberação do dinheiro do Pasep é o Banco do Brasil, enquanto a Caixa Econômica Federal responderá pelos recursos do PIS.

"Os recursos são do cidadão. Vamos deixar que ele determine suas prioridades", disse Rubem Novaes, presidente do Banco do Brasil, na cerimônia de anúncio das medidas.

Atualmente, só pode sacar o dinheiro quem tem 60 anos ou mais, aposentado, declarado inválido ou que seja portador de doença grave, como câncer e aids, entre outras.

O PIS/Pasep é resultado de uma unificação dos fundos do Programa de Integração Social (PIS) e do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep).

Tentativa de estímulo à economia

Também nesta quarta, o governo anunciou a liberação de saques imediatos de R$ 500 do FGTS. Outra mudança, chamada de "saque-aniversário", dá a opção de que o trabalhador retire recursos do fundo anualmente, de acordo com o saldo da conta, abrindo mão de receber o dinheiro em caso de demissão sem justa causa.

Com as medidas, a expectativa do governo é de que o impacto seja de R$ 30 bilhões na economia só em 2019. Para 2020, a previsão é de que mais R$ 12 bilhões sejam sacados pelos trabalhadores.

2 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 2 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • T

    Thinker

    ± 1 horas

    É bom aproveitar este ano pois para 2020, poucos poderão contar com PIS/PASEP. Explico: com a Reforma da Previdência, só receberá essa abono quem recebe abaixo de R$ 1.364,44. Hoje o limite é R$ 1.996,00 (2 salários mínimos). A partir de 2020, quando o texto aprovado por de****dos e senadores virar lei, cerca de 20 milhões de brasileiros do meio urbano e rural, que estão nessa faixa salarial, perderão o direto ao abono de PIS/PASEP.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    STF

    ± 9 horas

    Imagina quantos empregos seriam criados se os impostos baixassem?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]