Patrocínio

Hospital Pilar Instituto de Oncologia do Paraná

Você é um nerd e nem sabia? Confira nestas 6 características

Termo já foi considerado pejorativo, mas se tornou ‘cool’ e ganhou até mesmo uma data comemorativa

Dia 25 de maio é o Dia do Orgulho Nerd. Você se identifica com o termo? Foto: Bigstock

Esqueça aquele garoto franzino com óculos fundo de garrafa que dorme mergulhado em livros. Deixe de lado a imagem da menina de aparelho nos dentes com penteado ‘a la Chiquinha’, do seriado Chaves, que não chama a atenção de ninguém na escola. O nerd deste século 21 pode estar ao seu lado. Ou ser você mesmo (sem perceber).

O termo nerd, que um dia foi considerado pejorativo e alvo de bullying, se tornou sinônimo de sucesso principalmente com o desenvolvimento da internet e a produção de novos ricos que criaram empresas de tecnologia na garagem de casa. Mark Zuckerberg é o melhor exemplo desta geração que teve a conta bancária alçada à estratosfera.

A valorização desta cultura foi tão grande desde os anos 1950 – quando o termo foi criado por alunos mais aplicados do Massachussets Institute of Technology (MIT) – que até uma data foi criada para comemorar o Dia do Orgulho Nerd: 25 de maio. Se a sorte não bateu na sua porta como a dos habitantes do Vale do Silício, não se preocupe. Qualquer um pode ser um nerd.

>> Curitiba, capital nerd? Parece que sim!

Como ser um nerd?

O lançamento da primeira trilogia de Star Wars, em 25 de maio de 1977, marcou o início da geração nerd. Foto: reprodução.

Você é fã de Star Wars? E dos heróis da Marvel, da saga Game of Thrones, do Senhor dos Anéis, de Harry Potter, entre outras produções literárias e cinematográficas de ficção científica? Pronto, já pode se considerar um nerd.

Este tipo de pessoa é caracterizado pelo fato de se interessar por um determinado assunto e querer se aprofundar nele, conhecendo o máximo que puder. Muitas vezes são temas ligados à ciência, tecnologia, ficção científica e, acredite, até mesmo coisas que parecem não ser interessantes a mais ninguém – apenas à você mesmo.

As pessoas hoje em dia não se importam mais em serem definidas como nerd, e chegam até mesmo a se auto-denominarem assim. Prova disso é o sucesso inesperado de séries e filmes que abordam esta temática e a proliferação de blogs criados por estes grupos, inclusive alguns premiados pelos internautas.

>> Turismo nerd: 6 lugares para reviver filmes e seriados clássicos

A tecnologia, com o desenvolvimento de smartphones, ajudou a difundir este orgulho. Uma série televisiva muito aclamada nos últimos anos, The Big Bang Theory, retrata justamente o universo nerd com a história de quatro cientistas geniais que vivem apenas para seus projetos científicos.

A série The Big Bang Theory retrata bem o universo nerd. Foto: divulgação.

Listamos 6 passos para você descobrir (ou se tornar) um nerd de orgulho:

1- Aprenda a diferenciar os tipos de nerds
Eles se dividem em duas categorias (mas convivem bem entre si): os CDFs são o menos sociáveis de todos, mas possuem uma inteligência extremamente focada em atividades acadêmicas; já o Geek (termo da moda) possui um interesse de nicho, como ficção científica, super heróis, etc.

2- Encontre um assunto para se especializar
Nerds em geral são profundos entendedores de assuntos bem específicos, e desenvolvem conversas com fatos e argumentos sobre tal tema. Geralmente são conteúdos ligados às áreas ciências, tecnologias, engenharia e matemática. Filmes e séries também contam.

3- Participe de encontros com interesses parecidos com os seus
Não é difícil descobrir se a sua paixão única por túneis de metrô ou robôs jogadores de futebol é compartilhada por outras pessoas. Os grupos de discussão dos mais variados assuntos estão espalhados por redes sociais e fóruns na internet.

4- Acompanhe os últimos lançamentos
Nerd ou geek que se preze fica de olho nos spoilers e rumores que surgem a cada novo lançamento. E nisso se incluem novos gadgets, filmes, livros, seriados, etc.

5- Roupas e decoração
Os gostos particulares sempre se refletem inclusive na casa e no modo de se vestir do geek. As roupas sempre tem alguma estampa que mostre ao mundo seus interesses, e a sala de casa pode ser repleta de itens como videogames, cartazes de filmes e séries, ou mesmo pequenos objetos como aquele cogumelo verde do Super Mario World.

6- Opinião própria
Algumas pessoas podem ter um pouco de vergonha de falarem para os outros quais são seus interesses. Para os nerds e geeks, isso é o de menos.

>> Conheça 10 produtos para honrar o Dia do Orgulho Nerd

Neste dia 25 de maio, curta o Dia do Orgulho Nerd mostrando ao mundo que todos os interesses podem ser aceitos com respeito, por mais curiosos que sejam.

LEIA TAMBÉM:

8 recomendações para você

Deixe seu comentário