PUBLICIDADE

Moda e beleza

Estilista francês Hubert de Givenchy morre aos 91 anos, em Paris

O estilista francês ficou famoso por sua colaboração de quase meio século com a atriz Audrey Hepburn

Hubert de Givenchy / AFP / Rafa Rivas

O lendário estilista Hubert de Givenchy morreu aos 91 anos. A notícia foi dada em uma declaração de seu parceiro, o também estilista Philippe Venet, nesta segunda-feira (12). Venet afirmou que Givenchy morreu enquanto dormia, na noite do último sábado (10), em seu castelo perto de Paris.

Fundador da grife de alta costura Givenchy, o estilista ficou muito conhecido por sua amizade com a atriz Audrey Hepburn. Depois de se conhecerem durante a gravação do filme “Sabrina”, em 1953, os dois foram amigos por mais de 40 anos. Na cerimônia do Oscar de 1954 a atriz usou um dos vestidos do filme, especialmente refeito por Givenchy.

Foi ele o responsável por desenhar os figurinos que Audrey usou nos clássicos “Cinderela em Paris” (1957), “Como roubar um milhão de dólares” (1966) e “Um amor na tarde” (1957). Nenhum desses, no entanto, fez tanto sucesso e tornou-se tão icônico quanto o vestido preto usado por ela no filme “Bonequinha de luxo” (1961).

Hubert de Givenchy em 1957 / AFP PHOTO / STF

Na pele de Holly Golightly, Audrey encanta gerações com seu estilo. O vestido foi vendido em um leilão em 2006 por £ 467.200 (aproximadamente R$ 2,1 milhões no câmbio atual). Já alçado à categoria de lenda da moda, Givenchy também determinou o estilo de Jacqueline Kennedy durante o período em que ela foi primeira-dama dos Estados Unidos. A rainha da Inglaterra, Elizabeth II, também está na lista de personalidades que foram conquistadas por seu design único.

O estilista abriu as portas de sua grife em 1952, em Paris. Ele continuou sendo o designer da marca até 1995, mesmo seis anos depois de ela ter sido comprada pela LVMH.

LEIA TAMBÉM:

PUBLICIDADE