Patrocínio

Hospital Pilar X-Leme Diagnóstico Por Imagem Mantis Diagnósticos Avançados

Dicas para boa visão depois dos 60 anos

Doenças oculares na terceira idade não precisam ser comuns, bastam alguns cuidados na rotina – desde alimentação aos exercícios físicos

(Foto: VisualHunt)

Mulheres têm mais risco de desenvolver doenças oculares, como glaucoma e catarata, do que os homens – risco este que aumenta na terceira idade. De acordo com informações do oftalmologista Renato Neves, diretor-presidente do Eye Care Hospital de Olhos, seguir uma rotina de cuidados pode ajudar a manter uma boa visão na terceira idade. Confira as dicas:

1. Ovo e milho verde. Alimentos antioxidantes retardam o aparecimento de doenças como catarata, degeneração macular e olho seco. Para encontrá-los, diversifique as cores no prato. Inclua verduras verde escuras, que são antioxidantes, além de ovo, milho verde, mamão, laranja e kiwi, que contêm luteína, substância que combate a degeneração macular relacionada à idade. Cenoura e abóbora também são ricas em vitamina A e vitamina C, excelentes para a visão.

2. Quedas são perigosas para os olhos. Cair, depois dos 60 anos, traz muitos riscos, inclusiva para a visão. Em casos graves, uma queda – mesmo dentro de casa – pode levar ao descolamento da retina e até à perda de visão do olho afetado.

3. Controle as doenças crônicas. Hipertensão e diabete costumam afetar a saúde dos olhos. Se começar a ter sintomas como enxergar fora de foco, meio borrado, busque um médico com urgência. Alguns medicamentos usados no tratamento de doenças crônicas podem afetar a saúde ocular.

4. Faça exercícios físicos. Caminhar, todos os dias, pode ser o começo de uma vida mais ativa e saudável. Fazer exercícios também ajuda na saúde dos olhos, pois melhora a oxigenação e circulação sanguínea. Durante a prática ao ar livre, não se esqueça de usar óculos de sol ou de proteção.

5. Sono é essencial. Quando estamos de olhos fechados, dormindo, os olhos são continuamente lubrificados e ficam livres de agressões, como poluição, poeira, fumaça de cigarro, entre outros. Se, mesmo dormindo de sete a oito horas por noite, a pessoa sentir como se tivessem grãos de areia nos olhos, é importante procurar um médico para verificar se não tem a Síndrome do Olho Seco, que é comum na terceira idade.

8 recomendações para você

Deixe seu comentário