i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Felipe Koller

Foto de perfil de Felipe Koller
Ver perfil

Intersecções entre religião e espaço público

Rótulos e razões

O “anticomunismo” de João Paulo II era bem diferente desse que se vê por aí

O papa polonês sabia que o discurso anticomunista pode muito bem ser uma cilada

  • 13/05/2020 23:45
João Paulo II era contra o comunismo, mas entendia o perigo do anticomunismo como ideologia
João Paulo II em visita a Bulgária em 2002.| Foto: Bigstock

Continuo refletindo sobre a situação política a que chegamos a partir do magistério de João Paulo II, cujo centenário de nascimento será lembrado no próximo dia 18. Na última coluna, apontei que houve quem visse em Jair Bolsonaro um candidato que representaria o que o papa polonês chamou de cultura da vida, apesar de o então deputado nunca ter manifestado outra coisa a não ser uma postura de desprezo pela dignidade da vida humana. Em nome de uma postura pró-vida degenerada em ideologia, disposta a engolir absurdo atrás de absurdo para defender um candidato que – em campanha – se disse contra o aborto e que abusa do nome de Deus o tempo todo, elegeu-se alguém que, diante de uma epidemia que já matou mais de 10 mil brasileiros, não se compadece, não conforta, não socorre, não age e não ora, mas marca churrasco, passeia de jet ski e ataca quem toma medidas minimamente responsáveis.

É evidente que não estou dizendo que Bolsonaro foi eleito majoritariamente pelas pessoas que o viram como alguém alinhado ao modo como o cristianismo defende a dignidade da vida humana. Houve quem confirmasse 17 querendo mesmo o caos e a morte – noções que são o centro do programa político de Bolsonaro de forma explícita, declarada, consistente e constante há pelo menos duas décadas. O que quero sublinhar é que, mesmo com todas as evidências à disposição, uma larga parcela de quem se afirma cristão e pró-vida fechou com Bolsonaro sem nem corar as bochechas, mas, pelo contrário, de maneira acrítica, entusiasta e submissa – o que arrepiaria os cabelos de grandes políticos cristãos do século passado, como Giorgio La Pira ou Hildegard Burjan.

Assim como a cultura da vida, a oposição da Igreja Católica ao totalitarismo comunista também serviu como pretexto para justificar e defender o voto em Bolsonaro. João Paulo II é muitas vezes lembrado como uma figura chave para a derrocada do comunismo no Leste Europeu. O que não se recorda com tanta frequência é que ele também alertou para o perigo de transformar a oposição ao comunismo em uma ideologia e considerou o militarismo um irmão gêmeo da luta de classes, quando esta alimenta o ódio e recorre à violência. À luz desses ensinamentos de João Paulo II, que encontram expressão em uma das principais encíclicas de seu pontificado, a Centesimus annus, apoiar o bolsonarismo “contra o comunismo” é dar força aos mesmos elementos que tornam o totalitarismo comunista reprovável – só que envoltos em uma embalagem diferente.

O bolsonarismo, enquanto mantém aquela visão paranoica que enxerga comunismo em qualquer lugar em que se fale de direitos humanos ou de justiça social, idolatra torturadores dignos de figurar entre os administradores de um gulag

Vejamos o que dizia João Paulo II nessa encíclica publicada em maio de 1991, que procurava analisar à luz da tradição cristã o novo cenário internacional desenhado pela queda do Muro de Berlim, ocorrida havia um ano e meio. O texto (n. 19) lista quatro modelos de sociedade que se consolidam após o fim da Segunda Guerra Mundial:

1) O “totalitarismo comunista”, que demonstra o fracasso da guerra. “A guerra, que deveria restituir a liberdade aos indivíduos e restaurar os direitos dos povos, terminou sem ter conseguido esses fins; pelo contrário, acabou de um modo que, para muitos povos, especialmente para aqueles que mais tinham sofrido, abertamente os contradiz”, escreve o papa.

2) Uma “sociedade democrática e inspirada na justiça social”, que procura “em geral preservar os mecanismos do livre mercado”, assegurando “as condições de um crescimento econômico estável e sadio”, mas ao mesmo tempo evita que “os mecanismos de mercado sejam o único termo de referência da vida associada”, submetendo-os “a um controle público que faça valer o princípio do destino comum dos bens da terra”. Esse modelo se caracteriza por “uma certa abundância de ofertas de trabalho, um sólido sistema de segurança social e de acesso profissional, a liberdade de associação e a ação incisiva dos sindicatos, a previdência em caso de desemprego e instrumentos de participação democrática na vida social”. Assim, “priva o comunismo de seu potencial revolucionário”, ao demover as camadas mais pobres da condição de exploradas e oprimidas.

3) Os “sistemas de ‘segurança nacional’”. São esses que, partindo da oposição ao marxismo, têm por objetivo “controlar de modo capilar toda a sociedade, para tornar impossível a infiltração marxista”. Ao tentar “preservar o seu povo do comunismo”, aparelhando o Estado, “correm o grave risco de destruir a liberdade e os valores da pessoa” – que são exatamente os motivos pelos quais, segundo o papa, deve-se rejeitar o totalitarismo comunista.

4) A “sociedade do bem-estar” ou “sociedade do consumo”, que procura mostrar “como uma sociedade de livre mercado pode conseguir uma satisfação mais plena das necessidades materiais humanas que a defendida pelo comunismo, e excluindo igualmente os valores espirituais”. Assim, “negando a existência autônoma e o valor da moral, do direito, da cultura e da religião”, esse modelo não oferece uma saída para o materialismo, que é precisamente o problema da ideologia comunista.

Desses quatro modelos, o único que não recebe críticas de João Paulo II na encíclica é o segundo. O terceiro e o quarto – que são exatamente as duas colunas do governo atual – são apresentados pelo papa em tom de denúncia. Para ele, são duas formas de dar um tiro no pé ao apoiar-se em um discurso anticomunista: condena-se o rótulo de comunista, mas se abre os braços aos elementos que justificam a oposição ao totalitarismo comunista. A liberdade e a dignidade da pessoa humana seguem pisoteadas e o materialismo permanece de pé. Como se vê, não é uma mera teoria: essa visão de João Paulo II se fez carne e habita entre nós.

O bolsonarismo, enquanto mantém aquela visão paranoica que enxerga comunismo em qualquer lugar em que se fale de direitos humanos ou de justiça social – como vai enxergar na presente coluna –, idolatra torturadores dignos de figurar entre os administradores de um gulag. Diante de pessoas perseguidas, torturadas e assassinadas pelo Estado, e de seus familiares, diz que “quem procura osso é cachorro” e que “na humanidade não para de morrer” (sic). E está longe, muito longe, de “submeter os mecanismos de mercado a um controle público que faça valer o princípio do destino comum dos bens da terra”, de tornar viável “um sólido sistema de segurança social” e de valorizar “a liberdade de associação e a ação incisiva dos sindicatos” – afinal, tudo isso é “comunismo”.

O principal é sair da superfície dos rótulos para identificar as razões que tornam esta ou aquela ideologia nociva, repudiando-as sob qualquer roupagem com que se apresentem

Vamos a outro ponto da Centesimus annus. João Paulo II se preocupa em esclarecer a posição da Igreja Católica a respeito da luta de classes (n. 14), que remonta à encíclica Rerum novarum, de Leão XIII – o texto de João Paulo II comemora o seu centenário. Esse ensinamento, diz ele, “não pretende condenar toda e qualquer forma de conflitualidade social”. Pelo contrário, o conflito tem um papel positivo “quando se configura como luta pela justiça social”. “A Igreja sabe bem que, ao longo da história, os conflitos de interesses entre diversos grupos sociais surgem inevitavelmente e que, perante eles, o cristão deve muitas vezes tomar posição decidida e coerentemente”, escreve João Paulo II.

O que deve ser criticado, segundo o papa, é uma concepção de luta de classes “que se recusa a respeitar a dignidade da pessoa no outro” e que, em vez de se preocupar com o bem comum, preocupa-se apenas com “o interesse de uma parte” e “quer destruir o que quer que se oponha a ela”. Por outro lado, quando a luta de classes – e aqui João Paulo II cita Pio XI – “se abstém dos atos de violência e do ódio mútuo, transforma-se pouco a pouco numa honesta discussão, fundada na busca da justiça”. Recusar-se a reconhecer a dignidade do outro, desprezar o bem comum, desejar destruir os opositores, incentivar a violência e promover o ódio. Bingo!: são elementos sem os quais o bolsonarismo não é o que é.

João Paulo II considera a luta de classes em sentido negativo como uma “representação – no terreno do confronto interno entre os grupos sociais – da doutrina da ‘guerra total’”, típica do militarismo e do imperialismo da época de Leão XIII no cenário das relações internacionais. “Tal doutrina substituía a procura do justo equilíbrio entre os interesses das diversas nações pela prevalência absoluta da posição da própria parte, mediante a destruição da resistência da parte contrária – destruição realizada com todos os meios, sem excluir o uso da mentira, o terror contra os civis e as armas de extermínio”, escreve o papa.

Por isso, segundo João Paulo II, “luta de classes em sentido marxista e militarismo têm a mesma raiz: o ateísmo e o desprezo da pessoa humana, que fazem prevalecer o princípio da força sobre o da razão e do direito”. É verdade que o militarismo de que se fala nesse trecho não equivale ao militarismo bolsonarista, já que se trata de uma ideologia que se concretizou em outro período histórico, no âmbito das relações internacionais. Porém, o principal aqui, como na questão anterior, é sair da superfície dos rótulos para identificar as razões que tornam esta ou aquela ideologia nociva, repudiando-as sob qualquer roupagem com que se apresentem.

“Fazer prevalecer o princípio da força sobre o da razão e do direito” é uma descrição muito precisa daquilo que Bolsonaro sempre afirmou desejar, quando disse ser necessário terminar “um trabalho que o regime militar não fez”, “matando 30 mil” numa “guerra civil”; quando defendeu que “as minorias têm que se curvar às maiorias”, do contrário que “se adequem ou simplesmente desapareçam”; quando prometeu “uma limpeza nunca vista na história do Brasil”, mandando a “petralhada” para a “ponta da praia” – como a ditadura militar chamava um local de desova de cadáveres no Rio de Janeiro; e quando, há menos de um mês, participou de uma manifestação que pedia um novo AI-5, dizendo não querer negociar nada e gritando que “todos no Brasil têm que entender que estão submissos à vontade do povo brasileiro” – vontade que ele, obviamente, identifica consigo mesmo, apenas pelo fato de ter sido eleito.

É significativo, ainda, que João Paulo II veja na origem da vontade de “fazer prevalecer o princípio da força sobre o da razão e do direito”, simultaneamente, “o ateísmo e o desprezo da pessoa humana”. Sim, porque para a concepção cristã o amor a Deus e o amor ao próximo são indissociáveis e o desprezo do próximo equivale, assim, a um ateísmo prático. Pode-se gritar “Deus acima de todos” o quanto se queira: se não há o reconhecimento da dignidade do outro, esse Deus não é o Pai de Jesus de Nazaré.

Os mesmos que defenderam com ameaças de excomunhão o voto em Bolsonaro “a favor da vida” e “contra o comunismo” – como se houvesse, aliás, alguma possibilidade mesmo que remota de uma ditadura comunista no Brasil atual – frequentemente exaltam a figura de João Paulo II como um contraponto à do Papa Francisco, considerado esquerdista demais para o gosto deles. Diante, porém, da Centesimus annus – e de muitas outras “suspeitas”, como a sua defesa da reforma agrária, da proteção ao meio ambiente, do desarmamento e do fim da pena de morte, por exemplo –, não há espaço para dúvidas: se vivesse hoje, João Paulo II certamente figuraria nas listas de comunistas denunciados pelos bolsonaristas.

52 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 52 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • F

    Francisco J. - 2019

    ± 3 dias

    FeLipe KoLLer pouco sabe e quase nada entende de João Paulo II. E sabe bem menos, ainda, de Jair Bolsonaro. Mas, como papel suporta tudo, eis que nos vem esse tremendo texto, essa Inutilidade que me faz ter certeza: vou parar de gastar dinheiro com essa Gazeta, pois deixa de ser Do Povo dia após dia, para se parecer com a velha Foice de Sampa.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    André Sena Pereira

    ± 3 dias

    Artigo infeliz. O Papa João Paulo II foi forjado na dureza e crueza do comunismo mais carnívoro. O atual papa foi embalado nas Veias Abertas, um livro que é um diagnóstico errado com proposta de tratamento venenoso. Bolsonaro luta diuturnamente contra imprensa, congresso, supremo e jornalistas que não sabem nada sobre a história, sem nomear comunistas, deixando isto para os ignorantes.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    peace!

    ± 3 dias

    Muito bom e oportuno.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    LEONARDO BARBASKI

    ± 3 dias

    A diferença é que o comunismo que o Papa João Paulo II lutou era real e não fruto da imaginação transtornada de meia dúzia que nem sabem o que é comunismo. Na falta de um inimigo pra quem xingar tiraram da cova o comunismo. Já falei outras vezes q é a volta do Macartismo... Hoje em dia não existe debate de alto nível com um monte de gente que nem consegue ler um texto longo e concatenar uma linha de raciocínio, sem descer pra baixaria. Esse texto aí é ruim, o outro lado também é. Dois lados da mesma m***

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • I

    IGOR

    ± 3 dias

    Gazeta, há de haver o mínimo de respeito à fé alheia. Esse sujeito insiste em usar santos e textos católicos para politicagem rasteira, ataques abobalhados sobre pequena política. Fiquem à vontade pra essas asneiras todas, peçam impeachment, elenão, fachismo, bozo... como o abobalhado vem fazendo reiteradamente. Mas coloquem no espaço correto: política/bobagem.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • O

    OT

    ± 4 dias

    Viagem astral!!!!! cannabis travel....

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Paulista

    ± 4 dias

    Tá difícil hein Gazeta! Não conseguem contratar jornalistas melhores?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    MARCIO ROGERIO DAVID

    ± 4 dias

    Excelente artigo. Fato. Podemos não estar nem perto da possibilidade de uma ditadura Comunista no Brasil. Mas, houve um aparelhamento no sistema educacional. Doutrinando, em vez de ensinar. Apresentando aos alunos da educação básica, apenas uma visão de mundo. Universidades públicas nem é preciso comentar. Imprensa e midias voltadas a pautas de bandeiras ideológicas alinhadas à esquerda. Tão nociva quanto uma Ditadura qualquer, é a ilusão de uma democracia.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    Leonardo David

    ± 4 dias

    O texto seria bom se não tivesse começado generalizando eleitores de Bolsonaro em dois grupos de forma extremamente superficial e estereotipada e se não tivesse encerrado com a referência ridícula de que João Paulo II defendia o desarmamento. Eu li seu texto "O que os papas dizem sobre desarmamento, não-violência e legítima defesa" e nele você trás relevantes informações mas péssimas conclusões, já que os papas tratavam de desarmamento em contexto geopolítico, nada tendo a ver com o desarmamento da população civil. Tirando isso, teria sido um excelente texto!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • W

    Willian Cardoso de Souza Jesus

    ± 4 dias

    Concluindo meu raciocínio...devemos lutar apenas por JUSTIÇA! Pois a justiça é CEGA e é aplicada indistintamente, independentemente de raça, fatores sociais, econômicos ou quaisquer outros. Portanto, nada pode ser mais justo do que sua aplicação sem levar em consideração outros fatores que irão relativizar a justiça e a torná-la COMPLETAMENTE INJUSTA.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • W

    Willian Cardoso de Souza Jesus

    ± 4 dias

    Justiça social NÃO É JUSTIÇA! A palavra "justiça" não necessita de QUALQUER ADJETIVO para ser aplicada, pois quando o fazem simplesmente a justiça é desfeita em prol de privilégios. Vejam o seguinte exemplo: a justiça determina que QUALQUER PESSOA QUE COMETA UM CRIME PAGUE POR ELE, PROPORCIONALMENTE DE ACORDO COM O CRIME COMETIDO. Já a justiça social RELATIVIZA o crime questionando se aquele que o cometeu tem origem humilde, provém de uma família desestruturada, não teve oportunidades na vida, é negro, gay, etc. Como se todas essas condições fossem pré-disposição a cometer crimes. NÃO É!!! Tanto que a grande maioria das pessoas desses grupos e condições sociais NÃO COMETE CRIMES. #continua

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • W

      Willian Cardoso de Souza Jesus

      ± 3 dias

      J.A.O: Justamente. Infelizmente, essa visão coletivista e relativista que a visão progressista tem criado vem DESTRUINDO com os direitos e garantias individuais, pouco a pouco. E o pior, muitas vezes com o consentimento das pessoas. Estamos vendo isso acontecer, neste exato momento, na frente dos nossos olhos...

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • J

      J.A.O

      ± 4 dias

      Mto pertinente seu comentário. A menor minoria da terra é o individuo, e os que negam os direitos individuais não podem se dizer defensores dos direitos das minorias.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    Denilson Gomes Privado

    ± 4 dias

    Putaqueopariu, fumou folha de bananeira?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    Juan Pablo da Cruz

    ± 4 dias

    Esse cara recebeu pra escreverv esta porcaria? Fico com os 'comentários', muito mais articulados.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • V

    Valério Marcelino Braga

    ± 4 dias

    Desenterrou um Papa, para falar do Bolsonarismo? Vai trabalhar, mau amigo. Deve ter ficado um dia inteiro, fazendo pesquisa, sobre um Papa, que foi respeitado, para dar uma roupagem, ao que , realmente, queria dizer. Que volte o estado centralizador, ou volte minha esquerda querida. Achando que ainda estamos na bolha? Não meu filho, já saímos, faz tempo

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    Juan Pablo da Cruz

    ± 4 dias

    Cara, que difícil prosseguir na leitura, esse jornalista não se deu ao trabalho de investigar a luta inglória do então deputado em prol da vida de vítimas de bandidos, como no caso do estuprador Champinha. Não sei o que esse Felipe está cheirando, fumando ou bebendo, mas coisa boa não era. Tem como caçar i registro de jornalista deste incompetente!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    Juan Pablo da Cruz

    ± 4 dias

    Cara, que difícil prosseguir na leitura, esse jornalista não se deu ao trabalho de investigar a luta inglória do então deputado em prol da vida de vítimas de bandidos, como no caso do estuprador Champinha.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    AJAS

    ± 4 dias

    Não consegui ler! Cruzes! Viajou!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • G

    Giovani Domiciano Formenton

    ± 4 dias

    Certamente os elementos estão aí e são bem evidentes. Também gostei da coluna do Razzo essa semana, que aponta a mesma coisa. || No Brasil infelizmente temos nenhuma opção que se alinhe, ao mínimo possível, com o maduro pensamento social de João Paulo II. É um beco sem saída. Quanto à possibilidade de uma ditadura comunista, ela é tão verossímil quanto a de um golpe militar. Talvez não aos moldes habituais para ditaduras comunistas. Mas colocar no Supremo seus servos e sequazes e pagar fortunas para o Congresso fazer o que você quer. Que democracia também é essa? uma ilusão. A política nacional é cercada delas. Sou dos desesperançados.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    J.A.O

    ± 4 dias

    Entendi errado ou o jornalista defende a intervenção do estado sobre a propriedade? defende ações incisivas de associações e sindicatos com finalidade de combater o comunismo? Que salada e essa? Colocar raposa p vigiar o galinheiro? Ora sr. jornalista! Só goza de liberdade plena a nação cujo estado existe para proteção aos direitos de propriedades de seus cidadãos, garantindo a liberdade para que todos possam criar riquezas, nunca para o contrário. A instituição de um estado se deu para assegurar autonomia dos indivíduos que o compõe, protegendo suas vidas quando dele necessitam. Assim, o governo não é o soberano, mas o servo dos seus cidadãos.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Marcos eisenschlag

    ± 4 dias

    Felipe Koeller, previamente avisado MAIS UMA VEZ se utiliza da religiao para expor sua tendencia politica. MAIS UMA VEZ SERA' EXCOMUNGADO pelo rito: "Venham sobre Felipe Koller todas as maldições e pragas do Egito, que vieram sobre o Rei Faraó e sua gente, porque não obedeceu à lei de Deus. Seja maldito nos povoados e no campo, onde quer que esteja, e no comer e beber, e no velar, dormir, viver e morrer. Os frutos de suas terras sejam malditos e os animais que possue. Envie-lhe, Deus, fome e pestilência que o consuma. De seus inimigos seja repreendidos e a todos aborreça".

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • M

      Marcos eisenschlag

      ± 3 dias

      peace!: Louco e' quem permite que se prostitua a sua fe' em prol de politicagem panfletaria. Irei EXCOMUNGAR esse Felipe toda vez que falte ao respeito com minha fe'. Ainda mais um COVARDE que nao tem a hombridade de assumir suas posicoes partidarias em publico sem se esconder atras da Biblia sagrada.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • P

      peace!

      ± 3 dias

      kkkkkkkkkkkkkk tu é louco de pedra!!!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    Ralph Rangel

    ± 4 dias

    O anticomunismo era tão forte que ajudou a derrubar a URSS. Tem que estudar mais.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Aaron Maltz

    ± 4 dias

    A única teologia que esse palhaço conhece é a Teologia da Libertação que foi criada na União Soviética nos tempos do Nikita Kruchev. Essa teologia foi criada pelos comunistas para infiltrar o Comunismo na Igreja Católica. Eles encontraram no Clero Católico um vasto, fértil e propício campo para disseminar o comunismo dentro da Igreja de Jesus Cristo. O Papa Francisco é o chefe dessa Organização criminosa.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    CLEUSA

    ± 4 dias

    Bolsonaro não age? Não ora? Nos poupe! Só ter se mantido longe da roubalheira, já foi um milagre! Não vemos ninguém dizer que está faltando dinheiro pra enfrentar a pandemia! Se fosse outros tempos???

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Aaron Maltz

    ± 4 dias

    Se eu tiver que ler mais uma vez, algum texto desse comunista degenerado, vou cancelar a minha assinatura da Gazeta. Ler essas coisas dá vontade de vomitar.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • L

      Leonardo David

      ± 4 dias

      Bom, se você leu deve ter concordado com ele, já que ele disse que era exatamente isso que aconteceria, chamariam ele de comunista. Mas eu tenho certeza que você parou no segundo parágrafo quando ele, de fato, errou a mão.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • G

      Giovani Domiciano Formenton

      ± 4 dias

      você não tem que ler não... é só não clicar filhão

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    Luis_GonzagaBR

    ± 4 dias

    Mais um arauto da Teologia da Libertação, por suposto discípulo de "Frei" Betto e Leonardo Boff, que faz uma ginástica digna do duplo twist carpado para moldar as sábias palavras de S. João Paulo II aos ditames do pensamento marxista daquela doença que infectou o catolicismo e depois todo o cristianismo. Nada de novo sob o sol, infelizmente. Para a defesa da "causa" continuam sendo a causa da desistência de muitos cristãos e mais ainda católicos em prosseguir na sua batalha diária por sua fé! São palavras de um cego guia de cegos... Lamentável!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Marcelo Neto

    ± 4 dias

    Que diferença há atualmente entre os defensores de Bolsonaro que ficam destilando todo o seu ódio nos comentários, nas ruas e nas pessoas? Nenhuma diferença! Bolsonaro foi consumido pelo EGO. Ficou louco, não ouve ninguém, tipico de um aloprado dirador que acha que tem sempre razão. Diferente do PT que enganou a tudo e a todos? Não, a mesma coisa, a mesma raiz, confirmando mais uma vez que só descobrimos quem é uma pessoa ao dar poder a ela. Infeliz do Brasil e dos Brasileiros. Mais uma decada perdida...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Pedro tenvia

    ± 4 dias

    Li só os primeiros parágrafos, mas já me permitiu diagnósticar o seu autor como um degenerado cruza de Lula e Dilma.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • L

      Leonardo David

      ± 4 dias

      Sim, de fato os dois primeiros parágrafos são uma b.os.ta,! Mas deveria ter continuado. Se você não for gado vai encontrar verdades inquestionáveis naquilo que João Paulo II escreveu e constatar a forte relação com o que estamos vivendo.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Pedro Zanoni

    ± 4 dias

    EU sou católico mas não concordo com igreja politica. Quando tocam no assunto nas missas ..eu abandono e enquanto esses padres , bispos e o próprio papa não tiver isenção politica...to fora !!!! Eles deveriam se preocupar com a perda de fieis...uma grande massa está virando evangélicos e a igreja é cega ou não quer ver

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • W

    Wander Leite

    ± 4 dias

    O povo do Bozo (autodeclarado cristão) vão reescrever a bíblia e os ensinamentos de Jesus: ao invés de amar o próximo, amem o seu bolso; ao invés da vida, pregue a economia; trabalho não precisa de dignidade ou direitos, apenas trabalhe; ao invés de buscar a unidade, pregue a fracionamento e o ódio; ao invés de não fazer o que não quer o receber, faz 70x7; solidariedade é ser comunista; ... e todos que não são Bozo são comunistas.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • J

      J.A.O

      ± 4 dias

      Wander: Amar ao próximo e não rouba-lo, não desejar que esse morra de fome para satisfazer o meu ego, amar ao próximo e trabalhar para não ser pesado a ele(Tessalonicenses-2.9). Quem trabalha não tira a dignidade do outro, quem trabalha cultiva a unidade, não destila ódio, quem trabalha pode praticar a solidariedade porque esse produz sua condição para tal. Deferente das atuais orientações que estamos enojados de ouvir ultimamente - FIQUE EM CASA. ou seja, não trabalhe e perca sua dignidade e consequentemente, sua RAZÃO de ser.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    sebastião orlando machado

    ± 4 dias

    Mais um ****** que se acha intelectual, mais um " cristão" adepto a teoria da libertação, mais um defensor das minorias e diverssidades!!! Preocupado com os direitos humanos, mais um militante esquerdista. masi um que tem espaço em midia .Com todo o respeito. Vai a *****!!!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    Clarisier Azevedo Cavalcante de Morais

    ± 4 dias

    Quem conhece um pouco de estória sabe, por exemplo, que São João Paulo II era amigo pessoal de Hayek, nos últimos dias desse grande economista. Há informações que até esses diálogos inspiraram uma Encíclica Papal. O artigo é repleto de sofismas, conclusões inadequadas e que em nada transpareciam quem era e como pensava São João Paulo II

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • J

      J.A.O

      ± 4 dias

      Muito bem observado.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    Norival Lopes

    ± 4 dias

    Quanta imparcialidade! Meus parabéns!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • R

      Rodrigo

      ± 3 dias

      e quem te disse q opinião tem q ser imparcial? a sua opinião por exemplo é imparcial?

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    Dissenha

    ± 4 dias

    Acredito que o Sr. ao fazer explanações sobre o Santo João Paulo II Não deveria em HIPÓTESE ALGUMA mencionar nomes de políticos. Como fazem, a meu ver, o Arcebispo de Aparecida Dom Brandes e também Dom Hummes, amigão do presidiário lula( Sr. Felipe, cabe aqui pensar em quantas pessoas deixaram de ser atendidas pelo serviço público pelo que foi roubado pelo próprio. - vide julgamentos) . Entendo que o Senhor como Escritor deveria somente exortar a uma reflexão. De jovem, nos bancos da Igreja, atual catedral da Diocese de São José para em em público arranhar seu Ethos, aparentemente, para uma manifestação política e Catolicismo. Lamentável.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    Luiz Anselmo Piazza

    ± 4 dias

    COMO TODO O COMUNISTA SE ACHA DONO DA VERDADE

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    Dissenha

    ± 4 dias

    Acredito que o Sr. ao fazer explanações sobre o Santo João Paulo II Não deveria em HIPÓTESE ALGUMA mencionar nomes de políticos. Como, a meu ver o Arcebispo de Aparecida Dom Brandes, Dom Hummes, amigão do presidiário Lula( Ex. quantas pessoas deixaram de ser atendidas pelo serviço público pelo que foi roubado -vide julgamentos- pelo

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    Sergio Vianna

    ± 4 dias

    Você Pirou! Jesus era o único que curava. Ele só quis dizer para amar o próximo como a ti mesmo. Se a pessoa não se Ama primeiro não amará ao próximo. Agora Jesus não tinha como ajudar a todos. Selecionou 12 Apóstolos que não curavam. Só podia repetir a lição. Jesus morreu na Cruz. Você quer que Bolsonaro morra?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    De outro Planeta

    ± 4 dias

    O texto todo poderia ser traduzido em uma frase: “odeio Bolsonaro, odeie você também “. Texto carregado do mesmo ódio e extremismo que tenta criticar. Não contribui.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    Nilceia Maria Rozanski Burda

    ± 4 dias

    Alô Gazeta do Povo, onde esse jornal pensa que vai chegar com esse time de comunistas transvestidos de jornalistas? Logo logo nem para embrulhar peixe vai servir.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    Ernesto L. de Oliveira

    ± 4 dias

    Essa turminha não tem jeito. Agora, desenterrar um Para para argumentar contra o coitado do Bolsonaro, é uma inspiração doentia. Seguramente, nos bons tempos do João Paulo II, esse colunista seria excomungado.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    Dr. Martinelli

    ± 4 dias

    Péssimo artigo, recheado de sofismas. A começar pelo conceito embutido de que o comunismo é uma luta de classes. Aqui no Brasil se constata o contrário . O anti esquerdismo é preferência nacional, principalmente dos mais humildes cansados que estão de tanta corrupção, de tanta incompetência, de tanta demagogia hipócrita. Estamos vivendo um momento de sombras no planeta onde vemos regimes totalitários hoje liderados e suportados pela China e financiados por G.soros em atuação descarada para submissão e exploração dos povos livres.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Adonis

    ± 4 dias

    Há muito tempo que a Igreja de Roma deixou se tomar pela teologia da libertação e outras formas de marxismo cultural. O que mais tem são comunistas de batina. O discurso do articulista não esconde sua predileção pela turma vermelhinha, a mesma que sonha em implantar no Brasil uma ditadura igual à da China, Coreia do Norte ou Venezuela, gente que venera a imagem de Stalin e Lenin. A conversa é sempre a mesma. Usam da suposta valorização da vida humana e pautas fofinhas para vender um modelo falido e cruel, que só enxerga algum valor no indivíduo enquanto ele puder servir à ditadura do proletariado. Mais do mesmo. Esquerdismo disfarçado de isenção e razão.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

Fim dos comentários.