Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

Curiosidade

Multa de trânsito dedura conversa com garotas de programa; veja as mais bizarras

Em Santo André, motorista estaciona em local proibido e o motivo da infração é detalhada pelo agente de trânsito. Confira outras multas bastante estranhas

  • Da Redação
 |
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

Multas de trânsito costumam acabar com o humor de qualquer pessoa. Agora imagina receber uma que ‘dedura’ o que se estava fazendo na hora que cometeu a infração!

Em Santo André (SP), um motorista foi notificado por ter parado na área de passeio (parte da calçada ou da pista de rolamento, neste caso delimitada por pintura, destinada a pedestres) e, para sua surpresa, no campo de observação do documento constava a informação de que eles estava conversando com garotas de programas. 

O auto de infração inusitado logo ganhou as redes sociais. Muitos duvidaram da veracidade do documento, já que a divulgação de fake news é corriqueira no ambiente virtual. 

LEIA MAIS: Você está por dentro das mudanças nas multas de trânsito? Faça o teste

A imagem da multa que viralizou whatsapp vem acompanhada do seguinte texto: "Uma... Apenas uma... Simples multa de trânsito pode acabar com seu casamento... O problema não são os pontos na CNH nem o valor da multa... E sim as observações do amarelinho!" 

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/13/Automoveis/Imagens/Cortadas/Multa colagem 1-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

A prefeitura de Santo André confirmou a emissão da multa no valor de R$ 195,23. E esclareceu em nota dizendo que os agentes são orientados a usar o campo de observações para detalhar as ocorrências, inserindo informações que possam embasar a autuação e auxiliar na análise de possível recurso da multa. 

O governo municipal também considerou o registro abusivo e abrirá um processo administrativo para avaliar a conduta do agente e tomar as medidas cabíveis.

LEIA MAIS: Saiba quanto custam as dez multas de trânsito mais comuns nos feriados

VEJA ALGUMAS MULTAS BIZARRAS

Mas não é só motorista de Santo André que teve o flagra minuciosamente detalhado pelo agente. Há outros casos bastante inusitados na aplicação da multa, e não só no Brasil. Confira 7 casos bizarros:

Condutor chupando bala

Um motorista do interior de São Paulo foi atuado por chupar uma bala de menta no carro. No auto, a justificava do fiscal foi que o condutor teria tirado as mãos do volante para pegar a pastilha.

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/13/Automoveis/Imagens/Cortadas/Bala de menta-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Veículo estacionado há 1.800 anos

Na Espanha, uma mulher foi surpreendida o valor da infração por estacionar em local proibido: cerca de R$ 122 mil (convertido à época para o real).

O cálculo para lançar essa quantia exagerada foi simples: no tíquete constava que o veículo estava parado irregularmente desde o ano 208. A autoridade que aplicou a multa, na verdade, escreveu a data errado, eliminando um zero. O correto seria 2008.

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/13/Automoveis/Imagens/Cortadas/Agente multa-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Pedestre atropela viatura

No Reino Unido, um pedestre foi notificado a pagar cerca de R$ 400 por ter, pasmem!, atropelado uma viatura policial. Ele, inclusive, foi acusado de ter ido propositalmente para cima do veículo.

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/13/Automoveis/Imagens/Cortadas/Pedestre multa-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Roer as unhas é passível de multa

A Espanha parece que gosta de infração bizarra. Em Salamanca, um indivíduo desembolsou R$ 300 por dirigir roendo as unhas ao mesmo tempo.

Novamente, a justificativa do fiscal é que o condutor limitou o controle da direção ao levar as mãos à boca.

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/13/Automoveis/Imagens/Cortadas/Roer as unhas-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

‘Ônibus’ parado em local proibido

Estacionar em área proibida está sujeito à multa, ainda mais se é um ônibus, que ocupa um grande espaço.

O auto de infração constava a informação acima, com um detalhe, o veículo em questão era miniatura de ônibus. O fato aconteceu em Brighton, no Reino Unido, e o dono foi atuado a pagar R$ 250 por estacionado seu brinquedo onde não devia.

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/13/Automoveis/Imagens/Cortadas/Onibus proibido-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Excesso de velocidade... da luz!

Voltando ao Brasil, o excesso de velocidade é uma das infrações mais cometidas e flagradas no trânsito. Mas, tem motorista que exagera, ou seria o fiscal.

Em Santa Catarina, a alta velocidade que foi parar no prontuário impressiona: incríveis 4.800 km/h! E o mais ‘agravante’, ocorrida em frente a um hospital.

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/13/Automoveis/Imagens/Cortadas/Velocidade luz-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Multando eu mesmo

Em Londres, a fiscalização de trânsito é tão séria que ninguém escapa dos olhos do guardas. Até mesmo a própria viatura.

Ao ver estacionada em lugar proibido, não teve dúvida: tome multa. O problema é que depois ele recusou-se a pagar a infração que recebeu. Por fim, ela acabou cancelada.

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/05/13/Automoveis/Imagens/Cortadas/Viatura policial-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg




o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Automóveis

PUBLICIDADE