Assinaturas Classificados
Seções
Anteriores
Publicidade

Interrompemos a nossa programação

Quem faz o blog
Seções
Conheça
Posts
Enviado por rwapolloni, 01/10/14 9:04:23 AM

A regra de que todos os candidatos celebram a vitória nos debates em seus sites não se cumpriu até o momento. Nesta manhã de quarta-feira, apenas o site de Beto Richa teceu loas à performance de seu contendor. No caso de Gleisi e de Requião, silêncio total. Não, certamente, porque reprovaram a própria conduta – o caso deve ser de cansaço por conta da jornada de ontem, mesmo. Ao longo da manhã a coisa deve mudar.

BR

Rock Malboa

É o nome de um candidato do Distrito Federal que assumiu, tortamente, um apelido baseado no nome do lutador interpretado por Silvester Stallone. Confira:

rock-malboa_fbs

Enviado por rwapolloni, 01/10/14 1:26:56 AM

debate_011014

Eu tenho um sonho. De ver um debate realmente propositivo. Esse sonho não foi realizado na noite dessa terça-feira. Lógico. Os candidatos simplesmente detonaram uns aos outros, sem deixar uma única fração de tempo às ideias e às propostas. Verdadeira tristeza – muito mais porque já esperada. Algumas percepções:

. Como era de se esperar diante das pesquisas, Requião e Gleisi trabalharam de forma coordenada nos ataques a Beto Richa.

. Beto Richa pareceu cansado. Demorava, inclusive, a escolher os candidatos a quem faria suas perguntas.

. Dos pequenos candidatos, o mais agudo foi Bernardo Pilotto, que assumiu a escola de Luciana Genro de cair de pau nos adversários e de se mostrar magoado com a ausência de perguntas a ele dirigidas pelos outros candidatos. Quanto aos outros, funcionaram como escada aos majoritários.

. Requião tentou, mas não conseguiu repetir as performances devastadoras de outras campanhas. Não tivemos nenhum punhal sacado da bota, enfim.

. Temas das discussões: pedágio, aposentadoria de governador, relações Estado-União, sogra fantasma, saúde financeira do Estado.

. O estranho: por conta da iluminação, os cabelos loiros de Gleisi e os grisalhos dos demais candidatos ganharam um tom “verde palmindaya”.

. Nota bacana: os comentários em tempo real feitos por jornalistas e blogueiros desta Gazeta foram muito interessantes. Confira aqui.

. Enfim: só nos resta aguardar o debate presidencial – que, supremo truísmo, não deve ser lá muito diferente.

Enviado por rwapolloni, 30/09/14 9:25:23 AM

Gaiatos vândalos e artísticos estão atacando os cavaletes de candidatos no Centro de Curitiba. Na imagem, feita em plena chuva da manhã de ontem, um cavalete dos candidatos Paulo Rink e Dirceu Cheliga, devidamente derrubado e decorado com motivos mutantes e metaleiros.

placa02 placa01

Caça-fantasmas

O Paraná tem pelo menos um candidato comprometido com a caça aos fantasmas que rondam as instituições. Literalmente. É o curitibano Amaral Ghostbusters, também conhecido como Gerson do Amaral. Ele tem, de fato, uma pinta do Dan Aykroyd. De leve.

amaral-ghostbusters_fbs

Rei morto etc.

A história segue seu curso e confirma o velho ditado que diz “Rei morto, rei posto”. A essa altura do campeonato, quem se lembra de Eduardo Campos?

Enviado por rwapolloni, 29/09/14 9:17:33 AM

A chuva dos últimos dias, somada à raiva do povo, aos desvios de uso (foto) e à ventania da manhã desta segunda-feira, está transformando muitos cavaletes de campanha em monturos de detritos em Curitiba. Em áreas como a da Avenida das Torres, alguns cavaletes voaram e, como já não estavam posicionados nos locais mais indicados, colocaram a circulação em risco. E o fato de muitos candidatos “esquecerem” as peças na rua no período das dez da noite às seis da manhã só piora as coisas – é quase um caso de antipropaganda política.

gleisi

Vulgaridade Máxima - “Dois iguais não fazem filhos e digo mais: aparelho excretor não se reproduz.” Com essa máxima de uma sutileza elefantina, Levy Fidelix deu início ao seu comentário sobre a questão homossexual no debate da Record. Com esse tipo de argumento, um debate importante da sociedade brasileira vai para o lixo. Jogou para certa torcida e deu um carrinho na civilidade – triste, enfim.

Enviado por rwapolloni, 26/09/14 12:55:05 AM

Por essa, nem Stan Lee poderia esperar: as eleições brasileiras de 2014 foram tomadas de assalto por “candidatos super-heróis”. Premidos por apelidos esdrúxulos ou por uma autoimagem absolutamente favorável, eles assumiram publicamente suas identidades secretas e se enfiaram na luta pelos votos.

clark

Um dos mais célebres, sem sombra de dúvida, é o curitibano “Clark Crente” – nome civil: Ewerson Alves da Silva –, candidato a deputado estadual pelo PSC. Seus compromissos heroicos são com a família cristã. Seu inimigo, conforme enunciado em seus banners de campanha, é a “serpente” – o próprio Cramulhão. É atleticano e está no Twitter.

 

 

 

 

 

mulher maravilha

De Brasília vem Gizeli Figueiredo, a Mulher Maravilha, candidata a deputada distrital que se apresenta no Twitter com um corpão digno da filha de Hipólita, a rainha das amazonas. Entre suas propostas estão o fortalecimento da educação em direitos humanos. Amém.

 

 

 

 

 

 

Jari, no Amapá, tem o seu próprio Transformer – na verdade, seu próprio “Transformers”, nas palavras do titular da alcunha. Trata-se de Edilson Vieira Rocha, o Rocha do Sucatão, candidato a deputado estadual pelo PT cujo bordão é “Arroche e não Afrouxe”. O banner de campanha é uma coisa incrível. Em uma foto capturada de sua conta do Facebook, o candidato aparece confraternizando (coisa que poderia gerar suspeitas) com um cidadão vestido de fantasma.

rochadosucataorocha

No Espírito Santo, Arquires de Souza Ferreira (o nome civil já é meio olímpico) assumiu a identidade de “Batman Capixaba”, e é candidato a deputado estadual pelo PRP. Em entrevista ao canal do próprio partido, ele se coloca ao lado dos pobres e dos estudantes: “sem eles, não haveria o Batman Capixaba”, decreta.

 

jhowO alagoano Josenildo Tenório da Silva, candidato a deputado estadual pelo PRB, possui duas identidades eleitorais explícitas – a primeira é Jhôw Maclaren, a segunda, “Jhôw o Super Homem”. Nas ruas, ele foi flagrado tentando levantar um ônibus.

 

 

 

professor moisesFechando a conta, temos o professor Moisés Barbosa dos Santos, conhecido eleitoralmente como “Prof. Moisés, o Homem-Aranha”, candidato a deputado federal pela Bahia. Investigando, descobrimos que sua área de atuação é a região de Cruz das Almas, onde faz palestras educativas caracterizado como super-herói.

raio privatizador

 

Por fim, fora da área dos heróis clássicos – para alguns, aliás, ele pode ser um vilão -, temos Paulo Batista, mais conhecido como o “Raio Privatizador”, que, de tão célebre, acabou saindo até no New York Times. O “Raio” é, de longe, o personagem eleitoral mais polêmico da lista, fazendo a alegria da direita e atraindo a ira da esquerda.

De leve: para o alto… e avante!

Enviado por rwapolloni, 25/09/14 11:40:47 AM

O jornal Folha de S. Paulo publicou hoje uma matéria sobre o uso, por candidatos do Paraná e da Bahia, de imagens compradas de bancos de fotos internacionais. Fotos de eleitores felizes, com todos os dentes na boca, saudando boas gestões e sugerindo votos.

No caso paranaense, o tema foi levantado e exposto há algumas semanas pelo nobre Rogério Galindo, jornalista desta Gazeta, que se antecipou e deu um pau em uma prática que denuncia a proximidade entre os políticos e mercado publicitário – no final, por esta lógica, é tudo produto. Confira uma das postagens do Galindo clicando aqui.

modelos

 

Enviado por rwapolloni, 24/09/14 8:33:13 PM

Acabamos de conhecer uma ferramenta de fiscalização e denúncia de candidatos porcalhões, a plataforma lixopolitico.com. A ideia é que as pessoas registrem fotograficamente, georreferenciem e publiquem peças de propaganda eleitoral que não cumprem com o combinado. Até o momento, o Estado de São Paulo é o campeão absoluto de registros, com 2.398. O Paraná aparece com três denúncias, relacionadas a cavaletes plantados na Avenida Getúlio Vargas, em Curitiba. Entramos em contato com os cabras que construíram do portal para saber mais – inclusive, sobre a verificação da veracidade dos dados encaminhados para publicação. Enquanto a resposta não vem, você pode conhecer e, se quiser, postar suas fotos. Vai faltar memória para registrar tantos “deslizes”.

porcos

Enquanto isso, no Twitter

. Alvaro Dias detonou a participação da presidente Dilma Roussef na Assembleia da ONU. Segundo ele, “ao condenar a ofensiva militar de 40 países contra o grupo radical Estado Islâmico, presidente brasileira se colocou ao lado dos terroristas”.

. Ontem, o candidato também postou uma foto de flores para celebrar a Primavera.

. Gleisi Hoffmann fez o mesmo.

. Já Roberto Requião protestou contra a depredação de seus cavaletes colocados na Avenida Visconde de Guarapuava: “Devo estar incomodando alguém. Agora, na Visconde de Guarapuava em Curitiba um vândalo cortava de estilete apenas as minhas placas”. Pode até ser, mas, na média, os estiletes estão fazendo estragos em todas as candidaturas.

. O candidato do PMDB aproveitou para detonar o seu provedor de internet: “Compro GVT pelo máximo que oferecem, mas estou vendo que terei dificuldade na TV 15 com a porcaria do sinal”.

Enviado por rwapolloni, 23/09/14 4:58:21 PM

 

É difícil competir com a criatividade de nomes como “Clark Crente” e “Cara de Hambúrguer”. Há, porém, um pleiteante que merece estar no panteão dos nomes esdrúxulos: é Marivaldo Raimundo Duarte de Andrade, mais conhecido como Pão Torrado, candidato a deputado estadual pelo Partido da República no Amazonas. Na propaganda eleitoral, Marivaldo (que é padeiro) poderia perfeitamente distribuir torradas para o povo – um santinho ecológico, nutritivo e com alto grau de internalização pelo eleitorado. E tem até uma possibilidade de bordão: “Vote em Pão Torrado – este, você pode engolir!” – infame.

Nas imagens, o próprio candidato e uma possibilidade para os santinhos bolada pelo artista irlandês Dermot Flynn. Não é que é viável?!

pao-torrado_fbs

arte-torradas-celebridades

Enviado por rwapolloni, 22/09/14 11:00:19 AM

Categoria Cover – Rock & Assemelhados
mick-jagger-do-brasil_fbstiche-michael-jackson-cover_fbselvis-presley_fbslobao-40666_fbsmaluco-beleza_fbs

Categoria Cover – MPB & Assemelhados
tim-maia_fbsxororo_fbs

Categoria Funk & Assemelhados
vovo-do-funk_fbsadriano-gospel-funk_fbsmulher-pera_fbs

Categoria – “Eles por eles mesmos”
sergio-reis_fbssula-miranda_fbselymar-santos_fbsaguinaldo-timotheo_fbsjose-rico_fbs          gibi-ex-originais-do-samba_fbs

Enviado por rwapolloni, 20/09/14 2:40:54 PM

Só pode ser intriga da oposição: ao acompanhar uma postagem deste blog no Facebook, um amigo da casa teve como link relacionado na própria rede social o de uma publicação com informações sobre os candidatos “Piroca” (cujo slogan é “pegue o dinheiro deles e piroca neles”) e “Xoxota” (que, provavelmente pelo risco de uma crise aguda de vergonha alheia própria, prescinde de bordão).

Dá até para imaginar o candidado, eleito, sendo chamado de “Vossa Excelência, Deputado Piroca” – no mínimo,a gente dá risada. Pior, mesmo, é confessar o voto na boca de urna. Dá uma sacada na foto.

Votacoes

Terra de Gigantes

Você pega seu carro no sábado pela manhã e, sossegado, vai ao mercado. E, no caminho, encontra o primeiro bonecão de Olinda automotivo da eleição, do candidato Valdir Pietrobon. Encarapitado na caçamba da caminhonete, olhando imponente para o horizonte e provocando estranhamento nos motoristas e nos pedestres. Vale como propaganda – todo mundo sabe que o Pietrobon é candidato; se conquista voto, bom… há controvérsias.

20140920_113224

Tirando onda com o Bichón Frisé

No Twitter, Requião embarcou na onda humorística despertada pela aparição recente e meio desastrada do bichón frisé Bruno Henrique na propaganda de Alvaro Dias. Partiu para o deboche: “O Alvaro se fotografa com seu ‘Bichon frisé’ e eu tiro com o Leão”. Como bem observou Tia Miloca: “Esse tá se achando”.

Bx8GlMUIMAECXbU

O “Batsinal” Gaúcho

Em um comício do PT na Serra Gaúcha, o candidato ao Senado Olívio Dutra foi representado em um telão por seu sinal distintivo – o bigode. Qualquer semelhança com o batsinal é mera coincidência:

dddbatman-hg-20110930 

Páginas12345... 19»
Este é um espaço público de debate de idéias. A Gazeta do Povo não se responsabiliza pelos artigos e comentários aqui colocados pelos autores e usuários do blog. O conteúdo das mensagens é de única e exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.
Publicidade
Publicidade
Publicidade
«

Onde e quando quiser

Tenha a Gazeta do Povo a sua disposição com o Plano Completo de assinatura.

Nele, você recebe o jornal em casa, tem acesso a todo conteúdo do site no computador, no smartphone e faz o download das edições da Gazeta no tablet. Tudo por apenas R$ 49,90 por mês no plano anual.

SAIBA MAIS

Passaporte para o digital

Só o assinante Gazeta do Povo Digital tem acesso exclusivo ao conteúdo do site, sem nenhum custo adicional ou limite.

Navegue com seu celular ou baixe todas as edições no tablet - um novo jeito de ler jornal onde você estiver.

CLIQUE E FAÇA PARTE DESSE NOVO MUNDO

»
publicidade