Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

Telefonia

DDD 41 é recordista de pedidos de portabilidade

  • Gladson Angeli
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

Curitiba e as cidades da região metropolitana e do Litoral do Paraná foram as campeãs de pedidos de transferência no primeiro dia de implantação de portabilidade numérica entre as 42 localidades onde o sistema já está disponível. Na segunda-feira (12) a portabilidade chegou ao DDD 41 e foram registradas 926 solicitações de troca de operadora. O sistema que permite o usuário mudar a prestadora mantendo o número está sendo implantado gradualmente no país desde 1.º setembro.

De acordo com dados da Associação Brasileira de Recursos em Telecomunicações (ABR Telecom), entidade administradora da portabilidade numérica no Brasil, anteriormente, o DDD 51, do Rio Grande do Sul, tinha registrado a maior quantidade de pedidos no primeiro dia. Foram 730 pedidos na última quinta-feira (8). Entre 1.º de setembro e 8 de janeiro o recorde era do DDD 62, de Goiás, com seus 430 pedidos no primeiro dia de implantação.

A maior parte dos pedidos de portabilidade na região do DDD 41 é de telefones fixos, 625 solicitações contra 301 de usuários da telefonia móvel. Apesar da grande quantidade de pedidos, o primeiro dia da portabilidade em Curitiba foi marcado pela falta de informação das lojas das operadoras.

Outras duas regiões paranaenses já foram beneficiadas pela portabilidade. Nas cidades com DDD 43 a medida entrou em vigor em 1.º de setembro e 22 mil pedidos já foram feitos. Já no DDD 44 a portabilidade começou em 10 de novembro e até agora 10 mil usuários já solicitação a transferência.

Na próxima segunda-feira (19) será a vez dos paranaenses que moram nas regiões com DDD 42 a ter o direito da portabilidade. Nas cidades do estado com DDD 45 e 46 a mudança será garantida a partir de 2 de fevereiro.

O processo

O usuário deve procurar a empresa para a qual quer mudar e solicitar a portabilidade. Esta operadora, por sua vez, remete a solicitação à Entidade Administradora (ABR Telecom) que irá acionar a empresa de onde o usuário deseja sair.

Para que o usuário efetive sua portabilidade é necessário que os dados (nome, número de identidade e CPF) apresentados para nova operadora estejam idênticos aqueles cadastrados na base de dados da operadora atual. Por isso, é recomendado que o usuário atualize seus dados antes de mudar de operadora.

A ABR Telecom informa que mesmo após a solicitação de troca de operadora, o usuário ainda tem dois dias úteis para desistir da mudança e comunicar a decisão à operadora a qual havia pedido para migrar.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Economia

  1. Segurados que sempre receberam o salário mínimo ou que começaram a contribuir mais tarde ao INSS podem se beneficiar solicitando o benefício ainda neste ano. | Albari Rosa/Gazeta do Povo

    Previdência

    Pedir a aposentadoria ainda neste ano ou esperar? Saiba o que vale a pena

  2. É preciso estar com o cadastro em dia no banco para ter o crédito direto da liberação antecipada do PIS/Pasep na conta bancária. | Marcelo AndradeGazeta do Povo

    Finanças

    Governo divulga o calendário do saque antecipado do PIS/Pasep

  3. Prova do processo seletivo deve ser aplicada em março de 2018.  | Divulgação/Marinha do Brasil

    salários de até R$ 8,9 mil!

    Marinha abre concurso com 645 vagas temporárias. Veja as oportunidades

PUBLICIDADE