Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

paranaense

Atlético goleia na Arena e entra na zona de classificação do Paranaense

  • Vinicius Cordeiro especial para a Gazeta do Povo
  • Atualizado em às
 | Jonathan Campos/Gazeta do Povo
Jonathan Campos/Gazeta do Povo
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

Com a equipe alternativa, o Atlético venceu o Cascavel por 4 a 0 neste sábado (18) e entrou no G8 do Paranaense. O Rubro-Negro construiu a vantagem na Arena ainda no primeiro tempo, o que deu tranquilidade para a equipe controlar a partida que abriu a 8.ª rodada do Estadual.

TABELA: Veja como está a classificação do Paranaense 2017

LANCE A LANCE: Veja como foi Atlético x Cascavel

O gols do Atlético foram marcados por João Pedro e Zé Ivaldo no primeiro tempo, e por Matheus Anjos (duas vezes) na segunda etapa. Essa foi a melhor atuação do time no Estadual.

Com a goleada, o Furacão pulou para a sexta colocação, com 10 pontos. Já a Cobra ficou na décima colocação e terá de torcer para Foz e PSTC não vencerem seus jogos nessa rodada para não entrar na zona de rebaixamento.

“Essa vitória foi construída ao longo dos outros jogos. Estamos tendo mais posse e mais finalização que os adversários. Quando não tivemos, apesar da pouca idade, fomos bem organizados. Mais cedo ou mais tarde, iria sair esse resultado”, disse Bruno Pivetti, auxiliar técnico que é chamado também de “segundo treinador”.

Ele é quem vem comandando o Rubro-Negro na competição com a equipe alternativa. “O Matheus foi titular em alguns jogos e tem um grande futuro. Tanto o Léo quanto o Yago conseguiram criar jogadas pelo lado direito. Pela esquerda, Lodi fez uma boa dupla com Nicolas. Eles fazem parte do grupo e todos terão a oportunidade de jogar”, ressaltou Pivetti, satisfeito com seus jogadores.

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/03/18/Esportes/Imagens/Vivo/CAP Cascavel.jpg
Jonathan/Campos

Confira quem foram os destaques da partida:

Craque

João Pedro

O meia foi o grande jogador do Atlético na partida, responsável pelas jogadas ofensivas mais perigosas do Furacão na primeira etapa. Homem da bola parada, ele quem abriu o placar de pênalti e fez a cobrança do escanteio para Zé Ivaldo fazer o 2 a 0.

Bonde

Marco

O lateral esquerdo vai ter dificuldades para dormir. Além de cometer o pênalti com 5 minutos de jogo, o jogador foi expulso aos 10 minutos da segunda etapa e complicou ainda mais o Cascavel na partida.

Guerreiro

Matheus Anjos

O meia substituiu João Pedro na segunda etapa e continuou dando qualidade ao ataque atleticano. Com apenas 21 minutos em campo, Matheus fez valer a superioridade numérica do Rubro-Negro e anotou dois gols para decretar a goleada do Furacão.

Gols

1º tempo

1 x 0 (5 min) – Luís Henrique foi derrubado na área depois do cruzamento de Nicolas. João Pedro bateu bem e abriu o placar para o Furacão

2 x 0 (22 min) – João Pedro cobra escanteio e Zé Ivaldo cabeceia forte para ampliar a vantagem do Rubro-Negro

2º tempo

3 x 0 (29 min) – Renan Lodi fez ótima jogada individual e tocou para Matheus Anjos. O meia, que substituiu João Pedro na segunda etapa, fintou um marcador e chutou para fazer o terceiro do Furacão

4 x 0 (40 min) -Matheus Anjos cobrou falta com categoria e acertou o ângulo do goleiro Darci.

Chave do jogo

Gol do João Pedro

A conversão do pênalti logo no começo da partida deu tranquilidade para os reservas do Furacão crescerem no jogo. Depois do primeiro gol, o setor ofensivo da equipe rubro-negra ficou confiante e criou ótimas jogadas no resto do confronto.

Cartões

Amarelos: Léo, Renan Paulino (Atlético); Marco (Cascavel)

Vermelhos: Marco (Cascavel)

Próximos jogos:

Atlético: J. Malucelli (fora); Cianorte (casa); Paraná (fora)

Cascavel: Rio Branco (casa); Prudentópolis (casa); Toledo (fora)

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Esportes

  1.  |

    série B

    Veja matemática da briga ‘por última vaga’ na Séria A de 2018

  2.  | Marcelo Andrade/Gazeta do Povo

    brasileirão

    Contra o Vasco, Coritiba busca vitória para deixar a zona de rebaixamento

PUBLICIDADE