Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

Perda

Volante do Cianorte morre depois de sofrer acidente de carro

Marcos Tora, de 28 anos, passou por diversos clubes brasileiros e estava no elenco do Leão do Vale que disputa a Série D do Brasileiro

  • Gazeta do Povo
Marcos Tora morreu em um acidente de carro |
Marcos Tora morreu em um acidente de carro
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

O volante Marcos Tora, do Cianorte, morreu na madrugada deste domingo (1.º). O jogador, de 28 anos, sofreu um acidente de carro no início da noite de sábado (30), quando retornava para a cidade do Noroeste paranaense. O atleta estava de folga, pois, neste fim de semana, o Leão do Vale não atua pela Série D do Campeonato Brasileiro.

O clube informou que Marcos Tora perdeu o controle do carro em uma curva e acabou batendo em três árvores. De acordo com a Polícia Militar de Cianorte, a colisão ocorreu na rodovia municipal José da Silva, sentido distrito de Vidigal. Ele estava sozinho no veículo, chegou a ser encaminhado para um hospital da região, mas não resistiu aos ferimentos.

O velório do atleta está sendo realizado na Capela Perpétuo Socorro, em Cianorte. No fim da tarde, o corpo do jogador será encaminhado para Carazinho (RS), cidade natal dele.

Carreira

Marcos Tora passou por diversos clubes brasileiros ao logo da carreira, a grande maioria deles do Sul do país. Ele esteve no Paraná, em 2006. Neste ano, ele disputou o Estadual pelo Arapongas e, há cerca de 45 dias, havia sido contratado pelo Cianorte. Fora do Brasil, ele jogou no Danubio, do Uruguai.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Esportes

  1.  | Jonathan Campos/Gazeta do Povo

    desabafo

    Autuori detona comportamento “intolerável” e “covarde” da torcida do Atlético

  2.  |

    série b

    Paraná pode eliminar dois concorrentes em casa. Veja a matemática do acesso

  3. Juliano Beletti, ex-jogador e atualmente diretor do Coritiba. | Divulgação Coritiba

    institucional

    Beletti rebate boatos de saída: “Sou diretor do Coritiba”

PUBLICIDADE