Blog / 

Rodrigo Constantino
Rodrigo Constantino

Um blog de um liberal sem medo de polêmica ou da patrulha da esquerda “politicamente correta”.

Artigos

IPCA é o mais alto em janeiro desde 2003 e acumula quase 11% em 12 meses

Deu no GLOBO:

A inflação oficial do país, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), abriu o ano em 1,27%, 0,31 ponto percentual acima da taxa de 0,96% registrada no mês de dezembro. O índice é maior do que o registrado em janeiro do ano passado (1,24%) e o mais alto para o mês desde 2003, quando atingiu 2,25%. Em 12 meses, o IPCA ficou em 10,71%, acima dos 10,67% dos 12 meses imediatamente anteriores, tornando-se o resultado mais elevado desde novembro de 2003 (11,02%).

A taxa ficou acima da média estimada pelos analistas consultados pelo Valor Data, de 1,1% de avanço. O intervalo das estimativas era de alta de 1,02% a 1,20%. Em 12 meses, a previsão era de inflação de 10,52%. O teto da meta do governo para 2016 é de 6,5%.

Os grupos de alimentação e bebidas, com alta de 2,28%, e transportes, com 1,77%, que têm maior peso na despesa das famílias, foram responsáveis por grande parte do resultado do IPCA do mês. Juntos, os alimentos, contribuindo com 0,57 ponto percentual, e os transportes, com 0,33 ponto, tiveram contribuição de 0,90 ponto percentual, detendo 71% do índice.

IMG_0237

Eis o quadro medonho: inflação de 11% (em alta), queda da atividade de quase 4%. Claro, você vai escutar cada hora uma desculpa diferente: foi o El Niño que afetou a safra; foi a alta do diesel que encareceu o transporte dos alimentos; foi o dólar que pressionou os insumos; foi o governo subindo imposto de cerveja, cigarro e ração; etc. E a cada nova rodada, a inflação continuará resiliente, ou mesmo subindo, sem o tal arrefecimento previsto pelos mesmos que causaram o problema.

Pela “lógica” dos “desenvolvimentistas”, já era para o nível geral de preços ter voltado a um patamar normal, uma vez que a economia está em frangalhos e a demanda está desaquecida. Essa gente ainda não entendeu que inflação é sempre um fenômeno monetário. Se a atividade está em baixa, eles “pensam” que automaticamente os preços vão cair. Depois ficam encontrando desculpas ad hoc para cada item da cesta, que sobe em termos gerais.

Se você quer evitar cair nessa armadilha, se não quer ser refém da falta de conhecimento básico de economia, como os doutores e mestres da Unicamp, então permita-me um misto de autopromoção com altruísmo: assista meu curso online sobre economia. Aproveite esse Carnaval e, em vez de dar dinheiro para bicheiros e políticos safados, compre algo que vá agregar valor a você.

Garanto que você vai rir da próxima vez que divulgarem um índice de inflação alto, acima das expectativas, e os “especialistas” ficarem apontando para itens isolados como os “vilões” da inflação, enquanto o verdadeiro vilão, o único vilão de verdade, é o próprio governo. Quer dizer, você vai rir da ignorância deles, mas vai chorar quando ela custar caro no seu bolso…

Rodrigo Constantino

PUBLICIDADE

Sobre / 

Rodrigo Constantino
Rodrigo Constantino

Economista pela PUC com MBA de Finanças pelo IBMEC, trabalhou por vários anos no mercado financeiro. É autor de vários livros, entre eles o best-seller “Esquerda Caviar” e a coletânea “Contra a maré vermelha”. Contribuiu para veículos como Veja.com, jornal O Globo e Gazeta do Povo. Preside o Conselho Deliberativo do Instituto Liberal.

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...

Saiba Mais

Arquivos

informe seu email e receba nosso conteúdo gratuito