Vida e Cidadania

Fechar
PUBLICIDADE

Campos Gerais

Polícia controla tentativa de fuga em presídio de Ponta Grossa

Sessenta e três presos iniciaram um princípio de rebelião por volta das 18h30 desta segunda-feira (29) e a polícia conseguiu controlar os detentos por volta das 20h

 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

Policiais civis e militares trabalharam para evitar uma tentativa de fuga após um princípio de rebelião no presídio Hildebrando de Souza, em Ponta Grossa, nos Campos Gerais. Sessenta e três presos iniciaram a manifestação por volta das 18h30 desta segunda-feira (29) e a polícia conseguiu controlar os detentos por volta das 20h sem que ninguém ficasse ferido. Nenhum preso fugiu.

De acordo com o delegado adjunto da 13º subdivisão policial, Leonardo Carneiro, os policiais militares flagraram os presos fazendo buracos nas paredes de cinco celas e realizando a queima de colchões. Cerca de 30 agentes, entre civis e militares, trabalharam na ação contra os detentos. No fim da operação, os policiais encontraram cinco celulares e 450 gramas de maconha que estavam com os rebelados. Neste domingo (28), a polícia já havia apreendido 70 gramas da droga no presídio.

Para o delegado Carneiro, um dos principais motivos para o princípio de rebelião seria a lotação do presídio. O local, que fica no bairro Santa Maria, a oito quilômetros do Centro, tem capacidade para 172 presos, mas atualmente abriga 472.

Dos 63 presos que se rebelaram, 40 estão condenados e deveriam ser transferidos para uma penitenciária, já que a função do presídio Hildebrando de Souza é abrigar apenas presos provisórios. Os detentos que participaram da tentativa de fuga foram transferidos de cela. O delegado Carneiro garantiu que vai intensificar a repressão contra fugas e entrada de armas e drogas no presídio.

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Vida e Cidadania

PUBLICIDADE
Acompanhe a Gazeta do Povo nas redes sociais